Do que é feita a Salsicha – Ingredientes e cuidados

Especialista da área:
atualizado em 13/03/2021

Saborosa e prática, a salsicha faz parte do cardápio da maioria das pessoas, mesmo que poucos saibam do que ela é feita.

  Continua Depois da Publicidade  

E essa dúvida cria uma aura de desconfiança, e muitos inclusive acreditam que o processo de fabricação da salsicha, além de incluir ingredientes pouco saudáveis, é feito sem a devida higiene.

Então, para esclarecer todas essas dúvidas, veremos a seguir, como a salsicha é feita, quais os seus ingredientes e os efeitos na saúde.

Salsicha faz mal?

Apesar de ser uma fonte de proteínas de preço acessível, a salsicha não é um alimento saudável, e deve-se evitar o seu consumo.

Isso acontece porque ela é rica em aditivos alimentares que podem desencadear e mesmo agravar uma série de doenças.

Por isso, este alimento deve ser consumido com moderação, e não como uma fonte principal de proteínas.

Do que é feita a salsicha?

salsicha

A salsicha é um embutido, ou seja, uma carne processada, criado para aproveitar as sobras de carnes e os pedaços menos apreciados. Os ingredientes que a compõem, no entanto, dependerão do tipo de salsicha e mesmo da marca.

As salsichas de carne bovina e suína podem conter restos de cortes tradicionais e outros pedaços que, normalmente, não são consumidos, como bochechas, língua e vísceras.

E, de acordo com a lei brasileira, até mesmo carne de cabeça, estômago, rins, tendões, gorduras, coração e miolos podem incorporar a receita desse embutido.

O mesmo ocorre na fabricação de salsichas de frango, onde misturam-se à receita as partes comestíveis menos privilegiadas do animal, para formar a salsicha.

  Continua Depois da Publicidade  

No entanto, muitas pessoas acreditam que a fabricação desse alimento é algo feito sem higiene ou fiscalização.

Mas hoje em dia quase não há contato humano durante o processo, já que ele é quase inteiramente automatizado, desde a seleção dos cortes, à mistura e cozimento, assegurando um processo mais limpo do que se imagina.

Como é feita a fabricação da salsicha?

salsicha sendo fabricada

A preparação da salsicha passa por diversas etapas, em uma linha de produção automatizada, como veremos agora:

  1. A primeira etapa consiste no pré-cozimento dos ingredientes de origem animal, que ajudará a separar tecidos conjuntivos de gorduras, músculos e vísceras;
  2. Em seguida, é feito o corte de pedaços previamente congelados. Transforma-se esses cortes em pequenos pedaços que então são triturados até virarem uma espécie de farelo, que recebe adição de sal, conservantes, temperos e amido de milho, para dar consistência à mistura;
  3. Esse procedimento resulta em um produto feito metade de carne, e metade de outros ingredientes;
  4. Quando essa mistura sai da máquina, inicia-se o processo de embutimento, que consiste em colocá-la dentro de um envoltório, que dará a forma final à salsicha.
  5. Depois, transfere-se elas para uma estufa, que as cozinha por cerca de meia hora;
  6. Após esse processo, elas são resfriadas com o auxílio de uma ducha de água gelada, ajudando a eliminar os possíveis micro-organismos que possam estar na mistura, e embaladas à vácuo.

Qual a variedade de salsicha mais saudável?

É possível encontrar no mercado brasileiro salsichas feitas de carne bovina, suína e de frango.

As versões feitas com carne de ave são as menos prejudiciais, pois o índice de gordura saturada é menor em relação às outras opções.

No entanto, pessoas hipertensas ou com triglicerídeos altos devem evitar o consumo do alimento, mesmo as variedades feitas a partir da carne de frango.

cachorro quente feito com salsicha

Efeitos da salsicha no organismo

O preparo de salsichas e outras carnes embutidas inclui a adição de pedaços diversos de carnes bovinas, suínas e de aves a outros ingredientes como:

  • Amido;
  • Conservantes;
  • Sódio;
  • Temperos.

Essa mistura pode ser saborosa para muitos, mas também pode ser prejudicial à saúde, principalmente quando o consumo é feito de forma exagerada e frequente.

  Continua Depois da Publicidade  

Esses efeitos danosos ao corpo se devem principalmente a dois componentes: os nitritos e o sódio. Por isso, vamos entender um pouco mais sobre a ação dessas duas substâncias:

1. Nitrito

De acordo com a European Food Safety Authority, os nitritos, principalmente o nitrito de sódio, podem se ligar à hemoglobina, que são as responsáveis por carregar o oxigênio em nosso sangue.

Assim, esse conservante pode prejudicar a oxigenação das células do organismo, podendo levar ao mal funcionamento de alguns órgãos.

Além disso, o nitrito pode também contribuir para a formação de nitrosaminas, que são compostos cancerígenos.

2. Cloreto de sódio

As salsichas, assim como as demais carnes embutidas, são ricas em cloreto de sódio, o sal de mesa que usamos em casa para temperar alimentos.

Mas, apesar de ser um ingrediente comum na maioria das receitas, quando consumido grandes quantidades, o sódio é prejudicial à saúde, especialmente para as pessoas hipertensas, pois eleva a pressão arterial e contribui para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

E nas salsichas este tempero está presente em quantidades bastante altas, o que faz do seu consumo constante e exagerado, um fator de risco para o aparecimento de doenças.

Dicas e cuidados

Embora a salsicha seja um alimento que tenha caído no gosto dos brasileiros e de pessoas de outras nacionalidades, principalmente na forma de cachorro quente, em termos nutricionais, ela é super pobre.

No entanto, como se trata de um alimento fácil de preparar e com um bom custo-benefício, muitas pessoas não querem deixar de consumi-lo.

Dessa maneira, um dos principais cuidados devidos no consumo tanto desse tipo de alimento como nos demais embutidos, é sempre preferir as marcas conhecidas, que são submetidas a rigorosos processos de higienização, como a Anvisa exige.

Além disso, é importante limitar o consumo para que não haja excesso de substâncias nocivas no organismo. Isso é especialmente importante para as pessoas hipertensas ou com problemas cardiovasculares.

Gostou das dicas? Então aproveite para assistir ao vídeo abaixo.

Fontes e referências adicionais

Você já sabia qual é o processo de fabricação da salsicha? Consome ela com frequência? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Marcela Gottschald

Marcela Gottschald é Farmacêutica Clinica - CRF-BA 8022. Graduada em farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2013. Residência em Saúde mental pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Experiência em pediatria e nefrologia, com ênfase em unidade de terapia intensiva. Ela faz parte da equipe de redatores do MundoBoaForma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário