Xarope de Milho Faz Mal? Engorda?

Especialista:
atualizado em 22/06/2020

Veja se o consumo de xarope de milho faz mal e se pode causar o ganho de peso, além de conferir o que é e como ele é produzido.

As pessoas que amam doces provavelmente já devem ter escutado falar sobre um adoçante muito comum chamado de xarope de milho que é rico em frutose. Este adoçante está presente em muitas das guloseimas mais populares, como refrigerantes e doces.

Assim como o açúcar de mesa regular (sacarose), ele é composto por glicose e frutose – veja se ela faz mal à saúde. Foi no final dos anos 70, quando o preço do açúcar regular era alto, que esse adoçante se tornou popular nos Estados Unidos, já que os preços do milho estavam baixos devido aos subsídios do governo.

No entanto, o uso desse adoçante que contém um alto teor de frutose começou a diminuir ligeiramente devido à crescente popularidade dos adoçantes artificiais.

De acordo com a ANVISA – Agência nacional de Vigilância Sanitária, existem especificações variadas para este adoçante, e elas podem variar tanto em relação ao teor e tipos de açúcares presentes, como o teor de frutose. Mas será o consumo de xarope de milho faz mal? Ele engorda?

Como o xarope de milho é produzido

Este adoçante é feito de milho que é geralmente modificado geneticamente. Em seu processo de produção, o milho é moído uma primeira vez para produzir o amido de milho e, em seguida, esse amido é processado ainda mais para produzir o xarope de milho que consiste principalmente de glicose.

Para torná-lo mais doce e mais semelhante ao açúcar (sacarose), parte dessa glicose é convertida em frutose usando as enzimas.

Há vários tipos diferentes deste produto disponíveis no mercado, e cada um possui uma proporção diferente de frutose, sendo que a forma mais concentrada contém 90% de frutose.

O mais utilizado costuma ser o composto por 55% de frutose e 42% de glicose, sendo muito semelhante à sacarose (açúcar de mesa tradicional) que consta de 50% de glicose e 50% de frutose.

O consumo de xarope de milho faz mal?

Ao contrário dos açúcares naturais e igual ao açúcar de mesa tradicional, o xarope de milho é um adoçante processado, o que significa que é fabricado quimicamente.

Os efeitos nocivos do xarope de milho têm sido muito estudados. Um estudo realizado em 2004 e publicado no American Journal of Clinical Nutrition concluiu que o xarope de milho rico em frutose pode ser uma das causas da obesidade.

Embora estudos posteriores contestassem essa afirmação, concluindo que o excesso de comida em geral é o culpado pela epidemia de obesidade, a American Heart Association observa que o xarope de milho com alto teor de frutose é um tipo de açúcar, e o excesso de açúcar, processado ou não, pode levar ao ganho de peso e causar doenças cardiovasculares.

Em última análise, o xarope de milho com alto teor de frutose pode representar a maioria dos mesmos riscos à saúde que o açúcar tradicional – aproveite para conferir açúcar faz mal.

Sendo assim, por que o xarope de milho com alto teor de frutose é considerado ruim?

Por que o xarope de milho faz mal

O problema é que o xarope de milho com alto teor de frutose é encontrado em muitos dos produtos que as pessoas consomem diariamente, como laticínios, pães e cereais, mas ele não deve ser uma parte importante da sua dieta, já que ele é um açúcar, cuja ingestão deve ser sempre limitada.

Muitas pessoas já consomem mais açúcar do que o recomendado. A American Heart Association aconselha os homens a consumirem não mais do que nove colheres de chá de açúcar por dia, e as mulheres não mais do que seis colheres de chá.

Não há nada de errado comer um doce de vez em quando, mas o risco para a saúde está no exagero, já que ao exagerar você poderá se sentir doente ou cansado. Em alguns casos, exagerar no xarope de milho também pode causar diarreia.

Outros riscos do xarope de milho com alto teor de frutose incluem:

  • Depressão;
  • Aumento nos níveis de glicose no sangue;
  • Risco maior de doença cardíaca;
  • Mudança de humor;
  • Ganho de peso.

Para evitar esses problemas de saúde, é importante monitorar o quanto de açúcar você está consumindo, e para neutralizar os efeitos da ingestão de açúcar, você deve beber mais água e se exercitar.

De acordo com pesquisa, xarope de milho engorda mais do que açúcar

Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Princeton, nos Estados Unidos, demonstrou que todos os adoçantes não são iguais quando se trata de ganho de peso: ratos que consumiram xarope de milho ganharam significativamente mais peso do que aqueles que tiveram acesso ao açúcar de mesa tradicional, mesmo quando a ingestão calórica geral foi a mesma.

Além de causar ganho significativo de peso nos animais, o consumo a longo prazo de xarope de milho rico em frutose também levou a um aumento anormal de gordura corporal, especialmente no abdômen, e a um aumento de triglicérides.

“Algumas pessoas afirmam que o xarope de milho rico em frutose não é diferente dos outros adoçantes quando se trata de ganho de peso e obesidade, mas nossos resultados deixam claro que isso simplesmente não é verdade, pelo menos nas condições dos nossos testes”, disse o professor de psicologia Bart Hoebel, especialista em neurociência do apetite, peso e dependência de açúcar.

“Quando os ratos estão ingerindo xarope de milho com alto teor de frutose em níveis bem abaixo dos refrigerantes, eles estão se tornando obesos – todos eles, mesmo quando os ratos são alimentados com uma dieta rica em gordura você não vê isso, eles não ganham peso extra.”

Em resultados publicados na revista Pharmacology, Biochemistry and Behavior, os pesquisadores do Departamento de Psicologia e do Instituto de Neurociência de Princeton relataram dois experimentos que investigava a ligação entre o consumo de xarope de milho e a obesidade.

Como todos os outros açúcares, o xarope de milho oferece calorias “vazias”, ou seja, ele contém muitas calorias, mas absolutamente nenhum nutriente essencial. Por isso, além do fato de que o xarope de milho faz mal em excesso e engorda, ele irá deixar menos espaço para os alimentos ricos em nutrientes.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar que xarope de milho faz mal? Consome com frequência na dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário