Inchaço nas mãos e dedos: 10 principais causas e o que fazer

Especialista da área:
atualizado em 06/07/2022

O inchaço nada mais é do que o acúmulo de líquido dentro de tecidos do nosso corpo, que em geral, acaba acontecendo na maioria das vezes devido a alguns processos inflamatórios nos próprios tecidos e articulações, ou então pela má circulação do sangue. 

O inchaço das mãos e dos dedos, mais especificamente, é uma condição relativamente comum, principalmente com o avanço da idade, algumas alterações hormonais ou até mesmo devido a mudanças na alimentação, da temperatura ou da altitude. 

  Continua Depois da Publicidade  

Este inchaço nas mãos e/ou nos dedos não costuma representar nenhum grande perigo à saúde, e geralmente desaparece com pequenas atitudes e mudanças. Em casos que o inchaço permaneça, é recomendado que se procure um médico para a realização de alguns exames e, se for o caso, o tratamento adequado.

Como as causas destes inchaços podem ser muitas, as formas de lidar também se alteram um pouco. Portanto, separamos aqui os 10 principais motivos do inchaço nas mãos e nos dedos, porque ocorrem e como reduzir ou tratá-los.

1. Excesso de sal na alimentação

Sal
Exagerar no sal traz uma série de problemas para a saúde, inclusive o inchaço

O inchaço nas mãos e dedos pode ser notado após uma refeição com muito sal. Isso ocorre devido ao sódio presente no sal atrair água para dentro das células, levando à retenção de líquidos e portanto ao inchaço.

Para reduzir este inchaço, a maior recomendação é aumentar a ingestão de água e diminuir o consumo de sal nas próximas refeições.

2. Linfedema

Linfedemas ocorrem quando o sistema linfático do organismo não consegue realizar a drenagem da linfa de maneira satisfatória, podendo levar ao inchaço das mãos e dos braços. 

  Continua Depois da Publicidade  

Linfedemas são mais comuns em pacientes em tratamento quimioterápico ou após a remoção cirúrgica de gânglios linfáticos devido a problemas de saúde, como o próprio câncer. Para reduzir este efeito, drenagens linfáticas podem ser aconselhadas por parte do oncologista responsável.

3. Alterações hormonais

A alteração de alguns hormônios, como a progesterona e o estrogênio, que ocorrem em momentos como a TPM, durante a menstruação e a gravidez, podem aumentar as taxas de retenção de líquidos no corpo, o que por sua vez pode causar o inchaço de alguns membros como as mãos e os dedos.

Um inchaço leve nestes períodos é normal e não deve causar preocupações. Para aliviar o sintoma, deve-se aumentar o consumo de água. Além disso, alguns chás diuréticos, como o chá de cavalinha e o chá de hibisco, podem reduzir a retenção de líquidos e portanto melhorar o inchaço.

4. Má circulação

A má circulação é relativamente comum e pode ocasionar inchaços nas mãos e nos dedos, assim como em outras partes do corpo. Ela costuma ser causada naturalmente, pelo processo de envelhecimento, conforme as veias perdem um pouco de sua elasticidade, dificultando o fluxo sanguíneo e, com isso, causando os inchaços.

Drenagens e massagens linfáticas podem ser de grande ajuda, e em inchaços mais momentâneos, levantar os braços e mexer as mãos pode trazer uma melhora do quadro. 

5. Aumento da temperatura

Calor
A temperatura também pode influenciar no aparecimento do inchaço

Em climas mais quentes, os vasos sanguíneos se dilatam um pouco, e à medida que isso acontece, mais sangue acaba sendo enviado para as regiões do corpo, incluindo as mãos e os dedos, o que pode acarretar em um leve inchaço. 

  Continua Depois da Publicidade  

Nestes casos, erguer as mãos para cima e abrir e fechá-las pode já ser o suficiente, estimulando o sangue a voltar ao coração mais rapidamente. Uma outra medida que pode ajudar a reduzir o inchaço é esfriar a parte do corpo inchada. Portanto colocar as mãos debaixo de água corrente da pia pode também ajudar nesse sentido.

6. Inchaço durante a realização de atividades físicas

Durante a realização de atividades físicas, o corpo acaba bombeando mais sangue do que o normal, uma vez que seus músculos, pulmões e coração precisam de mais oxigênio. Porém, como o sangue acaba sendo enviado mais para estes lugares, o fluxo de sangue nas mãos diminui um pouco, fazendo com que alguns vasos reajam dilatando-se para, assim, aumentar a circulação na região, o que pode causar um leve inchaço.

O inchaço irá reduzir gradativamente conforme a circulação sanguínea se normalizar após a prática do exercício físico, porém, algumas coisas que podem acelerar o processo são levantar os braços, abrir e fechar as mão e colocá-las sob água corrente gelada.

7. Uso de alguns medicamentos específicos

Certos medicamentos, quando ingeridos, podem ocasionar inchaços em diferentes partes do corpo, incluindo as mãos e os dedos. Alguns remédios usados em casos de diabetes, tratamentos hormonais, algumas medicações para reduzir a pressão arterial, e alguns esteroides podem causar estes efeitos adversos.

Esta não costuma ser uma resposta muito comum ao uso de medicamentos, então caso ocorra, preste atenção caso surjam novos sintomas, e neste caso, contate seu médico e informe-o sobre o ocorrido.

8. Tendinite

A tendinite é o processo inflamatório que ocorre em tendões, causando dores, inchaço, sensibilidade e podendo até mesmo reduzir a mobilidade da região em que ocorre. Pode acontecer principalmente com pessoas que realizam movimentos repetitivos cotidianamente com as mãos, como escrever ou digitar.

  Continua Depois da Publicidade  

As maiores recomendações em casos de tendinite são repousar a região afetada, aplicar gelo e pomadas anti inflamatórias e buscar ajuda com fisioterapeutas, de forma que a inflamação não progrida para quadros mais sérios.

9. Artrite

O inchaço de articulações é um sintoma recorrente em casos de artrite. Portanto, caso o inchaço seja perceptível nas áreas dos pulsos e articulações dos dedos, e dure alguns dias, pode se tratar de um sintoma de artrite.

Caso você acredite que este seja o caso, a maior recomendação é a de procurar por um médico, e havendo uma confirmação da causa, as medicações corretas e fisioterapias necessárias serão a melhor solução.

10. Reações alérgicas

Alergia
As mãos podem ficar inchadas devido a uma alergia

Como utilizamos as mãos para diversas coisas ao longo do dia, o inchaço delas quando acompanhado com coceiras e vermelhidão, pode se tratar de alguma dermatite de contato e/ou alergia, podendo ser causada por algum creme, solução, sabonete, produto de limpeza ou até mesmo algum alimento que tenha entrado em contato com as suas mãos.

Neste caso, a maior recomendação é lavar bem as mãos com água corrente gelada e um sabonete neutro sem perfume, tomar um remédio antialérgico, e caso a reação ocorra em outra parte do corpo ou haja mal estar, procurar auxílio médico.

Outros casos que podem precisar de ajuda médica

Caso o inchaço não seja apenas nas mãos e dedos, ocorrendo também em outros locais do corpo como o rosto ou os pés, além da alteração na quantidade e/ou aparência da urina, pode se tratar de um caso de insuficiência renal. Caso você note estes sintomas, busque ajuda médica imediatamente.

Também nos casos em que o inchaço for acompanhado de um cansaço excessivo, falta de ar e sensação de pressão na região do peito, pode se tratar de alguma insuficiência cardíaca, que devido ao baixo bombeamento de sangue, pode acabar acarretando no inchaço das mãos, dedos e pés. Neste caso, um médico cardiologista deve ser procurado.

Alguns outros sintomas gerais que podem ser um bom indicativo de que é hora de procurar ajuda médica são:

  • Caso o inchaço ocorra em apenas um lado do corpo
  • Caso a área inchada apresente vermelhidão
  • Havendo febre, tosse ou falta de ar
Fontes e referências adicionais

Você sofre com o inchaço nas mãos e dedos? Já descobriu a causa do problema? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Equipe MundoBoaForma

Quando o assunto é saúde, você tem que saber em quem confiar. Sua qualidade de vida e bem-estar devem ser uma prioridade para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada e altamente qualificada, composta por médicos, nutricionistas e profissionais de educação física. Nosso objetivo é garantir a qualidade do conteúdo que publicamos, que é também baseado nas mais confiáveis fontes de informação. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados à saúde, boa forma e qualidade de vida.

Deixe um comentário