Salada de Maionese Engorda? Calorias e Dicas

Especialista:
atualizado em 27/12/2019

Um prato que pode aparecer em almoços ou churrascos de domingo em família é a salada de maionese. A receita pode ser preparada a partir de ingredientes como maionese, batata, cenoura, palmito, azeitona, cebola, milho, ervilha, vagem ovos, temperos, frutas como maçã e uva-passa, além de existirem versões da salada que ainda trazem o frango.

Entretanto, para quem sabe que necessita emagrecer, não pode engordar ou simplesmente não deseja ficar fora de forma, pode surgir o seguinte questionamento: será que a salada de maionese engorda?

As calorias encontradas na salada de maionese

Vamos começar a analisar se a salada de maionese engorda conhecendo as calorias que podem ser encontradas na receita.

No entanto, é importante saber que, como o prato pode ser preparado de diferentes maneiras e com diversos ingredientes, a quantidade calórica vai depender do modo como cada sala de maionese for preparada.

Portanto, os valores que vamos apresentar aqui servem somente como exemplos ou estimativas, mas não correspondem a uma quantidade que se aplica a todas as receitas existentes de salada de maionese.

Sigamos então em frente: uma porção de 30 g de salada de maionese pode apresentar 27 calorias. Enquanto isso, uma porção de 100 g do alimento pode ser composta por 96 calorias e uma xícara de salada de maionese pode possuir 188 calorias.

Uma porção de uma colher de sopa cheia de salada de maionese com batata, vagem e cenoura contém em torno de 36,8 calorias. Uma escumadeira cheia dessa salada de maionese com batata, vagem e cenoura apresenta aproximadamente 87 calorias, ao mesmo tempo em que 100 g do prato carregam cerca de 96,8 calorias.

Para conseguirmos mais um exemplo de quantas calorias uma salada de maionese pode ter, resolvemos pegar um modelo de receita do prato e calcular uma estimativa para a quantidade de calorias que ele pode trazer, com base nos ingredientes utilizados na sua preparação.

Uma receita de salada de maionese tradicional que rende 20 porções utiliza os seguintes ingredientes:

  • 1 vidro de maionese (500 g);
  • 6 batatas médias;
  • 5 cenouras pequenas;
  • 200 g de vagem;
  • 1 lata de milho;
  • 1 lata de ervilha;
  • 1 cebola pequena picada;
  • Salsinha, cebolinha, manjericão, sal, pimenta-do-reino em pó e orégano a gosto;
  • 1 talo pequeno de salsão;
  • Suco de dois limões;
  • 1 colher de sopa de azeite de oliva.

De acordo com os nossos cálculos, cada porção da receita de salada dessa maionese possui cerca de 157,5 calorias. Porém, não sabemos qual o tamanho, em gramas, de cada uma dessas porções.

O que todas as informações e estimativas acima nos demonstram? Que a salada de maionese engorda se não for consumida com cuidado, porém, pode entrar na dieta, desde que seja utilizada com cautela.

Se uma pessoa exagerar na hora de comer a salada de maionese, consumindo porções maiores, irá ingerir muitas calorias e isso poderá resultar no aumento de peso, principalmente quando levamos em consideração que o alimento não costuma ser consumido sozinho, mas como acompanhamento de outros pratos.

Por outro lado, se a pessoa consumir porções moderadas da salada de maionese de vez em quando – como uma colher de sopa ou 30 g – dentro de uma refeição saudável, nutritiva, equilibrada e controlada, é possível consumir o prato sem provocar grandes problemas para a silhueta.

Combinação da salada de maionese engorda mais do que é nutritiva, afirmou médica

A médica nutróloga Marcella Garcez disse que batata com maionese – dois ingredientes clássicos da salada de maionese – não pode ser considerada uma salada e que a combinação mais engorda do que nutre o organismo.

Ou seja, para quem está na luta para emagrecer ou, pelo menos, não quer engordar, é preciso tomar bastante cuidado com a salada de maionese e comer porções moderadas do alimento, preferencialmente de vez em quando.

Porém, um único alimento não pode ser rotulado como o único vilão da boa forma

Claro que se a pessoa se entupir de salada de maionese regularmente, ela provavelmente irá engordar. Entretanto, ela também pode comer porções pequenas da receita de vez em quando e ainda assim ganhar peso, se o restante da sua dieta for descuidada.

Não fará muita diferença controlar a porção e a frequência da salada de maionese se o resto das refeições costuma trazer refrigerantes, guloseimas, lanches fast-food e outros itens cheios de açúcar e calorias, por exemplo.

Portanto, para emagrecer ou não engordar, além de ter cautela na hora de consumir a salada de maionese, é fundamental tomar cuidado para que toda a alimentação seja controlada, nutritiva, saudável e equilibrada.

Para quem tem dificuldades em manter esse padrão nas refeições, vale a pena contar com o auxílio de um nutricionista para encontrar uma dieta que se encaixe nesses parâmetros e também na rotina da pessoa, além de fornecer os nutrientes e a energia que o organismo exige para funcionar corretamente, ao mesmo tempo em que permite o emagrecimento ou a manutenção de um peso corporal saudável.

Atenção

Não submetemos as saladas de maionese acima a análises nutricionais. Os valores demonstrados foram retirados da internet ou calculados com base nas informações nutricionais dos ingredientes disponibilizadas em portais de alimentos/calorias. Portanto, trata-se de uma estimativa.

É preciso lembrar ainda que cada salada de maionese pode ter uma quantidade de calorias diferente não apenas por conta dos ingredientes utilizados em cada receita, mas também por conta da marca escolhida de cada produto empregado na receita.

Isso porque diferentes marcas de um mesmo ingrediente também podem apresentar teores calóricos diferentes, o que reforça a impossibilidade de cravar um valor calórico definitivo para a salada de maionese.

Você já imaginava que a salada de maionese engorda? Costuma comer esse prato como acompanhamento na sua dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário