Pregnenolona Engorda? Para Que Serve, Efeitos Colaterais, Dosagem e Indicação

A pregnenola é um hormônio esteroide responsável pela síntese de diversos hormônios sexuais femininos como estrogênio e progesterona e do hormônio sexual masculino testosterona.

Geralmente, a pregnenolona é muito procurada pelas pessoas que estão em busca de suporte para memória, energia e estresse, já que existem estudos que indicam que o hormônio é capaz de estimular e dar mais energia. Porém, muitas dúvidas surgem sobre a segurança da ingestão hormonal como suplemento e os efeitos colaterais relatados por usuários que envolvem alteração de peso e mudanças hormonais.

Vamos esclarecer se a pregnenolona engorda e discutir os principais usos e efeitos colaterais desse suplemento hormonal.

Pregnenolona – O que é?

A pregnenolona é uma substância química encontrada naturalmente no nosso corpo e que pode também ser sintetizada em laboratório para uso em suplementos. A pregnenolona é produzida a partir do colesterol através das glândulas suprarrenais. Também pode ser sintetizada em órgãos como fígado, testículos, ovários, pele, cérebro e até na retina do olho.

Para que serve?

O uso mais tradicional da pregnenolona é na área médica. A pregnenolona é usada para evitar a fadiga e aumentar a energia, além de utilizada no tratamento de condições como doença de Alzheimer, doenças ou condições que envolvem perda de memória, distúrbios cutâneos como psoríase e escleroderma, traumas e lesões. Esse composto também é capaz de melhorar sintomas de estresse e melhorar o sistema imunológico.

As mulheres costumam usar a pregnenolona para tratar condições específicas como a doença fibrocística da mama caracterizada por seios irregulares, endometriose, que é uma desordem no revestimento do útero, sintomas da menopausa e tensão pré-menstrual.

Outras pessoas também usam a pregnenolona com a intenção de retardar ou reverter o envelhecimento e para aliviar sintomas da artrite e depressão. Também pode fortalecer a saúde do coração, evitar reações alérgicas, desintoxicar o organismo e tratar doenças como lúpus, esclerose múltipla, problemas na próstata e convulsões.

Como funciona

A pregnenolona é um precursor no organismo responsável pela síntese de diversos hormônios esteroides essenciais para o bom funcionamento do corpo. Assim, a pregnenolona é convertida em hormônios importantes e ajuda a equilibrar as taxas hormonais adequadas em uma pessoa saudável. Por esse motivo, a pregnenolona vem sendo estudada por pesquisadores desde a década de 1940, principalmente para aliviar sintomas de estresse, fadiga e artrite.

Indicação

O uso da pregnenolona é indicado para:

  • Retardar o processo de envelhecimento;
  • Artrite;
  • Depressão;
  • Endometriose.

Por ser precursora de diversos hormônios, ela pode ser usada para corrigir alguns desequilíbrios hormonais que afetam a saúde.

O hormônio também tem atraído bastante a atenção das pessoas principalmente por uma melhora na função mental. Estudos mostraram que o hormônio afeta a memória a curto e longo prazo, resultando em maior motivação e melhor capacidade de aprendizagem. Além disso, ele também estimula o sistema imunológico e alivia o estresse, dando mais energia para quem usa o produto e melhorando a qualidade do sono.

Também há evidência de combate a problemas de envelhecimento da pele quando aplicada topicamente sobre a mesma.

Efeitos Colaterais

Como a pregnenolona é usada para a síntese de hormônios esteroides, os efeitos colaterais da pregnenolona são semelhantes aos de esteroides comuns, que incluem:

  • Insônia;
  • Irritabilidade;
  • Raiva e agressão;
  • Ansiedade;
  • Acne;
  • Dor de cabeça;
  • Mudanças de humor;
  • Metabolismo acelerado;
  • Crescimento de pelo facial;
  • Perda de cabelo;
  • Irregularidade no batimento cardíaco.

Ao notar que um ou mais desses sintomas está afetando sua vida de forma negativa, é interessante diminuir a dose ou suspender o uso do suplemento.

