Diabético pode comer queijo?

Especialista da área:
atualizado em 22/02/2022

A dieta do diabético pode ser bastante restritiva, e excluir uma série de alimentos: mas será que o queijo é um deles? Afinal, o diabético pode comer queijo ou não?

Essa dúvida vem muito da falta de informação sobre alimentos no geral, e principalmente sobre a diabetes e seu tratamento. Mas saiba que o queijo é uma ótima fonte de energia, e que ele pode ser uma peça chave no cardápio de muitas pessoas, diabéticas ou não.

  Continua Depois da Publicidade  

Então, a seguir vamos conhecer melhor este alimento e descobrir se ele pode ser incluído na dieta do diabético, além de conhecer os benefícios do queijo para a saúde dessas pessoas. 

Nutrientes do queijo

Apesar das diferenças nos sabores e texturas, os queijos têm algumas características nutricionais em comum, como:

  • São ricos em proteínas
  • Têm grandes quantidades de cálcio
  • Contém boas quantidades de algumas vitaminas, como A, B2, B9, B12 e D
  • Não contém grandes quantidades de carboidratos.

Mas existem diferenças também, principalmente no teor de gorduras saturadas e na quantidade de calorias.

Queijos magros
Queijos magros são as melhores opções para qualquer pessoa

Por isso, incluir queijos magros na dieta pode ser uma excelente forma de aumentar a ingestão desses nutrientes, sem prejudicar a contagem de calorias diárias.

Pessoas com diabetes podem comer queijo?

Antes de responder a essa pergunta, é vital entender o que é a diabetes:

  Continua Depois da Publicidade  

  • Diabetes tipo 1: uma doença autoimune que ataca as células do pâncreas, fazendo com que o órgão pare de produzir insulina
  • Diabetes tipo 2: nesse tipo, o fator principal da doença é a resistência à insulina, que faz com que o organismo não reaja de forma adequada ao hormônio.

Então, nos dois casos, a pessoa passa a sofrer com o aumento dos níveis de glicose no sangue, principalmente após comer alimentos ricos em carboidratos. 

Então, como o queijo é um alimento pobre em carboidratos, diabéticos sim comê-lo, lembrando sempre que a moderação é o fator mais importante para manter a saúde.

Assim, o ideal é sempre selecionar o tipo de queijo de acordo com as informações nutricionais, e dar preferência àqueles com baixo teor de gorduras. 

Veja também: Calorias do queijo – minas, branco, coalho, mussarela e mais

Outras questões importantes para quem tem diabetes

Apesar de o controle dos níveis de açúcar no sangue ser a mais importante para o controle da diabetes, existem outros fatores que devem ser analisados, para prevenir o aparecimento de outros problemas de saúde. São eles:

A questão das gorduras

A diabetes é um dos principais fatores de risco para o aparecimento de doenças cardiovasculares como: 

  Continua Depois da Publicidade  

  • Infartos
  • Acidentes vasculares cerebrais (AVC)
  • Tromboses, especialmente das pernas
  • Aneurismas.

Por isso, é aconselhável evitar o colesterol alto, além de também controlar os níveis de triglicérides no sangue. E a forma mais comum de fazer isso é diminuir o consumo de alimentos ricos em gorduras saturadas, como é o caso de alguns queijos.

Então, embora as gorduras provenientes dos produtos laticínios possam ser consumidas moderadamente, as gorduras insaturadas presentes em alimentos como nozes, sementes, abacate e alguns tipos de peixe constituem alternativas mais saudáveis.

A questão do sódio

Outro ponto importante a se prestar atenção é a quantidade de sódio presente nos queijos, que também pode afetar pessoas que têm problemas como a hipertensão.

Por exemplo, enquanto 30 g de queijo mussarela da marca Tirolez apresenta 118 mg de sódio, 30 g de queijo cheddar da marca Frimesa contêm 221 mg e uma porção de 30 g de queijo provolone da marca Quatá possui 260 mg do mineral.

Com isso, além de escolher um queijo com poucas calorias e baixo teor de gorduras saturadas, o ideal é que o diabético também opte pelo queijo que apresente a menor quantidade possível de sódio.

Benefícios do queijo para quem tem diabetes

Queijo
Existem alguns benefícios que o queijo pode fornecer a diabéticos

Dizer que o diabético pode comer queijo apenas moderadamente não significa que ele tenha necessariamente que ser excluído. Até porque ele pode trazer alguns benefícios, como veremos a seguir:

  Continua Depois da Publicidade  

1. É fonte de cálcio

O queijo e outros produtos laticínios fornecem boas quantidades de cálcio, que é um nutriente essencial para a construção de ossos e dentes.

Por isso, incluir laticínios do dia a dia pode ajudar a prevenir problemas como a osteopenia e a osteoporose.

2. Ajuda a controlar a glicemia

Um artigo divulgado no periódico Nutrición Hospitalaria demonstrou que consumir pelo menos três porções de laticínios por dia pode ajudar a melhorar a sensibilidade à insulina, o que melhora o controle de açúcar no sangue.

Além disso, os queijos geralmente são ricos em proteínas, que contribui para o seu baixo índice glicêmico, e ajuda a equilibrar os picos de açúcar no sangue que são desenvolvidos quando se consome carboidratos.

3. Aumenta a saciedade

O alto teor de proteínas do queijo pode ajudar a controlar a ingestão de calorias, uma vez que ele aumenta a sensação de saciedade.

Dicas e cuidados

Pessoas com diabetes devem ser acompanhadas por profissionais especialistas no assunto, como médico e nutricionista, para entender como deve ser feito o tratamento com medicamentos e dieta.

Isso é fundamental para que as dúvidas sobre o controle do problema sejam todas resolvidas, e assim se tenha o melhor tratamento possível.

Além disso, é importante ressaltar que este artigo serve apenas para informar, e jamais pode substituir as recomendações profissionais e individualizadas do médico e do nutricionista.

Vídeos

Fontes e referências adicionais

Você já ouviu falar que diabético pode comer queijo? Possui essa condição e costuma comer queijo com frequência? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário

2 comentários em “Diabético pode comer queijo?”

  1. Diabético tem que parar de comer qualquer tipo de pão, mesmo integral, que a mistura de farinha comum com outra farinha, rico em carboidratos refinados que são um veneno, sobretudo para os diabéticos

    Responder
  2. Como uma fatia de queijo fresca pela manhã acompanhado de 1 fatia de pão de forma integral. E aí?
    Obrigado.

    Responder