Dor de Cabeça ao Acordar – Causas e O Que Fazer

Especialista:
atualizado em 13/09/2019

A dor cabeça pode acontecer esporadicamente ou pode te incomodar constantemente. Certos tipos de dores de cabeça tendem a ocorrer com mais frequência ao acordar. Isso pode acontecer por vários motivos, como por exemplo uma enxaqueca ou cefaléia do tipo tensional, abstinência de cafeína, uso excessivo de medicamentos e sinusite, entre outros.

Vale a pena conhecer os motivos que causam a dor de cabeça ao acordar para que possa ajudar a tratar e até eliminar o problema.

Principais causas

A dor de cabeça nem sempre é igual, ela pode ser uma dor de cabeça aguda, opaca ou latejante. O período pode ser breve ou pode durar horas e até dias. Embora existam muito tipos de dores de cabeça, algumas acontecem com mais frequência ao acordar. São as chamadas dores de cabeça matinais.

As causas para a dor de cabeça ao acordar são várias – algumas são provocadas por abstinência a cafeína ou medicamentos, dores e até sinusite. A questão é que é importante reconhecer a sua causa para direcionar o tratamento correto.

1. Tensão

As enxaquecas e dores de cabeça crônicas tipo tensional costumam ocorrer pela manhã, mas pode acontecer a qualquer hora do dia ou da noite também. A enxaqueca ou cefaleia tipo tensional é considerada distúrbio primário, isso significa que não existe uma causa subjacente.

No início da manhã, o nosso corpo está exposto a um nível relativamente alto de adrenalina e baixos níveis de endorfinas e encefalinas, que são analgésicos naturais, e essa condição pode contribuir para a dor de cabeça ao acordar.

Os principais sintomas das enxaquecas costumam ser a dor latejante em um lado da cabeça e ela geralmente é acompanhada de sensibilidade à luz e som, além de náuseas e vômitos. A dor de cabeça tensional costuma provocar uma pressão dolorosa, não pulsante, que afeta a testa ou a parte de trás da cabeça, descendo para o pescoço. É comum que os músculos da cabeça e do pescoço sejam sensíveis a dores de cabeça do tipo tensão.

2. Abstinência a cafeína ou medicação

Se você é viciado em cafeína, do tipo que não consegue ficar sem café ou outra bebida com a substância, saiba que está predisposto a ter uma leve dor de cabeça ao acordar. Ela geralmente desaparece logo depois de tomar uma xícara de sua bebida favorita, pois é um sintoma comum de abstinência de cafeína e geralmente ocorre após 12 horas ou menos após o último consumo.

Assim como acontece com a cafeína, a dor de cabeça matinal também pode ser provocada pela abstinência de medicamentos. Isso acontece quando existe uma regularidade na ingestão de analgésicos de venda livre para dores de cabeça ou outras dores. A ocorrência matinal dessas dores de cabeça acontece pela falta dessa medicação por um período prolongado.

Os remédios que podem provocar essa dependência costumam ser a aspirina, acteaminofen (Tylenol), ibuprofeno (Advil, Motrin) e outros analgésicos vendidos sem receita médica. Alguns medicamentos prescritos também podem causar dor de cabeça ao acordar, incluindo remédios para enxaqueca e analgésicos opiáceos.

3. Sinusite

A inflamação nos seios da face é mais conhecida como sinusite, que comumente causa dores de cabeça ao acordar. Geralmente essas dores estão localizadas na testa, nas têmporas ou no topo da cabeça. Elas costumam acontecer pela manhã devido ao muco que se acumula nos seios da face durante a noite. Este tipo de dor de cabeça geralmente diminui gradualmente quando você se levanta, e os sintomas mais comuns são o entupimento nasal e drenagem, dor de garganta, gotejamento pós-nasal e possivelmente febre.

4. Transtornos da cabeça e pescoço

Um problema musculoesquelético no pescoço, como uma hérnia de disco, pode ser responsável por dores de cabeça matinais, especialmente se você não estiver dormindo com um travesseiro que suporte adequadamente a cabeça e o pescoço. Eles devem ajudá-lo a manter uma posição de dormir que adequadamente suporta seu pescoço e coluna.

Encontrar o travesseiro certo pode custar algumas tentativas e erros. Seu travesseiro deve manter sua cabeça e pescoço em uma posição semelhante à quando você está de pé. Almofadas macias não podem segurar seu pescoço e coluna corretamente, e travesseiros duros podem criar um ângulo muito significativo para o seu corpo. Tente substituir o travesseiro conforme necessário para manter a postura de dormir correta.

Dores de cabeça decorrentes de problemas no pescoço são normalmente localizadas na parte de trás da cabeça, mas podem irradiar para a frente. Dor e sensibilidade no pescoço também podem estar presentes.

5. Cefaleia em salvas

As cefaleias em salvas podem causar dor de cabeça ao acordar, embora sejam incomuns. Elas causam dor severa e unilateral localizada ao redor ou acima do olho, ou na área da têmpora, que geralmente duram de 15 minutos a 3 horas. Os sintomas percebidos nestes casos geralmente incluem:

  • Vermelhidão dos olhos e lacrimejamento.
  • Entupimento nasal e drenagem.
  • Transpiração facial.
  • Pálpebra caída e possível inchaço no lado afetado.

6. Insônia

A insônia afeta a qualidade do sono ou provoca a privação de sono e esta é uma das principais causas da dor de cabeça ao acordar. A insônia pode te manter acordado enquanto está tentando adormecer ou despertar do sono, trazendo dificuldade de voltar a dormir, e também pode provocar uma agitação durante o sono. Além disso, a falta de sono causada pela insônia pode causar enxaqueca também.

A insônia pode ser tratada de várias maneiras, como por exemplo o uso de medicamentos associados à terapia. Reduzir a insônia tem impacto relevante no alívio das dores de cabeça matinais.

7. Depressão ou ansiedade

Um dos principais motivos para as dores de cabeça crônicas pela manhã são também a ansiedade e depressão. Esse foi o resultado de um estudo publicado no Journal of American Medical Association. Além disso, essas condições podem levar à insônia, o que pode aumentar ainda mais o risco de dor de cabeça ao acordar.

Comumente essas condições podem ser gerenciadas com terapia, medicação ou uma combinação de tratamentos. O gerenciamento dessas condições pode ajudar a reduzir sua incidência de dores de cabeça matinais.

8. Ronco ou apneia do sono

A apneia do sono faz com que você pare de respirar às vezes durante a noite, e dessa forma o sono é interrompido. Esse pode ser um dos motivos da dor de cabeça ao acordar. O ronco pode ser uma causa ou um sintoma de apneia do sono. Geralmente, as dores de cabeça associadas à apneia do sono duram menos de 30 minutos. O tratamento da apneia do sono é feito com um equipamento especial, como uma máquina de pressão positiva contínua nas vias aéreas.

9. Bruxismo

O ranger dos dentes pode ocorrer à noite como um distúrbio do sono. Mais conhecida como bruxismo, essa condição pode causar dor de cabeça ao acordar. A presença de dor na mandíbula de manhã é outro sintoma revelador desta condição.

A dor dentária ou o desgaste dos dentes também podem ocorrer se o bruxismo noturno não for tratado e já durar um longo período. O bruxismo também está ligado a outras condições do sono como a apneia e o tratamento pode envolver um protetor bucal, técnicas de redução do estresse ou mudanças de comportamento.

10. Uso de álcool

A dor de cabeça ao acordar também pode ser o resultado de uma noite regada a álcool. Beber excessivamente pode resultar em sono irregular e uma dor de cabeça matinal como um dos sintomas da ressaca.

11. Outras causas

Existem outras causas que podem causar uma dor de cabeça ao acordar. Exemplos incluem: hipertensão arterial grave, insuficiência cardíaca, renal ou hepática, tumor cerebral ou coágulo sanguíneo ou lesão na cabeça, pericardite ou inflamação do saco ao redor do coração, tireoide hipoativa, glândula suprarrenal hiperativa ou tumor adrenal.

O que fazer?

A causa da dor de cabeça matinal deve ser diagnosticada, e assim que isso acontecer, é possível criar um plano de tratamento. A maior parte das causas está relacionada ao sono, então buscar ajuda para tratar alguns problemas relacionados ao sono pode resultar na eliminação da dor de cabeça ao acordar.

Abaixo, confira algumas recomendações referentes a o que fazer para tratar esse problema.

1. Promova bons hábitos de sono

  • Ir para a cama no mesmo horário todas as noites e estabelecer um horário para acordar é uma forma de estabelecer um padrão de sono regular.
  • Evite cafeína, nicotina e álcool, que são todos conhecidos por interromper o sono regular.
  • Evite atividades que estimulem o cérebro antes de dormir, como assistir a televisão ou navegar na Internet.
  • Pratique atividades calmantes, como meditação, antes de ir para a cama.
  • Mantenha um registro das atividades que ajudam a promover o sono e aquelas que dificultam o adormecer.
  • Crie um espaço escuro, silencioso e confortável para dormir.
  • Tome um banho para se sentir relaxado antes de dormir.

2. Busque ajuda médica para tratar a apneia do sono

Como citado acima, um dos motivos que causam dor de cabeça ao acordar e que atrapalham o sono é a apneia do sono, então buscar uma ajuda médica para tratar essa condição pode ajudar a solucionar este problema.

O médico pode pedir o exame durante a noite para fazer uma avaliação da apneia do sono. É importante notar que a apneia do sono tem sido associada a outros distúrbios mais graves, incluindo doenças cardíacas e hipertensão. O médico pode examinar essas e outras condições graves também.

3. Trate o bruxismo

O bruxismo está relacionado a dores de cabeça frequentes e um dentista pode ajudar a tratar esse problema. Geralmente, uma placa é fabricada para que a pessoa durma com ela durante a noite e isso evitará o ranger dos dentes.

