Amilase alta – O que é, causas, sintomas e tratamento

Especialista da área:
atualizado em 27/01/2022

A digestão é um processo complexo, regulado por uma série de enzimas que atuam de diferentes formas, como a amilase, que pode estar alterada em alguns casos, para níveis mais altos ou mais baixos que os valores de referência.

Essa enzima é produzida pelas glândulas salivares e pelo pâncreas, principalmente durante a digestão. Assim, a dosagem de amilase é um exame bastante importante, podendo ser utilizado para o diagnóstico de alguma doença que afete principalmente os órgãos digestivos.

  Continua Depois da Publicidade  

Por isso, no decorrer do artigo vamos entender o que é amilase alta, quais as causas e os sintomas desta alteração, e saber mais sobre os tratamentos disponíveis.

Veja também: Tratamento para pancreatite crônica e aguda

O que é a amilase?

A amilase é uma enzima digestiva que ajuda na quebra, ou hidrólise, dos carboidratos. Ela pode ser produzida pelo pâncreas e pelas glândulas salivares, sendo encontradas na saliva em forma de alfa-amilase (também chamada de ptialina) e no pâncreas como amilase pancreática. 

Essa enzima é extremamente importante no processo de digestão, que consiste na quebra dos alimentos em substâncias menores que podem ser absorvidas e transportadas para dentro das células.

Inicialmente, o alimento sofre a ação da enzima ptialina que está na saliva, durante a mastigação. Posteriormente, esta enzima será inativada pelo ácido do estômago e o bolo alimentar segue para o intestino, onde os carboidratos que ainda não foram quebrados entrarão em contato com outra enzima, a amilase pancreática.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, a amilase salivar é essencial também para evitar as cáries dentárias, pois os resíduos de alimentos ricos em carboidratos que permanecem nos dentes após a mastigação podem favorecer o crescimento das bactérias que produzem ácidos capazes de corroer o esmalte do dente. Desta forma, quando há maior produção de saliva, há também menor tendência de se desenvolver cáries.

Assim, a determinação da amilase no sangue é útil principalmente no diagnóstico de pancreatites e parotidites, apesar de o seu nível se mostrar aumentado em outras condições de saúde, como veremos a seguir.

O que é a amilase alta?

Exame de sangue
É através de um exame de sangue que se mede o nível de amilase

Os níveis de amilase são medidos através de um exame de sangue, que pode ser coletado tanto em um laboratório convencional quanto em um hospital. 

  • Valor de referência: 28 a 100 U/L.

Entretanto, normalmente o exame de amilase é solicitado juntamente com o de outras enzimas, como a lipase, para definir melhor o diagnóstico.

Veja também: Lipase alta – O que é, causas e tratamento.

Quais as principais causas da amilase alta?

Quando estas taxas estão acima do normal, caracterizando um quadro de amilase alta, também conhecido como hiperamilasemia, isto pode significar um sinal de inflamação, uma possível doença no pâncreas ou nas glândulas salivares. 

  Continua Depois da Publicidade  

Já quando os valores estão abaixo do normal, isto pode indicar um quadro de insuficiência pancreática ou mesmo a presença de doenças graves no fígado.

Além disso, também se observa elevação da amilase em casos de: 

  • Infarto ou perfuração intestinal
  • Peritonite
  • Gravidez ectópica
  • Apendicite
  • Inflamação na vesícula biliar, chamada de colecistite, ou a presença de cálculos biliares
  • Cetoacidose diabética
  • Alguns tumores pulmonares ou ovarianos
  • Traumas físicos
  • Queimaduras
  • O uso de alguns medicamentos que podem causar a pancreatite
  • Insuficiência renal
  • Níveis muito elevados de triglicerídeos
  • Consumo excessivo de álcool.

Sintomas

Os principais sintomas envolvidos no problema de amilase alta e nos casos de pancreatite aguda podem variar bastante de acordo com cada pessoa. Porém, existem alguns sintomas comuns, como: 

  • Dor abdominal progressiva, principalmente na parte superior do abdômen
  • Dor irradiada na região das costas
  • Náuseas e vômitos
  • Gases
  • Soluço
  • Inchaço
  • Sensibilidade na região abdominal
  • Icterícia
  • Erupções ou lesões na pele
  • Indigestão.

Além disso, quando ocorre um aumento da amilase em função da inflamação no pâncreas, este pode parar de produzir o hormônio insulina da forma correta, causando um quadro de diabetes, com sintomas como:

  • Sede excessiva
  • Vontade de urinar com frequência
  • Cansaço extremo
  • Transpiração
  • Perda de peso.

Entretanto, apesar de esses serem os sintomas mais comuns de amilase alta, existem ainda outros sintomas possíveis, dependendo da causa do problema.

Qual o tratamento para o problema de amilase alta?

Farmácia
Existem alguns medicamentos que podem ajudar a tratar as causas da amilase alta

O tratamento da amilase alta vai depender da sua causa, ou seja, deve ser tratada a condição de saúde que causou as alterações nos resultados do exame.

  Continua Depois da Publicidade  

Nos casos de pancreatite aguda, normalmente ocorre a hospitalização da pessoa para que a inflamação no pâncreas seja estabilizada e controlada, evitando novas crises da doença. 

O tratamento geralmente envolve o uso de medicamentos como analgésicos, de líquidos intravenosos, sendo também necessária a interrupção da alimentação pela boca para limitar a atividade do pâncreas. E nos casos mais graves, a cirurgia pode ser necessária para remover o tecido pancreático morto ou infeccionado.

Também é importante evitar o consumo de álcool, que pode causar uma irritação no pâncreas ou no fígado, assim como o de medicamentos que possam elevar a quantidade da amilase no sangue.

Recomenda-se ainda seguir uma dieta com baixo teor de gordura e com alta quantidade de fibras, mantendo também a adequada hidratação e ingestão de líquidos.

Já nos casos de parotidite, ou caxumba, o tratamento é apenas sintomático, uma vez que se trata de uma doença viral. Mas, como se trata de uma doença que pode ser prevenida com vacinas, vemos cada vez menos casos de parotidite.

Você já foi diagnosticado com amilase alta? Que tipo de tratamento seu médico receitou e quais sintomas foram percebidos? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (90 votos, média 3,82)
Loading...
Sobre Marcela Gottschald

Marcela Gottschald é Farmacêutica Clinica - CRF-BA 8022. Graduada em farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2013. Residência em Saúde mental pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Experiência em pediatria e nefrologia, com ênfase em unidade de terapia intensiva. Ela faz parte da equipe de redatores do MundoBoaForma.

Deixe um comentário

39 comentários em “Amilase alta – O que é, causas, sintomas e tratamento”

  1. Sim tive diagnóstico de amulase alta. P tratamento é feito com enzimas salivares, no almoço e na janta. Cuidados com a alimentação e beber bastanye água. E repetit p exame caso os sintomas persistam.

    Responder
  2. Minha filha, foi diagnosticada com amilase alta no .sangue.Nao está fazendo tratamento ainda, está fazendo novos exames

    Responder
  3. Fui diagnosticada com amilase alta (1000) há mais de 10 anos, faço exames periódicos e não foi encontrado nada que justifique. Existe amilase alta genética?

    Responder
  4. Me chamo Daniele Gomes sou de Salvador Ba e já tenho alguns anos com o diagnóstico de amilase alta e até hoje nenhum médico descobriu o porque ?
    Já fui em alguns médicos e nada , fiz vários tipos de exame para achar o motivo mas até hoje não consegui descobrir o motivo . Conto com a ajuda de vocês . 71 988855713
    @ddsgomes me ajudem !

    Responder
    • Boa noite Daniele, meu nome é Ana claudia, meu marido fez o exame e também esta com.a.ama se alta, inclusive hj repetiu o exame é o resultado foi de 1380, já fez vários exames e também não descobriu nada. Se alguém souber de alguma coisa por favor nos ajude.

      Responder
  5. Dr. Sinto dor nas costas, soluço e problemas de digestão, quando como alguma coisa em menos de 20 minutos tenho que fazer necessidade. Fui no laboratório fazer análise e os resultados indicam que tenho Amilase alta, o profissional da saúde me receitou Aspirina 21 comprimidos, Hidróxido de Alumínio 21 comprimidos e Prednisolona 21 comprimidos, para tomar 3 vezes ao dia durante 7 dias. Tenho 29 anos de idade.

    Responder
  6. tenho pedra na visicula a 4 anos sera que agora que veio me causar problmas o que devo tomar para desinchar o rosto

    Responder