Outros riscos relacionados ao uso de pregnenolona

A pregnenolona pode estimular certas células cancerosas. Geralmente, as células cancerosas têm um processo de divisão diferente das células saudáveis, tendo inclusive a capacidade de invadir outras células e tecidos no organismo.

A grande capacidade de proliferação das células cancerosas ocorre devido à sua capacidade de evitar a apoptose, que é a morte celular programada que acontece em qualquer célula normal que sofre algum tipo de alteração indesejada. Ao usar pregnenolona, alguns tipos de câncer mais sensíveis a alterações hormonais podem ter tal capacidade de proliferação aumentada.

Existem estudos clínicos que comprovam que a pregnenolona estimula o crescimento de células de câncer de próstata, como um reportado em 2000 pelo Journal of Steroid and Biochemical Molecular Biology.

Também existem riscos associados a terapias de reposição hormonais, já que a pregnenolona em si é um precursor de estrogênio e progesterona, e pode intensificar os efeitos colaterais de quem já faz uso de medicamento de reposição hormonal, como é o caso de mulheres em menopausa, por exemplo.

Aviso para as mulheres

Mulheres gestantes ou em fase de amamentação não devem usar a substância. Além disso, a pregnenolona é convertida em estrogênio no organismo. Portanto, se você apresenta alguma condição médica como câncer de mama, câncer no útero, câncer no ovário ou fibróide uterino que pode piorar pela exposição ao hormônio estrogênio, não é recomendado utilizar a pregnenolona e o melhor a fazer é consultar um médico para discutir os benefícios e riscos de usar o composto.

Interações

A pregnenolona pode interagir com diversos medicamentos de reposição hormônios, como os que contém:

  • Estrogênio: Como a pregnenolona já é convertida em estrogênio pelo organismo, não é recomendado usar essa substância junto com um suplemento de pregnenolona, pois isso pode causar um excesso de estrogênio no corpo, alterando o equiíbrio hormonal.
  • Progestina: As progestinas são um grupo de hormônios presentes no organismo. Tomar esses hormônios junto com a pregnenolona pode elevar o nível de hormônios no corpo, causando uma potencialização dos efeitos colaterais relatados.
  • Testosterona: Além de ser transformada em estrogênio, a pregnenolona também participar de processos metabólicos para conversão em testosterona. Assim, principalmente se você for mulher, é preciso ter cuidado para não aumentar demais os níveis de testosterona no organismo e causar efeitos adversos indesejados.

Dosagem

A dose adequada de pregnenolona depende de diversos fatores como idade, peso e condição a ser tratada. O indicado é seguir as instruções no rótulo da substância ou indicação médica que pode variar de 5 a 50 miligramas por dia.

Por ser estimulante, o seu uso não é indicado no período da noite. Além disso, o uso de pregnenolona por um período prolongado de tempo não é indicado devido a potencialização dos efeitos colaterais.

Pregnenolona engorda?

De acordo com as informações científicas e clínicas, não é possível dizer que a pregnenolona engorda. Porém, por ser precursor do estrogênio, pode ocorrer algum ganho de peso. Isso porque o estrogênio, muito presente em muitos anticoncepcionais, pode promover retenção de líquidos e inchaço, o que dá a sensação de ganho de peso.

Para eliminar esse problema, basta ter uma dieta balanceada incluindo muitos legumes, verduras e alimentos integrais, além de evitar sal e gordura que podem piorar a retenção de fluidos.

Assim, não podemos afirmar que a pregnenolona engorda. Isso depende muito de metabolismo para metabolismo e deve ser analisado com cautela caso a caso e de vários fatores como a dosagem e a fonte do suplemento. Em alguns casos, por exemplo, ela pode até fazer o seu metabolismo ficar acelerado, fazendo você perder um pouco de peso.

É preciso ter em mente que a função da pregnenolona não é de fazer você perder ou ganhar peso, e sim de atuar em algumas alterações hormonais que podem levar ao equilíbrio hormonal, além de resultar em algumas melhorias nas funções cognitivas.

Referências adicionais:

Você conhece alguém que tenha tomado e afirme que a pregnenolona engorda? Tem receio de utilizar esse suplemento por conta de possíveis efeitos colaterais? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (56 votos, média: 3,98 de 5)
Loading...

Deixe um comentário