8 Remédios para Descer a Menstruação Mais Usados

Sendo a menstruação um processo natural que faz parte da natureza feminina, mas que ainda assim incomoda, é importante conhecer os remédios para descer a menstruação mais usados caso você queira acelerar esse processo.

Há muitos motivos que podem levar uma mulher a querer adiantar a menstruação: às vezes por questão de comodidade para evitar a menstruação em um momento importuno no futuro próximo e em outros casos por causa de quadros de amenorreia em que a menstruação para de descer ou quando o fluxo menstrual é reduzido em comparação ao que era antes.

Independentemente do motivo, há várias formas de fazer a sua menstruação vir mais rápido ou até mesmo para parar a menstruação de vez.

Veja a seguir algumas opções de remédios que podem te ajudar a regular o período menstrual e descer a menstruação.

É possível forçar a menstruação?

Existem muito motivos que levam uma mulher a querer acelerar a menstruação. Além de ser desconfortável, a menstruação quando chega justo no dia de um evento importante ou de uma viagem à praia, por exemplo, pode prejudicar muito os seus planos.

Não importa o motivo, toda mulher tem o direito de decidir o que é melhor para o seu corpo e isso inclui a menstruação.

Embora seja difícil forçar a menstruação para que ela aconteça exatamente no dia que você quer, é possível adotar algumas técnicas que podem fazer com que o sangramento menstrual venha mais rápido ou que ajudam a regular o ciclo menstrual para que você tenha um controle mais preciso do seu calendário.

Vale lembrar que os remédios para descer a menstruação mostrados abaixo não servem para induzir a menstruação em uma mulher que nunca ficou menstruada antes. De acordo com a American College of Obstetricians and Gynecologists, o primeiro período menstrual de uma mulher ocorre por volta dos 12 ou 13 anos de idade e algumas só tem a primeira menstruação aos 15 anos. Assim, os métodos indicados a seguir só são úteis para mulheres que já tiveram pelo menos um período menstrual.

Além disso, nem todos os remédios mencionados aqui tiveram sua eficácia comprovada pela ciência, mas vamos mostrar quais são as suas melhores opções e tudo o que você pode tentar para que a menstruação seja antecipada de modo a não interferir nos seus planos.

Remédios para descer a menstruação mais usados

1. Anticoncepcionais

O anticoncepcional é usado como método contraceptivo para evitar uma gravidez indesejada ao mesmo tempo que é o método mais confiável e seguro para controlar o ciclo menstrual. Embora ele não faça você menstruar, é possível programar os dias da menstruação e ter um maior controle sobre o seu fluxo.

Dentre os anticoncepcionais disponíveis, a pílula combinada de estrogênio e progestina é a mais eficaz para regular os períodos menstruais.

Esse tipo de pílula hormonal é usado por 21 dias e depois é feita uma pausa de 7 dias para que a menstruação ocorra. Caso você queira que sua menstruação desça mais rápido, basta fazer a pausa de uma semana mais cedo, adiantando o sangramento menstrual.

  Continua Depois da Publicidade  

Se preferir adiar a sua menstruação ao invés de atrasar, também é possível. Basta emendar uma cartela na outra sem fazer a pausa de 7 dias e assim você não irá menstruar naquele mês. Mas tal prática não é indicada sem o aval do seu médico. Entenda se emendar a cartela de anticoncepcional faz mal ou não.

Se você não quiser mais menstruar, peça para que seu ginecologista prescreva um outro tipo de pílula de uso contínuo que é formulada para interromper a menstruação todos os meses.

Embora seja uma boa opção, é sempre importante prezar pela sua saúde acima de tudo. Confira se o anticoncepcional faz mal e conheça os possíveis efeitos colaterais associados ao seu uso.

2. Progesterona

A progesterona é um hormônio que induz a menstruação. Um remédio para descer a menstruação muito usado à base desse hormônio é o acetato de medroxiprogesterona, que é um medicamento da classe das progestinas. Ele é muito indicado por ginecologistas em casos de períodos muito espaçados ou então quando há sangramento vaginal irregular. Mulheres que deixaram de menstruar a 6 meses ou mais e que não estão grávidas e nem na menopausa também são orientadas a usar a medroxiprogesterona.

O remédio também atua prevenindo e espessamento do revestimento do útero e ajuda a reduzir o risco de câncer no útero. Aliás, a progesterona pode influenciar muito o ciclo menstrual. Confira o que quer dizer a progesterona alta ou baixa e o que fazer para equilibrar os níveis desse hormônio novamente.

O remédio é usado por via oral uma vez ao dia sempre no mesmo horário e ajuda a regular a menstruação. No entanto, alguns efeitos adversos podem ser observados como surgimento de acne, sangramento vaginal irregular, sensibilidade nos seios, sonolência ou insônia, dor de estômago, alteração no peso e perda de cabelo.

3. Vitamina C

Há quem acredite que a ingestão de altas quantidades de vitamina C ajuda a descer a menstruação mais rápido. Essa suposição vem da crença de que a vitamina C impacta os níveis de estrogênio e de progesterona – hormônios envolvidos no ciclo menstrual.

Embora a ciência não tenha comprovado esse fato, tomar vitamina C não faz mal e vários alimentos saudáveis como as frutas cítricas, os vegetais de folhas verdes e o brócolis são ricos em vitamina C.

4. Chá de ervas

Várias ervas podem estimular o fluxo menstrual. Exemplos incluem o alecrim, a camomila, a sálvia e o orégano. Algumas ervas pouco conhecidas também podem ajudar nessa questão. É o caso da dong quai e do cohosh preto.

Dong quai é uma erva chinesa que, segundo estudo de 2016 do Journal of Ethnopharmacology, pode ser usada como remédio natural para induzir a menstruação, melhorar o fluxo sanguíneo e estimular a contração dos músculos do útero. Saiba mais para que serve a donq quai e como tomar a erva para estimular a menstruação e para outros benefícios para a sua saúde.

Já o cohosh preto é utilizado para regular o ciclo menstrual e estimular o sangramento menstrual.

Especiarias como cominho e canela também podem ser adicionadas a um chá de ervas para ajudar a regular o ciclo menstrual. 

  Continua Depois da Publicidade  

5. Salsinha

A salsinha é rica em vitamina C e apiol, duas substâncias que ajudam a estimular contrações uterinas e acelerar a menstruação.

O chá de salsa é uma ótima opção, mas as grávidas devem ficar longe da bebida pois ela pode ser perigosa durante a gestação. Mulheres que amamentam ou pessoas que sofrem de problemas renais devem evitar a salsa em grandes quantidades.

6. Cúrcuma

A cúrcuma é um remédio tradicional que parece afetar os níveis de hormônios como a progesterona e o estrogênio, acelerando assim a menstruação.

Além de usar a cúrcuma na forma de tempero, é possível misturar a erva com um pouco de água ou leite para beber.

7. Gengibre

O gengibre é muito usado para induzir períodos menstruais porque ele parece causar contrações uterinas, mas não há nenhuma comprovação científica.

Ainda assim, o gengibre traz vários benefícios para a saúde e vale a pena a tentativa. Você pode usar o gengibre para preparar um chá e testar se ele funciona ou não.

8. Abacaxi

O abacaxi contém uma enzima chamada de bromelina que parece afetar os níveis de hormônios como o estrogênio. Pesquisas – como a publicada no Journal of the Pakistan Medical Association em 2017 – indicam que a bromelina é capaz de diminuir a inflamação e, assim, pode ajudar a regular ciclos que estão desregulados por causa de algum tipo de inflamação.

Porém, não se sabe se consumir abacaxi ou suplementos de bromelina é suficiente para induzir a menstruação.

Mais soluções para descer a menstruação mais rápido

Além de contribuir para que a menstruação desça, os métodos descritos abaixo podem ajudar a regular o ciclo menstrual como um tudo, tornando mais previsíveis as próximas menstruações.

– Exercícios físicos

A prática de exercícios físicos suaves pode ajudar a relaxar os músculos e estimular o sangramento menstrual.

Porém, algumas mulheres podem ter ciclos irregulares justamente por causa da prática de exercícios intensos. Isso pode acontecer com atletas, por exemplo, pois o exercício vigoroso pode reduzir os níveis de estrogênio e atrasar ou interromper os períodos. Assim, é recomendado apostar na moderação na atividade para que o período menstrual seja regular.

Aproveite para compreender o que o estrogênio alto ou baixo demais representa para a sua saúde.

– Atividades relaxantes

Algumas pesquisas – como a publicada em 2015 no Journal of Clinical and Diagnostic Research – sugerem uma ligação entre altos níveis de estresse com irregularidades menstruais.

Há casos em que o sangramento menstrual atrasa ou até mesmo para de ocorrer por causa de estresse excessivo. Sendo assim, é muito importante ter válvulas de escape para relaxar e lidar melhor com os picos de estresse e ansiedade do dia a dia.

Atividades como yoga e meditação podem ajudar, mas passar mais tempo com os amigos, ter um animal de estimação ou fazer qualquer coisa que você goste é essencial para regular o ciclo menstrual e também para preservar sua saúde mental.

– Relações sexuais

Ter atividades sexuais pode ajudar a estimular o período. A combinação de hormônios que são produzidos durante a relação sexual com as contrações uterinas durante um orgasmo pode provocar a dilatação do colo do útero, contribuindo para a eliminação do revestimento do útero através da menstruação.

Além disso, a atividade sexual pode diminuir o estresse e regular os níveis de hormônios, regulando assim o ciclo menstrual.

– Compressa quente

Tomar um banho quente relaxa os músculos, especialmente se eles já estavam muito tensos, e alivia o estresse. Além de relaxar, o calor melhora o fluxo sanguíneo e pode acelerar a menstruação.

Aplicar compressas quentes na região abdominal pode promover os mesmos efeitos e colaborar com a chegada da menstruação.

Riscos

O principal risco de testar remédios para a menstruação se dá quando a mulher está grávida, mas ainda não sabe. Isso porque as substâncias que podem induzir a menstruação são as mesmas que podem causar um aborto.

Assim, se sua menstruação estiver atrasada, primeiro tenha certeza de que você não está gravida e só depois tente algum dos métodos mencionados aqui para evitar riscos para você e para o feto em desenvolvimento.

Não parecem existir riscos para mulheres que não estão grávidas e que estão saudáveis, mas ainda assim é importante ter cautela e evitar o uso de qualquer remédio sem orientação médica pois você pode desregular o seu ciclo e causar ainda mais transtornos no futuro. No caso do uso de contraceptivos, é preciso saber que eles podem causar efeitos colaterais e que é importante toma-los da maneira certa para obter o efeito esperado.

Considerações

Segundo uma pesquisa de 2016 publicada no periódico PLoS One, um ciclo menstrual médio dura 28 dias e o intervalo típico pode variar de 21 a 35 dias. Mas há casos e casos e apenas o seu ginecologista pode avaliar o seu período e saber se ele está normal ou não.

Hoje existem muitos métodos para induzir a menstruação ou para ter um maior controle sobre o ciclo menstrual. A forma mais confiável de regular o seu ciclo é por meio de um método de controle de natalidade, mas você pode tentar os outros remédios citados aqui para acelerar o seu período.

Em caso de dúvida ou ciclos muito irregulares, consulte seu médico para checar sua saúde e decidir sobre a melhor forma de lidar com o seu período menstrual para que você possa se sentir mais segura e tranquila.

Referências adicionais:

Você já conhecia os 8 remédios para descer a menstruação mais usados? Pretende experimentar algum? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário