Leite em Pó Engorda?

O leite em pó é uma versão desidratada do leite tradicional, que passa por uma máquina que retira a sua água, fazendo com que ela se torne uma pasta, e é borrifado no formato de gotículas em um equipamento com ar quente e seco até que ganhe a forma de pó.

Como o líquido do leite não é submetido a altas temperaturas, a perda de nutrientes é minimizada. Além disso, todo esse processo faz com que o produto passe a durar mais tempo.

O leite líquido dura até três dias dentro da geladeira, enquanto o leite em pó pode durar até um mês depois de ser aberto.

Além de ser diluído em água para que o consumidor possa beber o leite, o ingrediente também é utilizado em uma série de receitas como balas, bolos, pudins, brigadeiros, tortas e milkshakes, além de servir como acompanhamento do açaí, por exemplo.

Mas será que o leite em pó engorda? 

Para entendermos se o leite em pó engorda, precisamos conhecer a quantidade de calorias que são encontradas no produto. A tabela a seguir apresenta a quantidade de calorias encontradas em diferentes versões e marcas do leite em pó. Confira:

Tipo de leite em póCalorias por porção
Leite em pó semidesnatado Glória107 calorias a cada duas colheres de sopa
Leite em pó desnatado Italac72 calorias a cada duas colheres de sopa
Leite em pó integral Elegê129 calorias a cada duas colheres de sopa
Leite em pó zero lactose Molico89 calorias a cada duas colheres de sopa
Leite em pó integral fortificado Ninho Nestlé130 calorias a cada duas colheres de sopa

Geralmente mistura-se duas colheres de sopa do leite em pó em um copo de água, quando estamos falando do consumo do produto na forma de leite. Partindo do princípio de que a água não possui calorias, se não houver o acréscimo de nenhum outro ingrediente, os valores da tabela acima nos mostram que o resultado não será uma bebida tão calórica.

O mais alto delas é o de 129 calorias, o que não corresponde nem a 10% do consumo total de calorias de uma pessoa que ingere 2 mil calorias diariamente. Portanto, a partir do ponto de vista calórico, podemos concluir que o leite em pó pode aparecer na dieta de emagrecimento ou manutenção de peso, desde que isso aconteça de maneira moderada, obviamente.

Se o caso for o de um programa alimentar que visa a diminuição do consumo de calorias para emagrecer, de acordo com os dados da tabela, podemos entender que a versão do leite em pó que se mostra mais vantajosa neste sentido é o desnatado.

Os acompanhamentos do leite em pó

Ainda tratando a respeito das calorias para analisar se o leite em pó engorda, não podemos deixar de falar a respeito do valor calórico dos acompanhamentos que costumam ser consumidos juntamente com ele. É importante lembrar que a adição desses ingredientes também provocará o aumento das calorias do produto.

Por exemplo, se a pessoa adicionar três colheres de chá de açúcar, a bebida terá um acréscimo de 48 calorias. Já se a escolha for por duas colheres de sopa de um achocolatado em pó como Nescau ou Toddy, essa adição será de 75 calorias a 80 calorias.

Há ainda que se falar quando o leite em pó é utilizado no preparo de receitas de doces, em que o teor total de açúcar costuma ser alto – isso porque muito açúcar na dieta está associado à elevação do peso.

O especialista em fígado, doutor Juan Gallegos, explicou que quando há o consumo de muito açúcar, todo esse açúcar precisa ser armazenado em algum lugar.

Conforme o especialista, ele vai parar dentro das células de gordura. Gallegos esclareceu que depois que o açúcar em excesso é ingerido e entra no organismo, ele vai parar na corrente sanguínea. Quando o pâncreas percebe que os níveis de açúcar no sangue estão muito elevados, secreta o hormônio insulina, que faz com o açúcar parta para algumas células, principalmente as do fígado e as musculares, para que ele seja utilizado como energia, completou o especialista.

Gallegos ainda ressaltou que se essa energia em excesso não é utilizada, ela precisa ser armazenada em algum lugar. Segundo ele, se o açúcar no sangue elevado não é utilizado de alguma maneira, ele acaba sendo transformado em depósitos de gordura no corpo.

O especialista afirmou também que quando o fígado está sobrecarregado pelo excesso de açúcar, ocorre o acúmulo de gordura nas células hepáticas enquanto elas tentam adaptar-se a toda essa gordura extra que está chegando ao organismo. De acordo com ele, esse processo está associado não somente a problemas com o peso, mas também à diabetes e à doença hepática gordurosa.

O que esses dados nos mostram? Que a ideia que o leite de pó engorda ou emagrece pode ser verdade ou mentira conforme a forma em que ele é utilizado, de acordo com o tamanho das porções e com os ingredientes que o acompanham.

É importante lembrar ainda que não é um único alimento da dieta que engorda ou emagrece, mas toda a alimentação, além do estilo de vida da pessoa, que determinam o seu peso no final das contas.

Além disso, quer o desejo seja emagrecer, quer a vontade seja engordar, é preciso certificar-se de que a dieta esteja saudável, fornecendo os nutrientes e a energia que o organismo necessita para funcionar bem, de modo que o corpo não seja prejudicado.

O leite em pó faz mal? 

A nutricionista Monica Reinagel explicou que durante o processo de transformação do leite fresco em leite em pó, é provável que o colesterol do leite seja oxidado.

Isso dá origem ao colesterol oxidado que, de acordo com Reinagel, aparenta ser um tipo particularmente perigoso de colesterol. Segundo a nutricionista, trata-se de uma forma de colesterol que tem irregularidades em suas bordas, o que faz com que ele cause irritação aos vasos sanguíneos.

Reinagel esclareceu que essa irritação é o que desencadeia a formação de placa que, por sua vez, é o começo do desenvolvimento da doença cardíaca. Para piorar a situação, a nutricionista explicou que o colesterol oxidado ainda pode oxidar outros tipos de colesterol.

Ela falou ainda que é bom evitar alimentos que contenham o colesterol oxidado em sua composição, porém, também explicou que o leite em pó desnatado não carrega uma quantidade significativa de colesterol oxidado, tendo em vista que ele tem menos colesterol.

De acordo com Reinagel, no caso do leite em pó integral, a preocupação nesse sentido é maior já que ele carrega uma quantia maior de colesterol. Entretanto, ela afirmou que a maior preocupação em relação ao colesterol oxidado refere-se ao ovo em pó, tendo visto que os ovos carregam uma quantidade elevada de colesterol.

O leite em pó possui praticamente os mesmos nutrientes do leite convencional, portanto, traz os mesmos benefícios que ele. Porém, a versão em pó do leite recebe o acréscimo de aditivos para ter a sua durabilidade aumentada e para fazer com que ele fique com o aspecto de leite.

Além disso, o leite em pó faz mal para as pessoas que sofrem com a intolerância à lactose. Isso porque quem tem a condição sofre com problemas como náuseas, diarreia, excesso de gases e dor de estômago ao consumir alimentos com lactose, segundo informou a Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

Você já tinha ouvido falar que o leite em pó engorda, dependendo dos acompanhamentos e versões que forem ingeridas? Costuma consumi-lo de que forma? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (39 votos, média: 3,82 de 5)
Loading...

Deixe um comentário