Óleo de Rosa-Mosqueta

Óleo de Rosa Mosqueta – O Que É, Para Que Serve, Benefícios e Dicas

A rosa mosqueta, Rosa moschata ou Rosa rubiginosa, é um arbusto que se desenvolve em regiões de clima frio e seco, em áreas de planície ou pequenas montanhas. É oriunda da Europa, mais precisamente da região do Mediterrâneo.

Difundida no continente americano pelos europeus, está presente na região do meio-oeste dos Estados Unidos e é encontrada em abundância ao sul dos Andes, no Chile, até a Patagônia, na Argentina.

A rosa mosqueta apresenta flores rosadas e brancas, ás vezes com pigmentos amarelos, e tem de 3 a 6 cm de diâmetro. As folhas são verdes claras e de formato elíptico e, os talos e ramos, possuem espinhos.

A seguir entenderemos um pouco mais sobre o óleo de rosa mosqueta, extraído da planta de mesmo nome. Vamos esclarecer o que é este óleo, para que serve e quais os benefícios da sua utilização.

O que é o óleo de rosa mosqueta?

A planta produz um fruto após a queda de suas pétalas. O fruto da rosa mosqueta, cuja casca é rica em vitamina C, tem coloração vermelho-alaranjado, é oval e possui cerca de 15 a 20 sementes. Dessas sementes, obtém-se o famoso óleo de rosa mosqueta.

Importante destacar que o óleo também pode ser extraído da espécie Rosa canina, encontrada em vários locais, como na Europa e na África do Sul. O óleo de rosa mosqueta é de cor amarelo avermelhado e apresenta diversos usos e benefícios, sobretudo para a pele, independentemente da faixa etária.

Como o óleo de rosa mosqueta é obtido?

As sementes selecionadas para a obtenção do óleo de rosa mosqueta, geralmente são as com baixa umidade. Na prensagem a frio, essas sementes são prensadas num aparelho cujas características permitem que a temperatura do processo não se eleve para mais de 40º C, o que preserva as características originais do óleo.

Na extração por solventes, as sementes, já descascadas e laminadas, são colocadas em um extrator juntamente com hexano, uma substância química da classe dos hidrocarbonetos. Esse solvente extrai o óleo das sementes e a mistura resultante (óleo da rosa mosqueta + hexano) passa por um processo de destilação a vácuo para eliminação do hexano, em que o óleo é definitivamente obtido.

Para que serve o óleo de rosa mosqueta?

Há muito tempo, os povos andinos do Chile usam o óleo de rosa mosqueta para tratar a pele e os cabelos. A indústria o utiliza na produção de produtos cosméticos, como cremes e sprays.

O óleo é composto majoritariamente pelos ácidos graxos do tipo ômega 6 (ácido linoleico) e ômega 3 (ácido linolênico), eles representam 80% de seus componentes. Esses ácidos graxos essenciais, ajudam a reparar a pele e evitam a sua desidratação, pois formam uma barreira impermeável à água.

O óleo também contém betacaroteno, licopeno e vitamina E. O betacaroteno e o licopeno são antioxidantes e auxiliam na prevenção do envelhecimento da pele. A vitamina E, por sua vez, também possui essa ação antioxidante, é um excelente hidratante e tem propriedades anti-inflamatórias.

Um fato curioso é que muitas fontes erram ao dizer que o óleo também possui vitamina C pois esta é uma vitamina hidrossolúvel, ou seja, que se dissolve apenas em meios ricos em água, e a semente, como vimos, é oleosa por natureza.

Os Benefícios do óleo de rosa mosqueta.

1) O óleo de rosa mosqueta pode ser usado para todos os tipos de pele.

O óleo de rosa mosqueta pode ser usado mesmo por quem tem pele oleosa pois ajuda a regular a quantidade de sebo produzido. É um óleo bem absorvido pela pele, não deixa aquele aspecto gorduroso. Aos que possuem pele seca, ele é também um ótimo hidrante, graças a vitamina E e aos ômegas 6 e 3. Além de tudo, seu uso regular confere um brilho à pele.

2) O óleo de rosa mosqueta retarda o envelhecimento precoce

Os agentes antioxidantes do óleo (betacaroteno, licopeno, vitamina E) conseguem amenizar o processo de envelhecimento prematuro provocado pelos raios solares do tipo ultravioleta. O óleo de rosa mosqueta é eficaz contra as rugas superficiais bem como contra as manchas senis. Observação: o óleo é útil contra qualquer tipo de manchas.

Em um estudo, 20 mulheres, entre 25 e 35 anos, que apresentavam manchas e rugas superficiais provocadas pela exposição ao sol, utilizaram o óleo de rosa mosqueta na face durante 4 meses. Os efeitos do óleo eram avaliados a cada 8 dias. Já na terceira semana, foi possível perceber uma redução das rugas e manchas. No final do período de estudo, a pele estava revigorada e as manchas praticamente sumiram.

3) O óleo de rosa mosqueta ajuda na cicatrização da pele

O óleo de rosa mosqueta é uma alternativa barata e não invasiva para o tratamento de cicatrizes. Os ácidos graxos do óleo, além de ajudarem na hidratação, promovem a redução de cicatrizes. A pró-vitamina A (betacaroteno) presente no óleo também traz benefícios ao tecido cicatrizado já que suaviza a textura e o tom da pele.

Em um estudo, 10 mulheres, entre 45 e 68 anos que apresentavam cicatrizes cirúrgicas decorrentes de mastectomia, aplicaram o óleo no local afetado, assim que foram retirados os pontos da cirurgia. Os resultados foram bastante positivos: após 3 meses de uso diário do óleo (2 vezes/dia, de manhã e à noite), as cicatrizes ficaram mais suaves e menos evidentes e a coloração e elasticidade da pele melhoraram consideravelmente.

4) O óleo de rosa mosqueta é ótimo para a saúde capilar.

O óleo ajuda a recuperar o brilho e a restaurar cabelos, bem como a hidratar os fios secos. Experimente massagear seu couro cabeludo com um pouco de óleo de rosa mosqueta levemente aquecido e veja os resultados. O óleo também auxilia no controle de caspas.

5) Outros benefícios do óleo de rosa mosqueta:

  • O óleo de rosa mosqueta ajuda a fortalecer unhas quebradiças pois simultaneamente as hidrata e nutre.
  • É um bom pós sol, proporciona um efeito calmante para a pele queimada.
  • Ajuda a diminuir e aliviar os sintomas de doenças da pele como a psoríase, xerose, hiperqueratose e queratose actínica,
  • E, por fim, um estudo realizado com 10 mulheres que utilizaram o óleo por um período de 8 semanas e 2 vezes por dia, mostrou que ele foi capaz de reduzir em cerca de 43% o aparecimento de estrias.

Dicas:

  • Aproveite o poder de hidratação do óleo e aplique-o sobre a pele e/ou lábios rachados, e nos calcanhares, joelhos e cotovelos secos.
  • Pingue algumas gotas do óleo em um pedaço de algodão e aplique sobre as machas causadas pelo sol. Faça isso várias vezes ao longo do dia.
  • Para o problema de caspas, massageie seu couro cabeludo com o óleo puro durante 30 minutos.
  • Caso você ache o óleo de rosa mosqueta puro muito forte, adicione apenas 1 ou 2 gotas dele no seu hidratante de preferência e tenha uma versão mais suave.

Referências adicionais:

  1. Santos, Joyce Silva dos, Ana Beatriz Duarte Vieira, and Ivone Kamada. “Treatment of open wounds using Mosqueta Rose: a review.” Revista brasileira de enfermagem 62.3 (2009): 457-462.
  2. Çınar, I., and A. Sinan Çolakoğlu. “Potential health benefits of rose hip products.” I International Rose Hip Conference 690. 2004.
  3. Eyvazzadeh, O., et al. “Evaluation of fatty acid composition and stability of rose hip oil.” JOURNAL OF FOOD TECHNOLOGY AND NUTRITION (2010).
  4. Shabykin, G. P., and A. I. Godorazhi. “A polyvitamin preparation of fat-soluble vitamins (carotolin) and rose hip oil in the treatment of certain dermatoses.” Vestnik dermatologii i venerologii 41.4 (1967): 71-73.
  5. Kole, Prashant L., et al. “Cosmetic potential of herbal extracts.” Natural Product Radiance 4 (2005): 315-21.

Você já conhecia o óleo de rosa mosqueta e todos os benefícios que ele nos fornece? Conhece alguém que tenha utilizado e atestado bons resultados? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (193 votos, média: 3,91 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)



ARTIGOS RELACIONADOS

Um comentário

  1. gostei imenso de saber sobre os beneficios do oleo rosa mosqueta, como se chama o creme facial e a marca composto de rosa mosqueta?

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*