Benefícios do chá pu-erh e para que serve

Especialista da área:
atualizado em 14/12/2020

Esse chá fermentado tradicional da China pode ser muito bom para a saúde. Confira aqui os benefícios do chá pu-erh e para que serve.

  Continua Depois da Publicidade  

É provável que você conheça outros chás fermentados como o kombucha, por exemplo. Aliás, veja também quais os benefícios do kombucha para a saúde.

Apesar de também ser fermentado, o chá pu-erh é diferente do kombucha, porque as próprias folhas de pu-erh são fermentadas antes mesmo do preparo do chá. Conheça mais sobre as vantagens do chá pu-erh.

O que é e para que serve

O chá pu-erh ou chá vermelho pode ser amarelo, dourado ou vermelho. Aliás, ele é obtido da Camellia sinensis, mesma planta que dá origem ao chá branco, ao chá preto e ao chá verde.

A depender do seu estado de fermentação, esse chá medicinal tem um aroma que pode ser floral, terroso ou amadeirado.

O sabor e o teor de microrganismo do chá pu-erh só aumentam ao longo do tempo. Além disso, quanto mais envelhecido, mais caro o chá.

De acordo com um estudo de 2019 da revista Molecules, o chá pu-erh sofre fermentação por mais de 10 anos. Durante esse tempo, micróbios se desenvolvem e são esses microrganismos os responsáveis pelos seus benefícios.

Alguns dos principais usos do chá pu-erh são para ajudar a perder peso, melhorar a digestão e desintoxicar o corpo.

Benefícios do chá pu-erh

Segundo um estudo publicado em 2016 na revista Clinical Interventions in Aging, o chá pu-erh pode regular o colesterol. De fato, essa propriedade é capaz de auxiliar no emagrecimento e na queima de gordura. 

De acordo com outra pesquisa do Chinese Journal of Integrative Medicine de 2011, o chá pu-erh pode ajudar no tratamento da síndrome metabólica – o que ajuda a melhorar os níveis de açúcar, os níveis de colesterol e a obesidade.

  Continua Depois da Publicidade  

Por isso, acredita-se que a ingestão diária pode ajudar a eliminar gordura abdominal e contribuir com a perda de peso.

Em estudos preliminares, o chá pu-erh promete acelerar o metabolismo. Além disso, a bebida tem potencial para:

  • Melhorar a saúde dos olhos;
  • Ajudar na digestão;
  • Estimular a circulação sanguínea;
  • Proteger o fígado
  • Evitar o inchaço e a retenção de líquidos;
  • Desintoxicar o organismo;
  • Reduzir o estresse oxidativo;
  • Prevenir doenças.

Como armazenar

pu-erh

O chá pu-erh geralmente é importado e um pouco difícil de achar. Mas é possível encontrá-lo na forma de folhas secas, sachês ou espécies de bolos fermentados.

Como ele é fermentado, você pode armazenar o pu-erh pelo tempo que você quiser. Quanto mais tempo você armazenar, mais apuradas serão suas propriedades.

A fim de evitar que o produto estrague, é importante guardar o pu-erh em um recipiente hermético em um local fresco e escuro.

Mas, se ainda assim suspeitar que o pu-erh está cheirando mal ou se observar mofo visível nele, é hora de jogar fora.

Há riscos ou contraindicações?

É importante observar as condições corretas de armazenamento para não tomar o chá estragado.

Além disso, o conteúdo de cafeína é outro fator importante. De acordo com uma pesquisa de 2016 da Pharmacognosy Magazine, uma xícara de chá pu-erh pode conter de 30 a 100 mg de cafeína.

  Continua Depois da Publicidade  

Sendo assim, ao exagerar no uso, algumas pessoas podem experimentar efeitos adversos por causa do excesso de cafeína, como por exemplo: 

  • Tontura;
  • Insônia;
  • Tremor;
  • Alterações no batimento cardíaco;
  • Desidratação;
  • Micção excessiva;
  • Diarreia.

Por fim, a presença de microrganismos no chá pu-erh pode causar alterações na flora intestinal e causar problemas digestivos nos primeiros dias de uso.

Apesar de não existir nenhuma dosagem específica, parece ser seguro tomar até 2 xícaras de chá pu-erh por dia.

Como fazer

xícara de chá pu-erh

Ingredientes:

  • 3 ou 4 gramas de folhas fermentadas de pu-erh para cada 1 xícara de chá;
  • Bastante água fervente.

Modo de preparo:

Em primeiro lugar, coloque as folhas fermentadas de pu-erh no bule e adicione água fervente. É importante que a água cubra todo o pu-erh. Logo após isso, descarte a água.

Em seguida, repita o processo mais uma vez e descarte a água. Essa etapa é essencial para garantir a qualidade do chá.

Depois disso, encha o bule com água fervente novamente e deixe o chá em infusão por 2 ou 3 minutos. Por fim, é só beber o chá e adoçar da forma que preferir.

Fontes e Referências Adicionais

E aí, você já experimentou o chá pu-erh? Pretende prepará-lo em casa? Comente!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário