Amoxicilina Dá Sono? Efeitos Colaterais e Cuidados

Confira se é verdade que a Amoxicilina dá sono ou se esse não é um efeito colateral esperado ao tomar esse medicamento antibiótico.

Passar o dia ou até mesmo todo o tempo de um tratamento se sentindo com sono é algo que pode afetar muito o seu dia-a-dia, fazer com que você não se sinta animado para praticar exercícios físicos, preparar suas refeições gostosas e saudáveis, sair com os amigos e etc.

Porém, começar um tratamento para cuidar de uma condição de saúde pode fazer com que a pessoa sofra com os efeitos colaterais dos medicamentos, como é o caso da Amoxicilina. Falando nisso, será que Amoxicilina engorda ou esse não é também um efeito colateral do remédio?

Veja se a Amoxicilina dá sono mesmo, mais sobre esse medicamento, todos os seus possíveis efeitos colaterais, cuidados e como lutar contra a fadiga causada pela Amoxicilina.

O que é Amoxicilina?

A amoxicilina é um antibiótico e por isso só pode ser comprada com a apresentação da receita médica. Ela é utilizada para tratar infecções pulmonares, incluindo a pneumonia, infecções bacterianas, infecções do trato urinário (ITUs), abcessos dentários e é usada com outros medicamentos para tratar úlceras estomacais/intestinais causadas pela bactéria H. pylori e para prevenir que as úlceras voltem.

Muitas vezes, ela é utilizada em crianças para tratar infecções de ouvido e infecções respiratórias e está disponível tanto na versão líquida, para que você possa beber, mastigável e em cápsulas. Há também a opção de administrar este medicamento através de injeções, porém isso geralmente é feito apenas em hospitais.

Dosagem típica de Amoxicilina

A dosagem de amoxicilina irá depender da intensidade e do tipo de infecção que uma pessoa tem. No caso das crianças, os médicos determinam as doses com base no tipo de infecção e no peso da criança.

Normalmente, os adultos tomam comprimidos ou cápsulas inteiras sempre com um copo de água, já as crianças tomam este medicamento de forma líquida ou mastigável.

Você pode tomar amoxicilina com alimentos ou não.

Uma dose comum de amoxicilina para um adulto com uma infecção de nariz, ouvido ou garganta leve ou moderada é de 500 mg a cada 12 horas ou 250 mg a cada 8 horas até que a prescrição seja concluída.

No caso de uma infecção mais grave, é comum que o médico recomende 875 mg a cada 12 horas ou 500 mg a cada 8 horas. Uma dose comum para uma criança com idade superior a 3 meses com uma infecção do trato respiratório inferior é de 40 mg por quilograma (kg) de peso por dia em doses divididas a cada 8 horas. As vezes os médicos prescrevem 45 mg por kg por dia em doses divididas a cada 12 horas.

Efeitos colaterais da amoxicilina

Alguns dos efeitos colaterais mais comuns da amoxicilina são os que veremos abaixo:

  Continua Depois da Publicidade  

  • Problemas respiratórios;
  • Dores de cabeça;
  • Amarelecimento dos olhos ou da pele;
  • Vermelhidão, descamação, bolhas ou afrouxamento da pele, incluindo no interior da boca;
  • Tontura;
  • Hematomas ou sangramento incomum;
  • Dor de estômago;
  • Dificuldade em urinar, ou uma diminuição na quantidade de urina;
  • Reações alérgicas como coceira ou urticária, erupções cutâneas, inchaço dos lábios, face e língua;
  • Fraqueza ou cansaço;
  • Diarreia;
  • Convulsões;
  • Urina escura;
  • Dificuldade para dormir.

Efeitos colaterais graves

Efeitos colaterais graves causados pela Amoxicilina são raros e ocorrem em menos de uma a cada 1.000 pessoas, porém, se sentir alguns dos listados abaixo, chame imediatamente um médico.

  • Fezes claras e urina escura, amarelecimento da pele ou da parte branca dos olhos; Esses são sinais de aviso de que há problemas no fígado ou na vesícula biliar;
  • Erupção cutânea com manchas vermelhas circulares;
  • Contusões ou descoloração da pele;
  • Diarreia possivelmente com cólicas estomacais, que contenha muco ou sangue. Se tiver diarreia grave durante mais de 4 dias, também deve falar com um médico;
  • Dor muscular ou articular que surge 2 dias após começar a tomar o medicamento.

Alguns destes efeitos colaterais graves podem ocorrer até 2 meses após o término da amoxicilina.

Reação alérgica grave

Cerca de uma em cada 15 pessoas tem uma reação alérgica à amoxicilina. Na maioria dos casos, a reação alérgica é leve e pode assumir a forma de:

  • Chiado;
  • Erupção cutânea com comichão;
  • Tosse.

Reações alérgicas leves geralmente podem ser tratadas com sucesso tomando anti-histamínicos. Em casos raros, a amoxicilina pode causar uma reação alérgica grave (anafilaxia).

Contate um médico imediatamente se:

  • Está ouvindo um chiado quando respira;
  • Dificuldade para falar ou respirar;
  • Tiver uma erupção cutânea que pode incluir pele avermelhada, inchada, comichão, bolhas ou descamação;
  • Sentir aperto no peito ou dor de garganta;
  • Sua face, boca, língua, lábios ou garganta começam a inchar.

Estes são sinais de aviso de uma reação alérgica grave, que se trata de uma emergência.

Por que Amoxicilina dá sono?

Como você pôde ver, um dos efeitos colaterais da amoxicilina é a sonolência, bem como a sensação de cansaço excessivo e fraqueza, mas por que isso acontece?

Embora os pesquisadores já sabiam há muito tempo que alguns pacientes que tomam antibióticos experimentam a sensação de uma fadiga debilitante, eles ainda não descobriram por que isso acontece.

Em um estudo publicado no European Journal of Applied Physiology and Occupational Physiology, 50 estagiários militares saudáveis com idade entre 18 e 25 anos foram divididos em dois grupos. Um grupo tomou o antibiótico e outro tomou comprimidos falsos, sem a presença do antibiótico (chamado placebo).

Foram testadas a força muscular, atividade enzimática e capacidade aeróbica dos participantes, e também foi pedido que eles relatassem até que ponto se sentiam fatigados.

Os pesquisadores descobriram que os indivíduos que tomaram antibióticos por três dias reduziram a capacidade aeróbica em comparação com aqueles que os tomaram por um único dia. Mas fora isso, eles não foram capazes de induzir qualquer efeito sobre a força muscular, e os sujeitos disseram que não se sentiam excessivamente cansados.

Porém, como advertência, os pesquisadores observaram que o estudo não poderia excluir os efeitos fisiológicos do uso prolongado de antibióticos.

  Continua Depois da Publicidade  

Muitas vezes as pessoas acabam confundindo esses efeitos colaterais com sintomas da sua condição de saúde como uma infecção, porém, eles normalmente ocorrem por serem um efeito colateral do medicamento.

– Diferença entre sono e fadiga

É importante ressaltar que a fadiga é uma sensação de cansaço, fraqueza ou falta de energia, mas ela é diferente da sonolência. Em geral, a sonolência é quando alguém sente necessidade de dormir, enquanto que a fadiga é a falta de energia e motivação.

Sonolência e apatia (um sentimento de indiferença ou de não se importar com o que acontece) podem ser sintomas que acompanham a fadiga.

Se a sua fadiga se enquadra na categoria de “cansaço excessivo”, esse é um efeito colateral grave. É incomum, mas você ainda deve consultar o seu médico, e isso pode acontecer quando o sistema nervoso é afetado.

Se você sente cansaço, reserve algum tempo para descansar, levar as coisas com calma e dormir o suficiente. Tente reduzir o estresse.

É comum perceber que tomar amoxicilina dá sono ao combater uma infecção, porém, se estiver sentindo cansaço excessivo, a ponto de sentir fraqueza, lutando para se manter acordado, procure ajuda médica.

– Dificuldade para dormir

A dificuldade para dormir, chamada de insônia, pode envolver dificuldade em adormecer quando você se deita à noite, acorda com frequência durante a noite ou acorda cedo demais.

Embora a Amoxicilina possa causar sono, ao mesmo tempo ela também pode ter como efeito colateral a dificuldade para dormir, o que gera ainda mais cansaço ao longo do dia e faz com que a pessoa sinta dificuldade para realizar as suas tarefas diárias.

Isso consequentemente pode até fazer com que ela ganhe peso, pois deixa de praticar exercícios físicos, não se alimenta de maneira saudável, além de poder ter problemas no trabalho, deixar de arrumar a casa, não sair para se encontrar com os amigos, entre vários outros fatores importantes para a saúde, bem-estar, vida profissional, social e toda a sua rotina.

O que fazer quando um medicamento como a Amoxicilina dá sono

“Muitas pessoas relatam cansaço ou fadiga como efeito colateral dos seus medicamentos. No entanto, há coisas que você pode fazer para minimizar os sentimentos de sonolência diurna”, disse Laura Carr, farmacêutica do Hospital Geral de Massachusetts, afiliado da Universidade de Harvard.

Se você está começando a tomar um novo medicamento que pode causar sonolência, como é o caso da Amoxicilina, a Dra. Carr recomenda que evite atividades que exijam que você se mantenha em estado de alerta, como por exemplo dirigir, até que descubra como a medicação lhe afeta.

Em alguns casos, conforme o corpo se ajusta ao medicamento com o tempo, a sonolência diminui. Se a sua medicação está causando sonolência excessiva ou afetando sua capacidade de trabalhar, dirigir ou realizar qualquer uma das suas tarefas diárias, fale com o seu médico.

“Resolver a sonolência pode ser simplesmente uma questão de ajustar a dose ou alterar a medicação que está causando sonolência”, disse a Dra. Carr.

Ela também sugere que você mantenha hábitos de sono saudáveis para ter uma boa noite de sono, limitando os medicamentos de venda livre que provocam sonolência como efeito colateral e outras substâncias que podem causar cansaço como as bebidas alcoólicas.

Fale com o seu médico ou farmacêutico para saber se é possível tomar a medicação durante a noite, quando já estiver se preparando para dormir.

Cuidados com outros medicamentos

Existem alguns medicamentos que não combinam bem com a amoxicilina, por isso, informe o seu médico se estiver tomando os seguintes medicamentos antes de começar a tomar amoxicilina:

  • Anticoagulante chamado de varfarina;
  • Metotrexato;
  • Medicamentos para gota chamados alopurinol e probenecide;
  • Outros antibióticos.

Não há problemas em tomar remédios de ervas e suplementos ao mesmo tempo que a amoxicilina, entretanto, é sempre mais seguro informar seu médico caso esteja fazendo uso de qualquer outro tipo de medicamento ou suplemento.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já tinha percebido que tomar Amoxicilina dá sono? Conhecia os possíveis efeitos colaterais deste medicamento? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário