Pata de Vaca Emagrece Mesmo? Chá, Cápsulas e Mais

Especialista:
atualizado em 25/12/2019

A pata de vaca é uma planta nativa do Brasil muito usada na medicina tradicional para tratar as mais diversas condições de saúde. Algumas pessoas também usam a planta, principalmente o chá feito a partir dela, para emagrecer.

Vamos analisar se a pata de vaca emagrece mesmo e como a planta deve ser consumida, se em forma de chá, de cápsulas ou outra vale mais a pena e traz melhores resultados.

Pata de vaca – O que é?

A pata de vaca é uma árvore da espécie Bauhinia forficata cujas folhas no formato de pata da vaca são usadas para o preparo de remédios. Muitas pessoas usam a planta para tratar a diabetes devido ao seu potencial de auxiliar no controle dos níveis de glicose no sangue e também para aproveitar as suas propriedades antioxidantes, que são benéficas para manter a pele saudável e proteger o organismo de várias doenças, por exemplo.

Normalmente, as folhas são usadas para o preparo de chás ou para a produção de suplementos. Algumas pessoas também aplicam o extrato ou o chá da pata de vaca topicamente sobre a pele para o tratamento de feridas e para a manutenção da saúde da pele.

Pata de vaca emagrece mesmo? 

Muitas pessoas recorrem à pata de vaca porque acreditam que a planta ajuda a queimar gordura, especialmente a gordura abdominal e, assim, contribuir para a perda de peso. No entanto, vale ressaltar que a pata de vaca não é uma planta milagrosa para emagrecer, mas ela pode te ajudar no processo.

Assim, embora não seja possível emagrecer usando apenas a pata de vaca (ou qualquer outra planta ou erva), ela pode sim auxiliar uma pessoa a perder peso. Desde que a planta seja consumida sem deixar de lado uma dieta balanceada e a prática de atividades físicas, é possível observar uma perda de peso significativa.

Ou seja, dentro de todo um contexto, a pata de vaca emagrece porque algumas propriedades ajudam no processo, como:

  • O efeito diurético da planta, que ajuda a eliminar fluidos acumulados no organismo que dão aquela sensação ruim de inchaço e que pode fazer você parecer com quilos a mais;
  • O modo como a pata de vaca ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue, evitando que o açúcar em excesso seja estocado pelo corpo na forma de gordura.

Dessa forma, é possível afirmar que a pata de vaca emagrece devido a propriedades que ajudam o corpo a evitar o acúmulo de depósitos de gordura e a diminuir a retenção de líquidos, ambos efeitos que auxiliam qualquer pessoa em processo de emagrecimento.

No entanto, a planta sozinha não é capaz de fazer milagres e é importantíssimo manter uma dieta saudável e equilibrada e praticar exercícios físicos não só para perder peso, mas para manter a saúde em dia.

Mais benefícios da pata de vaca

Além de ajudar no processo de perda de peso, a pata de vaca apresenta benefícios interessantes à saúde, que incluem:

– Ação desintoxicante e diurética

As propriedades diuréticas da pata de vaca ajudam a eliminar o acúmulo de fluidos no organismo, bem como remover possíveis toxinas presentes no organismo, deixando o corpo mais saudável e eliminando o inchaço.

– Bom para diabéticos

Diabéticos que sofrem com hiperglicemia podem se beneficiar do uso da pata de vaca, já que ela ajuda a regular os níveis de glicose sanguíneo.

De acordo com estudo publicado na Revista Brasileira de Farmacognosia em 2007, embora ainda não seja possível entender o mecanismo exato pelo qual a pata de vaca reduz os níveis de açúcar no sangue, é possível afirmar que isso tem a ver com a presença de flavonoides em sua composição.

Alguns estudos ainda apresentam resultados conflitantes sobre o assunto, sendo necessário o desenvolvimento de mais pesquisas para atestar a real eficácia da pata de vaca no controle do índice glicêmico.

– Pele saudável

As propriedades antibacterianas e a presença de compostos antioxidantes fazem com que a pata de vaca seja uma planta benéfica para manter a pele saudável, evitando o envelhecimento precoce e auxiliando no tratamento de inflamações na pele causadas por micro-organismos como as bactérias.

– Regulação do colesterol

Estudos indicam que a pata de vaca pode reduzir os níveis de triglicerídeos e de colesterol presentes no sangue, ajudando a manter uma boa saúde cardiovascular.

– Bom para a digestão e problemas gastrointestinais

A pata de vaca contém compostos químicos que ajudam a melhorar o processo digestivo, evitando a constipação e outros distúrbios que afetam o trato gastrointestinal. Seu efeito diurético também ajuda a aumentar a micção, promovendo a saída de toxinas do organismo.

– Efeito antioxidante

Os antioxidantes na pata de vaca permitem manter a pele saudável e proteger as células de danos causados por radicais livres, evitando o desenvolvimento de várias doenças crônicas.

Como encontrar e como usar

Atualmente, já é possível encontrar a pata de vaca na forma de cápsulas em lojas de produtos naturais. Porém, o uso mais popular ainda é através do consumo do chá.

  • Chá: O chá deve ser preparado com 1 ou 2 folhas frescas de pata de vaca ou cerca de 5 gramas (1 colher de chá) das folhas secas para cada xícara de água fervente. Deixe a mistura em infusão por aproximadamente 10 minutos, coe o chá e beba. Não há recomendação específica, mas é indicado beber o chá de 2 a 3 vezes por dia.
  • Cápsulas: Se preferir consumir a pata de vaca por meio de cápsulas, é indicado seguir as instruções sobre a dosagem encontradas no rótulo do produto ou seguir orientação médica. Geralmente, é recomendado tomar uma cápsula ou comprimido contendo 2 gramas de pata de vaca de 2 a no máximo 3 vezes por dia.

Efeitos colaterais e precauções

O uso da pata de vaca em si não causa efeitos colaterais, mas podem ocorrer algumas reações no organismo devido ao uso da planta. Podem ser observados, por exemplo, casos de:

  • Hipoglicemia;
  • Alergia aos componentes da pata de vaca.

No caso específico da diabetes, vale lembrar que o tratamento com pata de vaca não é aprovado pela Food and Drug Administration, órgão americano que regula e aprova medicamentos, alimentos e suplementos dietéticos para consumo. Além disso, se você já usa algum medicamento para o controle da diabetes, o risco de ter uma crise de hipoglicemia é maior.

Não é indicado que mulheres grávidas ou amamentando usem a pata de vaca por não existirem estudos que comprovem a segurança da planta para a saúde do bebê.

Também não é recomendado que pessoas que vão passar por uma cirurgia em breve ou que fazem uso de medicamentos anticoagulantes usem a pata de vaca devido ao risco de complicações e sangramentos indesejados.

Se ainda restarem dúvidas, não hesite em procurar orientação de um profissional da saúde, principalmente se você for diabético. Se o seu objetivo é perder peso e você quer atestar que a pata de vaca emagrece mesmo, não se esqueça de que é essencial manter uma alimentação equilibrada e adequada ao seu biótipo e as suas metas. Além disso, a prática regular de exercícios físicos é essencial para perder peso mais rapidamente e para manter uma boa saúde.

Fontes e Referências Adicionais:

Você conhece alguém que tenha tomado o chá ou em cápsulas que afirme que pata de vaca emagrece? Tem curiosidade de experimentar por conta disso? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (12 votos, média: 4,33 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário