Linhaça Dourada Emagrece Mesmo?

Especialista:
atualizado em 17/12/2019

Prima nobre da linhaça marrom, a sementinha dourada foi alçada ao status de super alimento e hoje em dia é difícil achar uma receita saudável que não inclua a linhaça na lista de ingredientes.

Fonte de nutrientes importes como ômega 3 e fibras alimentares, a semente tem sido muito utilizada em dietas para perda de peso, uma vez que muitos acreditam que a linhaça dourada emagrece e ajuda a enxugar medidas.

Antes de confirmarmos se realmente utilizar a linhaça dourada emagrece, vamos primeiramente conhecer algumas das propriedades da semente que a tornam tão benéfica à saúde e também conferir algumas dicas para encaixá-la na dieta.

Diferença entre a Linhaça Dourada e a Linhaça Marrom

Além da diferença de cor, a linhaça dourada também difere da marrom nas propriedades nutricionais. Importada do Canadá, possui uma concentração maior de proteínas, ômega 3 e ômega 6 que a linhaça marrom.

Propriedades da Linhaça Dourada

download

Apesar de pequena, a semente de linhaça dourada é gigante em suas propriedades nutricionais. De acordo com a Associação Americana de Nutrição, a linhaça é não somente uma excelente fonte de ácidos graxos essenciais como também contém fibras, vitaminas e minerais indispensáveis para a saúde humana.

Propriedades nutricionais da Linhaça Dourada- porção de 7 gramas (1 colher de sobremesa de farinha):

  • Calorias: 37 kcal
  • Proteínas: 1g
  • Fibras: 2 g
  • Gorduras totais: 3 g

Conheça alguns dos principais nutrientes da linhaça dourada e suas funções no organismo:

– Fibras

A semente de linhaça dourada contém uma boa concentração de fibras solúveis (que se dissolvem na água) e insolúveis. Enquanto as primeiras se separam na água e formam uma espécie de gel que dificulta a absorção de gorduras, as fibras solúveis absorvem água e aumentam o volume do bolo alimentar, melhorando o funcionamento intestinal.

– Ácidos graxos ômega 3 e ômega 6

Os ácidos graxos poli-insaturados ômega 3 e ômega 6 (formados a partir da conversão do ácido alfa-linolênico, ou ALA) encontrados nas sementes de linhaça dourada são ditos essenciais porque não são produzidos pelo organismo, e portanto somente podem ser obtidos através da dieta ou de suplementação.

Ainda que os ácidos graxos ômega 6 também sejam importantes, eles já se encontram em abundância em nossa dieta graças ao consumo excessivo de óleos vegetais – como canola e soja. Enquanto uma dieta saudável deve conter uma proporção máxima de ômega 3 para ômega 6 de 1:5, acredita-se que em nossa alimentação atual essa proporção esteja em torno de 1:20 a favor do ômega 6.

Acredita-se que esse gigantesco desiquilíbrio entre os dois principais tipos de ácido graxo poli-insaturado esteja por trás das crescentes taxas de obesidade, além de também ser responsável por uma série de complicações de saúde, como inflamações e doenças cardíacas.

O consumo de linhaça dourada pode ajudar a reequilibrar a proporção do ômega 3 e do ômega 6, atuando no combate às inflamações, aumentando os níveis de colesterol bom (HDL) e protegendo a saúde do coração.

Outro benefício dos ácidos alfa-linolênicos é a sua conversão em prostaglandinas anti-inflamatórias, substâncias que atuam na excreção do excesso de sódio pelos rins e que diminuem a retenção de líquidos.

– Lignanas

As lignanas são um tipo de fitoestrógeno, uma substância que tem o potencial de simular o estrógeno no corpo humano e atuar como um regulador natural do hormônio na circulação. Outra propriedade das lignanas é o seu potencial antioxidante, capaz de combater radicais livres e prevenir danos às células – que em geral resultam em envelhecimento precoce e doenças degenerativas.

Estudos recentes sugerem que altas concentrações de lignanas na circulação estão relacionadas a um menor índice de massa corporal. Embora cientistas ainda não saibam com certeza qual a relação entre as lignanas e o peso, acredita-se que ela possa ocorrer graças à atuação das lignanas no aumento da sensibilidade à insulina e na aceleração do metabolismo das gorduras no fígado.

– Vitaminas e Minerais

A linhaça dourada é fonte de minerais e vitaminas importantes para o organismo e que são utilizados para manter o funcionamento adequado do metabolismo e facilitar a perda de peso. Entre eles, temos os minerais cálcio, magnésio, ferro, cálcio, potássio, selênio, zinco e cobre e as vitaminas E, K e do complexo B.

E então, a linhaça dourada emagrece mesmo?

Quando combinada com uma dieta equilibrada e que inclua menos calorias do que o corpo necessita para manter seu metabolismo (ou seja, hipocalórica), sim, a linhaça dourada emagrece.

E isso se dá por cinco motivos principais:

1. Aumento da saciedade

As fibras, ácidos graxos e proteínas presentes na linhaça dourada trazem saciedade com relativamente poucas calorias. Enquanto os ácidos graxos poli-insaturados e as proteínas têm digestão lenta e mantêm o estômago cheio por mais tempo, as fibras absorvem água e aumentam o bolo alimentar, o que também contribui para o envio do sinal de saciedade ao cérebro.

2. Estabilização dos níveis de açúcar

A linhaça dourada possui uma quantidade muito pequena de carboidratos, o que significa que sua ingestão não irá causar uma desestabilização das taxas de açúcar no sangue. Na prática, isso quer dizer que não haverá picos de glicose e também que a insulina não será liberada de maneira exagerada na corrente sanguínea.

Para quem está tentando perder peso, essa é uma informação bastante importante, já que picos de glicose causam um aumento repentino no apetite e o excesso de insulina torna o metabolismo mais lento, estimula o acúmulo de gordura e pode inclusive causar diabetes do tipo 2.

3. Atividade anti-inflamatória

O excesso de peso causa um processo inflamatório no organismo, o que por sua vez estimula ainda mais o acúmulo de gordura – uma espécie de círculo vicioso. E por que isso ocorre?

Quando ganhamos peso, o nosso corpo não fabrica novas células de gordura; ele simplesmente preenche as células já existentes. À medida em que o peso aumenta cada vez mais, as células começam a se distender para dar conta do excesso de lipídios, o que por sua vez pode levar a microvazamentos de gordura de dentro das células.

Como resultado, os macrófagos (células de defesa) chegam até o local para remover esse excesso de gordura, e durante esse processo liberam compostos inflamatórios no tecido adiposo. E como o corpo reage à essa nova inflamação? Através da liberação de sustâncias anti-inflamatórias.

E é exatamente aí que reside o problema dessas inflamações ligadas ao sobrepeso: esses compostos anti-inflamatórios interferem com o mecanismo de ação da leptina, o hormônio da saciedade. Quando a leptina torna-se menos eficiente por atuação das inflamações, o organismo pode desenvolver um quadro de resistência à leptina, ou seja, ainda que o hormônio esteja em circulação, ele não consegue sinalizar de maneira adequada para o cérebro que você está saciado e é hora de parar de comer.

Tudo isso se traduz em um apetite acima do normal e um metabolismo mais lento, uma vez que a leptina também tem a capacidade de acelerar o metabolismo quando seu funcionamento está adequado.

A linhaça dourada pode ajudar no combate a essas inflamações, auxiliando no controle do apetite e facilitando a perda de peso através do estímulo à função da leptina.

4. Aceleração do Metabolismo

Os ácidos graxos poli-insaturados da linhaça dourada têm a capacidade de acelerar o metabolismo e aumentar a queima de gordura – ou termogênese, como é conhecido o processo.

Quando chegam no fígado, os ácidos graxos estimulam a função do órgão, que passa a necessitar de mais energia para seu funcionamento. Essa energia é então retirada dos estoques de gordura, que serão convertidas em glicose e utilizadas como combustível par as células.

5. Quebra de gorduras

A semente de linhaça dourada é fonte de lecitina, uma substância que atua como um detergente e emulsifica as gorduras e o colesterol, facilitando sua eliminação pelo intestino. A lecitina também impede que o colesterol se deposite na parede das artérias, reduzindo a formação de inflamações locais que podem causar arteriosclerose e outros problemas cardíacos.

E a farinha de linhaça dourada emagrece também?

127380-424x283-Ground-Flax-Seed

Ok, nós já esclarecemos que a linhaça dourada emagrece, mas será que esse benefício pode ser estendido à farinha obtida a partir da trituração das sementes? Na verdade, não só a farinha de linhaça emagrece como também é somente nessa forma que esse benefício pode ser obtido.

Isso porque a semente possui uma casca muito dura, que dificilmente será rompida com a mastigação, e que fará com que as sementes passem intactas pelo trato digestivo. Portanto, para obter os principais benefícios da linhaça dourada para a perda de peso, é necessário consumi-la na forma de farinha.

Quantidade

A quantidade ideal de linhaça dourada para obter todos os seus benefícios é de uma a no máximo duas colheres de sobremesa por dia. Para obter um efeito ainda maior, experimente consumir um pouco da farinha de linhaça dourada dissolvida em água antes das refeições.

Além de um aumento da saciedade, você também obterá um melhor controle das taxas de glicose logo após a refeição.

Dicas 

Agora que você já viu que a linhaça dourada emagrece mesmo, veja algumas dicas para aproveitar todos os benefícios desta semente na sua alimentação:

  1. Como o óleo presente na semente de linhaça dourada é oxidado em pouco tempo, o ideal é que você somente triture as sementes no dia em que pretende utilizá-las;
  2. Por esse motivo, aliás, a dica é comprar a linhaça dourada em sementes e deixar para fazer a farinha de linhaça em casa;
  3. Para controlar o apetite ainda pela manhã, a dica é consumir ainda em jejum uma colher de farinha de linhaça dourada dissolvida em um copo de água mineral. Aguarde 30-40 minutos antes de tomar o café-da-manhã;
  4. Se não quiser fazer uso da linhaça dourada em jejum, acrescente uma colher da farinha ao iogurte, cereal, suco ou salada de frutas do café-da-manhã para aumentar a saciedade e diminuir o apetite ao longo do dia;
  5. Uma ou no máximo duas colheres de farinha de linhaça por dia já são mais do que suficientes para obter todos os benefícios da linhaça dourada sem exagerar nas calorias.;
  6. E já que o óleo presente na semente de linhaça é sensível ao calor, recomenda-se que a linhaça seja consumida fria, e nunca cozida ou assada.
Fontes e Referências Adicionais:

Você já consumiu a linhaça dourada? Como foi sua reação em relação ao gosto? Em que tipo de receita você a experimentou? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média: 4,50 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

3 comentários em “Linhaça Dourada Emagrece Mesmo?”

  1. Adoro farinha de linhaça dourada.
    Eu compro pronta, e uso sempre no chocolate quente que faço com água quente e shake protein. O fato de colocar na água quente tira as propriedades da linhaça? Só coloco o pó do shake e a farinha de linhaça após a água já estar quente.

    • A água quente não, mas o fato de comprar pronta sim. Procure moer na hora no liquidificador sem água. Consuma uma colher de chá antes do almoço e uma colher antes do jantar. Terá benefícios maravilhosos na saúde. E emagrece