Taioba

Taioba Emagrece? Benefícios e Como Fazer?

O consumo das PANCs (Plantas alimentícias não convencionais) está crescendo muito no Brasil, e dentre elas está essa planta de folhas verde escuras que cada vez mais se torna conhecida devido a todos os seus benefícios para a saúde, a taioba. Será que a taioba emagrece mesmo? Quais são os seus benefícios? É o que veremos mais abaixo.

A taioba, também conhecida no Brasil como arão, taiova, pé-de-bezerro, aro, talo, taiá, mangarito, dentre outros, e leva o nome científico de Xanthosoma sagittifolium, pertence à família Araceae e é uma planta comum nos países tropicais da América. Embora possua um alto valor nutricional, ela ainda não é amplamente consumida.

Esta planta pode ser colhida “selvagem”, ou seja, que cresce naturalmente e “espontaneamente”, ou até mesmo domesticada. Embora ela seja nativa das florestas tropicais, hoje em dia ela é frequentemente encontrada nos quintais e jardins de casas pelo Brasil.

As melhores folhas para comer são as menores e mais jovens, porém elas podem chegar a tamanhos incrivelmente enormes e nunca devem ser consumidas cruas.

Propriedades nutricionais da taioba

Porção100g
Energia34 calorias
Carboidratos5,4 g
Proteínas2,8 g
Gorduras0,7 g
Fibras1 g
Potássio584 mg

Benefícios da Taioba para a saúde

A Taioba é uma planta rica em:

  • Carotenoides
  • Vitamina C
  • Vitamina B2
  • Vitamina B3
  • Ferro
  • Cálcio
  • Boro
  • Cobre
  • Manganês
  • Fibras
  • Potássio

E por isso ela é considerada um alimento que apresenta vários benefícios para a saúde, como por exemplo:

– Fortalece os ossos e previne osteoporose

Suas folhas são ricas em cálcio e fósforo, que são muito importantes para o reparo e constituição óssea, além de ajudar na prevenção da osteoporose.

– Combate a anemia e falta de ferro

Assim como outros alimentos com folhas verde escuras, a taioba é um alimento rico em ferro, e por isso é ideal para combater com eficácia a falta de ferro no organismo, ou seja, a anemia, que ocorre porque a hemoglobina, célula responsável por levar oxigênio para todo o corpo, só consegue fazer isso se estiver conectada ao ferro. Por isso, a falta dele leva à anemia e faz com que você se sinta cansado, com enjoos, sonolento, etc.

– Aumenta a defesa do organismo

Por conter vitamina C, agente que aumenta as defesas do organismo e atua como antioxidante, ela fortalece o sistema imunológico que defende o corpo de bactérias, vírus, fungos, entre outros invasores.

– Previne câimbras

As câimbras ocorrem devido à falta de potássio no organismo, e por se tratar de um alimento rico neste nutriente, o seu consumo minimiza as câimbras.

– Benéfica para a visão

Por ser rica em vitamina A, a taioba auxilia a visão, principalmente durante a noite ou em lugares escuros, já que esta vitamina é fundamental para a síntese de rodopsina, que ajuda as pessoas a diferenciar o claro do escuro.

Ela é ideal para prevenção de problemas como catarata, cegueira noturna e inclusive dores de cabeça que são causadas devido à problemas de visão.

– Combate o envelhecimento precoce

Rica em carotenoides e vitamina A, a taioba também é benéfica para a saúde da pele, já que ambos atuam na produção de colágeno.

– Ajuda no controle da pressão arterial

Rica em potássio, nutriente que controla o sódio na corrente sanguínea, a taioba consegue controlar a pressão arterial, prevenindo inclusive o AVC (acidente vascular cerebral) além de controlar o acúmulo de líquidos dentro dos vasos sanguíneos.

– Previne e combate a constipação

Ela previne e combate a constipação, conhecida também popularmente como prisão de ventre, pois é um alimento rico em fibras, e consequentemente, isso ajuda no transporte e digestão do alimento pelo o intestino, facilitando assim a evacuação.

Taioba emagrece?

Como dito anteriormente, a taioba é um alimento rico em fibras, e essas fibras alimentares, que são um dos seus principais constituintes, não são digeridas pelas enzimas do trato gastrointestinal nas pessoas, o que faz com que elas passem pelo intestino grosso intactas ou sejam fermentadas, o que resulta na diminuição do colesterol e da glicemia.

Essa fibra alimentar pode ajudar você a ter mais saciedade e com isso comer menos. Nesse sentido, a taioba emagrece realmente. Além disso, comer mais da taioba na refeição significa comer menos de alimentos com mais calorias.

É por conta de seus nutrientes e a presença de fibras que o consumo da taioba está associado à prevenção do câncer de cólon, doenças inflamatórias intestinais e obesidade. Porém, embora ela possa ajudar no processo do emagrecimento, é importante manter uma dieta equilibrada além da prática de exercícios físicos.

Como fazer taioba

Embora essa planta possua vários componentes que são essenciais para a saúde, ela também contém uma concentração de oxalato de cálcio, o que faz que, ao ingerir essa planta crua, ela possa provocar coceira nas mucosas e inflamação, que leva ao fechamento da garganta e consequente sensação de sufocamento. Ao ser aquecida, todos esses efeitos são eliminados.

A melhor maneira de consumir a taioba é refogada, e para isso, colha de preferência as folhas jovens, que são as que possuem mais nutrientes, rasgue com as mãos ou elimine as nervuras principais.

Coloque um pouco de azeite, manteiga ou óleo em uma panela, e refogue alho, cebola e temperos da sua preferência. Em seguida, insira a taioba, água e espere até cozinhar.

Há várias maneiras de consumir essa folha – pode ser em sopas, bolinhos, caldos, recheio para outros preparos, etc. O ideal é achar aqueles que mais lhe agradem. Se a sua ideia é inserir a taioba em sua dieta para perder peso, opte por receitas mais leves e com pouca gordura.

Para a pergunta se a taioba emagrece, vale ressaltar que ela é uma ótima aliada na perda de peso, porém é importante manter uma alimentação saudável e não deixar de lado a prática de exercícios físicos.

Você já tinha ouvido falar que o consumo de taioba emagrece? Tem costume de comer taioba de que formas em sua casa? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)



ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*