Alimentos anticoagulantes

14 Melhores Alimentos Anticoagulantes

O seu corpo tem uma maneira específica de te proteger do sangramento, e na maioria das vezes, possui uma boa capacidade de coagular o sangue. Porém, há momentos em que os coágulos sanguíneos podem ser perigosos.

Por isso, se você tem certas condições, como por exemplo um ritmo cardíaco irregular, um defeito cardíaco congênito ou se passar por alguns procedimentos como cirurgia da válvula cardíaca, o seu médico pode prescrever algum anticoagulante, pois essas condições e cirurgias aumentam a chance de coágulos sanguíneos que ameaçam a vida, podendo causar um ataque cardíaco ou derrame.

Os anticoagulantes reduzem sua chance de ter um ataque cardíaco ou derrame, diminuindo a probabilidade de ocorrer a formação de coágulos sanguíneos, e embora as vezes seja necessário tomar remédios para isso, também existem alguns ingredientes encontrados na natureza que ajudam a reduzir o risco de coagulação, que são conhecidos como anticoagulantes naturais.

O que são os anticoagulantes naturais?

O sangue flui através dos vasos sanguíneos para fornecer oxigênio e nutrientes a todos os tecidos do corpo. Quando um vaso sanguíneo está lesado, um processo chamado de coagulação pode fazer com que o sangue forme coágulos impedindo o sangramento através do vaso sanguíneo que está lesado.

Assim que a coagulação começa, outras substâncias no sangue, os anticoagulantes naturais, atuam como freios para limitar a coagulação especificamente para a área que está prejudicada, evitando assim a formação de coágulos suficientemente grandes que podem obstruir o fluxo sanguíneo normal.

Há um equilíbrio delicado para garantir que haja o suficiente, mas não muito, coagulante no sangue. Muita pouca capacidade de coagulação leva a problemas de sangramento, enquanto que muita capacidade (trombofilia) pode levar à formação de coágulos sanguíneos.

O estado deste equilíbrio entre a hemorragia e a coagulação difere de pessoa para pessoa e muitas coisas podem atrapalhar esse equilíbrio. Como os anticoagulantes naturais são necessários para ajudar neste processo, ter deficiência dos mesmos pode atrapalhar esse equilíbrio e levar à trombofilia.

Os coagulantes naturais mais importantes são a proteína C, proteína S e antitrombina.

Alimentos anticoagulantes

Vários tipos de alimentos oferecem vários efeitos sobre o corpo, e é por isso que frequentemente os profissionais da saúde recomendam dietas especiais para as pessoas que sofrem com determinadas doenças ou pedem que evitem certos alimentos.

Muitos desses alimentos possuem uma propriedade anticoagulante que reduz a coagulação do sangue, o que pode ser benéfico para algumas pessoas e por isso os médicos podem recomendar a ingestão desses alimentos em tais circunstâncias. Ao mesmo tempo, os indivíduos que estão tomando medicamentos para diluir o sangue são aconselhados pelos médicos a evitar esses alimentos anticoagulantes.

Veja agora quais são os 14 alimentos anticoagulantes ou com efeitos de afinamento do sangue que previnem coágulos e oferecem múltiplos benefícios para a saúde.

1. Abacaxi

A enzima bromelaína que está presente no abacaxi lhe dá as propriedades anticoagulantes e de afinamento do sangue, pois ela reduz efetivamente a adesividade plaquetária e também impede a formação de gotas e pedras nos rins.

2. Cúrcuma

Vários estudos indicam que a cúrcuma, especiaria muito popular e utilizada em muitas cozinhas ao redor do mundo, afeta as plaquetas do sangue evitando que ocorra a coagulação, sendo também conhecida por ser um anticoagulante natural.

3. Ginseng

O ginseg é uma erva chinesa que há muito tempo tem sido conhecida como a cura para várias doenças. Ela pode ser um dos alimentos anticoagulantes naturais, capaz de reduzir a pressão arterial e os níveis de açúcar no sangue.

4. Vinho tinto

Tomar uma taça de vinho diariamente pode ser uma maneira de usufruir das propriedades anticoagulantes desta bebida, pois ela é eficaz no afinamento do sangue e impede o entupimento das artérias. Muitos estudos demonstraram os benefícios para a saúde cardíaca do consumo de uma quantidade moderada de vinho tinto devido às suas propriedades anticoagulantes naturais.

5. Chá de camomila

O chá de camomila é mais um anticoagulante natural que apresenta benefícios potenciais à saúde para pessoas com pressão alta e aumento dos níveis de colesterol. O chá de camomila muitas vezes tem interações negativas com remédios que atuam como afinadores de sangue, por isso é melhor evitá-lo quando estiver tomando este tipo de medicamento.

6. Amêndoas

As amêndoas são talvez as mais populares entre todas as castanhas e são alimentos anticoagulantes com propriedades bem documentadas.

Elas são uma fonte rica de vitamina E, que funciona como um diluidor natural do sangue, podendo impedir o entupimento das artérias e baixar os níveis de colesterol. No entanto, é melhor consultar um médico sobre o consumo de amêndoas caso esteja tomando medicamentos para afinar o sangue.

7. Alga marinha

A alga marinha têm uma quantidade substancial de vitamina K, que age como um anticoagulante. Comer alga marinha tem seus benefícios à saúde, porém também é importante evitá-las se estiver tomando medicamentos para afinar o sangue.

8. Canela

A canela é uma especiaria que, na verdade, a sua parte comestível é a casca da árvore. Usada para dar sabor a uma ampla variedade de alimentos, ela é muito conhecida entre os alimentos anticoagulantes.

Seu médico pode aconselhar o uso da canela sob certas circunstâncias, no entanto, é importante saber que o seu consumo prolongado é conhecido por danificar o fígado.

9. Pimenta Caiena

A pimenta caiena é usada para dar sabor a alimentos que vão desde a pizza ao curry; no entanto, é a natureza dessa especiaria tão popular que a destaca como benéfica para a saúde, já que ela é rica em salicilatos, que tem um efeito de afinamento do sangue que impede que haja a coagulação.

10. Gengibre

O gengibre é rico em salicilato, muito conhecido por ser um agente anticoagulante e afinador do sangue. Estudos da Universidade de Maryland, Estados Unidos, mostraram que o gengibre pode prevenir ou reduzir a coagulação do sangue. Esta pesquisa ainda está em estágio preliminar, no entanto, o gengibre é recomendado como uma medida de prevenção contra o bloqueio dos vasos sanguíneos que na maioria das vezes leva a ataques cardíacos e derrame.

11. Alho

O alho é um tempero muito popular utilizado para dar sabor a uma grande variedade de alimentos; no entanto, ele também serve para reduzir de maneira efetiva a pressão arterial e problemas com as plaquetas, o que resulta em uma melhor circulação sanguínea.

12. Peixe

Peixes como a truta, cavala e o salmão por exemplo, são ricos em ácidos graxos ômega-3, conhecidos por possuírem propriedades de diluição do sangue e anticoagulantes. Estes ácidos graxos são conhecidos por terem efeitos benéficos em pessoas que sofrem de níveis elevados de colesterol.

13. Azeite

O azeite é considerado um dos óleos comestíveis mais saudáveis por várias razões, e as suas propriedades anticoagulantes previnem a coagulação sanguínea, controlam os níveis de colesterol e fazem deste óleo um ótimo complemento alimentar e grande aliado para melhorar a saúde cardíaca.

14. Outros alimentos anticoagulantes

Outros alimentos que possuem uma quantia substancial de vitamina K são anticoagulantes naturais, como por exemplo os morangos, tofu, alimentos com proteína de soja ou óleo de soja, cebolinha e chá verde.

Esses alimentos anticoagulantes podem prevenir a coagulação sanguínea, mas vale lembrar que é melhor evitá-los quando estiver tomando anticoagulantes farmacêuticos.

Referências adicionais:

Você já consome com certa frequência esses alimentos anticoagulantes que separamos acima? Seu médico receitou o consumo deles por algum motivo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 4,50 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite


ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*