A maioria das pessoas não sabe que tem esse distúrbio, então é essencial conhecer os sinais e sintomas do bruxismo. Esses incluem:

  • Moagem dos dentes, alto o suficiente para acordar o parceiro de sono.
  • Dentes inexplicáveis, achatados, lascados ou fraturados.
  • Sensibilidade ou dor na mandíbula ou face.
  • Músculos da mandíbula cansados.
  • A mandíbula não abre ou fecha completamente.
  • Dor de ouvido inexplicada, sem nenhum problema aparente com o ouvido.
  • Sensibilidade dentária e dor.
  • Danos inexplicáveis ​​no interior da bochecha.
  • Uma dor de cabeça fraca.
  • Perturbação do padrão de sono.
  • Dores de cabeça frequentes no início da manhã.

4. Busque auxilio para os transtornos do sono provocados por ansiedade ou depressão

Tratar os sintomas de ansiedade e depressão é essencial para manter o humor e controlar os distúrbios do sono para aqueles que têm dores de cabeça frequentes no início da manhã. Um profissional pode receitar um medicamento antidepressivo. Muitos tipos de antidepressivos ajudam a promover o sono saudável, e alguns são comumente usados ​​para prevenir enxaquecas, como os antidepressivos tricíclicos.

Um médico pode sugerir que tipo de medicação é melhor para tratar depressão ou ansiedade para as pessoas com dores de cabeça crônicas. Especialistas em sono ou psicólogos podem oferecer tratamento intensivo, como terapia cognitiva, modificação comportamental ou outras técnicas para treinamento de relaxamento. Alguns profissionais de saúde podem recomendar suplementos nutricionais para promover o sono.

5. Outros tratamentos

Se as dores de cabeça são causadas por uma condição subjacente, o tratamento dessa condição deve reduzir sua incidência de dores de cabeça matinais. Geralmente são recomendados o uso de medicamentos, então procure seguir a prescrição e não interrompa o tratamento sem antes falar com o seu médico. 

Quando ver um médico?

Dificilmente procuramos ajuda de um profissional quando estamos com dor de cabeça, mas em alguns casos é preciso. Todos os sintomas abaixo são considerados relevantes, então um médico deve ser consultado.

  • Ter duas ou mais dores de cabeça em apenas uma semana.
  • Dores de cabeça recorrentes, particularmente em pessoas com mais de 50 anos.
  • Dor de cabeça súbita ou grave acompanhada por um torcicolo.
  • Dor de cabeça que ocorre após um ferimento na cabeça.
  • Cefaleia acompanhada de febre, náusea ou vômito que não é explicada por outro transtorno.
  • Dor de cabeça com confusão, fraqueza, visão dupla ou perda de consciência.
  • Dor de cabeça que muda rapidamente de padrão ou gravidade.
  • Dores de cabeça crônicas em crianças.
  • Dor de cabeça acompanhada de fraqueza ou perda de sensibilidade em qualquer parte do corpo.
  • Dor de cabeça com convulsões ou falta de ar.
  • Dores de cabeça frequentes em alguém com histórico de HIV ou câncer.

A dor de cabeça ao acordar pode ser um episódio pontual, mas também um indicador de que algo não está bem. Investir em uma boa noite de sono e tratar causas subjacentes pode ajudar a eliminar essa condição. Observe os seus sintomas e busque ajuda médica se for necessário.

Fontes e Referências Adicionais:

Você costuma sentir dor de cabeça ao acordar algumas vezes? Qual acredita que possa ser a causa das suas dores? Já procurou algum tratamento? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (13 votos, média: 4,31 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário

5 comentários em “Dor de Cabeça ao Acordar – Causas e O Que Fazer”

  1. Eu acordo com dor de cabeça quase todos os dias , geralmente do lado direito com tontura e ânsia de vomito ,já faço uso de óculos dura o dia inteiro,o que posso tá fazendo?

  2. Eu tenho dores de cabeça matinais quase tds os dias.. Tenho bruxismo, apneia do sono (a confirmar) pois ronco muito tds as noites e tenho hernias de disco no pescoço(5) e nas costas (4), como devo proceder.. Tenho 47 anos,me chamo Rita.

  3. Sinto dor de cabeça todos os dias basta acordar, qualquer horário que durmo acordo com dor. Acho que dura no máximo 10 minutos. Já faço uso de óculos , tenho bruxismo e trabalho no período da noite. Será quê o bruxismo e o trabalho a noite pode ser a causa dessa dor de cabeça?

  4. Bom dia, tenho tido dor de cabeça e no pescoço nas laterais, todos os dias a mais de uma semana. Acordo durante a madrugada e pela manhã com sensação que estou deitada com a cabeça em uma pedra. O bruxismo pode ser a causa?

  5. Eu tive trombose de seio venoso, fiquei com seqüelas de equilíbrio ,condenação motora e visual Agora ultimamente acordo todos os dias com dor de cabeça do lado esquerdo, sera que tem relação com a trombose que tive ?