Dieta da Melancia – Como funciona, cardápio e dicas

atualizado em

A melancia é uma fruta que pode trazer uma série de benefícios para a saúde, o que levou alguns especialistas a criarem a “Dieta da melancia”.

Essa ideia surgiu do fato de que a melancia contém apenas 30 calorias em cada 100 gramas, ao mesmo tempo que é rica em fibras alimentares e outros nutrientes.

Assim, esse plano alimentar pode ser de grande ajuda para o emagrecimento, além de ser fácil de ser adotado, como veremos mais adiante. 

Então, vamos agora entender como funciona a dieta da melancia e descobrir como ela ajuda na perda de peso, além de conhecer uma ótima opção de cardápio.

Conheça todos os benefícios da melancia.

  Continua Depois da Publicidade  

O que é a dieta da melancia?

Melancia
Durante a dieta da melancia, a pessoa irá consumir a fruta ao menos uma vez por dia

De forma geral, a dieta da melancia é um plano alimentar que envolve a inclusão da melancia nas refeições, como uma forma de reduzir o consumo calórico e aproveitar os benefícios que essa fruta pode trazer para a saúde.

Mas essa inclusão não pode ser feita de qualquer jeito, sendo necessário também o consumo de outros alimentos saudáveis, como veremos mais adiante.

Veja também: 10 receitas de suco de melancia detox

Propriedades nutricionais da melancia

Como dito anteriormente, a melancia possui uma grande quantidade de água, e apenas 6% de açúcar. Ou seja, além de ser uma fruta refrescante, ela pode ser uma excelente opção para lanches e sobremesas.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, a melancia contém boas quantidades de vitaminas de complexo B, como B1, B6 e betacaroteno, Potássio e Magnésio, além de conter licopeno, que é um antioxidante natural que pode agir contra o envelhecimento das células.

Como funciona a dieta da melancia?

A dieta da melancia é uma dieta pobre em gorduras e pouco calórica, que visa a perda de peso rápida, além de diminuir a retenção de líquidos

Além disso, é importante lembrar que essa dieta pode ser associada a diversas outras metodologias, bastando inserir essa fruta tão saudável em diferentes refeições do dia a dia. Mas sempre fazendo algumas adaptações no cardápio, para torná-lo mais saudável.

Assim, podemos dividir a dieta da melancia e duas fases:

  • Fase 1: A primeira fase consiste nos três primeiros dias da dieta, e é recomendado que a melancia seja consumida em todas as refeições do dia, aliada a outros alimentos leves, nutritivos e saudáveis, como vegetais folhosos, frutas ricas em água, carboidratos complexos e proteínas magras.
  • Fase 2: A segunda fase desta primeira versão da dieta da melancia recomenda a inclusão da fruta apenas nos lanches entre as principais refeições. Essa fase pode durar do quarto ao décimo, ou pode ser estendida até o décimo terceiro dia, se for do interesse da pessoa.

Observação importante: Apesar de a melancia ter um alto teor de água, é importante manter uma boa hidratação, para assim ajudar os rins a eliminarem o excesso de líquido do organismo, além das substâncias nocivas resultantes do nosso metabolismo.

  Continua Depois da Publicidade  

Ideia de cardápio

Melancia
Duas ou três fatias de melancia: um lanche saudável e delicioso

Café da manhã:

  • 1 tigela de cereais integrais com leite desnatado
  • 1 fatia de pão integral
  • 1 fatia de queijo
  • Café ou chá sem açúcar

Lanches:

  • 2 ou 3 fatias de melancia

Almoço e jantar:

  • Uma porção de proteína, entre as seguintes opções: frango cozido ou grelhado (sem pele), peixe ou carne magra sem gorduras adicionadas.
  • 1 salada feita com todos os vegetais que você quiser. Você poderá temperar a salada com azeite de oliva extravirgem e/ou limão.
  • 150 gramas de arroz integral, de preferência apenas no almoço.
  • 1 fatia de melancia de sobremesa, caso seja da sua vontade.

Efeitos colaterais da dieta da melancia

Toda dieta, quando feita de forma errada, pode trazer riscos e efeitos colaterais, incluindo a dieta da melancia.

Esses efeitos se devem à restrição exagerada de calorias e nutrientes, e pode causar problemas como:

  Continua Depois da Publicidade  
  • Dores de cabeça.
  • Fraqueza e sonolência.
  • Hipoglicemia, que é a redução exagerada dos níveis de açúcar no sangue.
  • Mudanças no metabolismo, que podem dificultar a perda de peso.

Por isso, é importante sempre procurar a orientação de um profissional qualificado antes de iniciar qualquer plano alimentar novo.

Acompanhamento de nutricionista

A dieta da melancia pode ser uma alternativa interessante para você que deseja resultados rápidos de perda de peso, mas é importante que você entenda que o ideal é ter uma avaliação de um nutricionista.

Assim, através de um acompanhamento personalizado, o profissional poderá montar uma dieta balanceada que funcione especificamente para seu organismo, além de adaptá-la a seus gostos pessoais.

Exercícios físicos

Para que a perda de peso ocorra, é necessário que haja um déficit calórico. Ou seja, que o corpo gaste mais calorias do que consome.

Assim, além de uma boa alimentação, a realização de exercícios físicos pode ajudar bastante na perda de peso saudável.

Entretanto, é importante lembrar que nem todo exercício é adequado para todas as pessoas, e que o acompanhamento de um profissional de educação física é importantíssimo para evitar o surgimento de lesões e para adequar o treino às habilidades físicas de cada um.

Dicas e cuidados

A mudança na alimentação é a melhor forma de perder aqueles quilinhos extra. Mas, as vezes esse processo não é tão simples, e por isso o ideal é fazer uma combinação de dieta, exercícios e algumas outras dicas como:

  • Mantenha-se longe de alimentos gordurosos e doces, pois eles estão repletos de calorias vazias, e podem comprometer os resultados da dieta da melancia.
  • Evite consumir bebidas alcóolicas durante a dieta, uma vez que elas normalmente contém muitas calorias e podem causar retenção de líquidos.
  • Por fim, além dos exercícios e das mudanças na alimentação, é importante dormir bem, já que o sono é essencial para regular o nosso metabolismo e repor as energias. 

Por fim, consultar profissionais habilitados, como médico, nutricionista e educador físico pode ajudar bastante nesse processo de perda de peso.

Você já tinha ouvido falar da dieta da melancia? Qual opção você gostou mais? Acha que teria dificuldade em fazê-la? Comente abaixo!

Foi útil?
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário

7 comentários em “Dieta da Melancia – Como funciona, cardápio e dicas”

  1. A dieta do ovo eu sabia mas a melancia não mas eu gostaria de fazer e me consultar com a nutricionista e realizar o meu sonho de baixar minha barriga

    Responder
    • Certamente não é a melhor das escolhas, Ceanir. Passar praticamente um dia inteiro comendo só um tipo de alimento vai causar deficiências nutricionais.

      Responder
  2. rsrsr eu gostei, vou ate fazer uma publicacao amanha pois hoje estou sem tempo, muito bom, prefiro melao mas essas dicas sao perfeitas, bora fazer o suco de melancia

    Responder