Especialista da Área:

Requeijão Engorda? E o Requeijão Light?

A partir do momento em que uma pessoa decide mudar a alimentação e seguir uma dieta para emagrecer, algo que pode surgir na cabeça é uma dúvida em relação a alimentos ou ingredientes geralmente utilizados no dia a dia. Se antes ela não se importava tanto se algo poderia engordar ou não, agora isso se torna uma preocupação, e é aí que esses questionamentos aparecem.

Tomemos o exemplo de um ingrediente consumido em grande escala pelos brasileiros, o requeijão. Seja junto com o pão no café da manhã, acompanhando uma massa no almoço ou jantar ou no pãozinho de queijo no lanche da tarde, ele não é nada difícil de ser encontrado.

Mas como será que ele afeta uma dieta para entrar em boa forma? Será que o requeijão engorda? E quanto ao requeijão light? Seria ele uma boa opção? Continue lendo, pois é exatamente isso o que descobriremos agora.

As calorias do requeijão 

Vamos começar então pelas calorias, algo que quem deseja emagrecer ou ao menos manter a boa forma certamente observa com atenção. É possível encontrar versões de requeijão tradicional que possuam aproximadamente 51 calorias a cada colher de sopa. Já na versão cremosa, o valor aumenta e pode chegar até as 81 calorias na mesma porção.

A primeira conclusão que podemos tirar em relação ao requeijão e uma dieta é que a versão cremosa do produto provavelmente não contribui muito com o regime. Isso levando em consideração que a pessoa pode resolver usar mais do que uma colher de sopa do ingrediente e que ele serve de acompanhamento para outros alimentos que já possuem sua taxa calórica.

Por exemplo, um pão francês normal já contém 137 calorias. Se juntarmos isso a uma colher e meia de sopa de requeijão cremoso, o número cresce ainda mais e atinge 256 calorias em apenas um item da refeição, sem levar em consideração a possibilidade de completar o café da manhã ou o lanche da tarde com um suco, leite ou cafézinho e uma fruta.

Logo, a partir da aplicação que fizemos nesse contexto, é possível afirmar que quando utilizado na situação que exemplificamos acima realmente o requeijão engorda.

Assim, a primeira sugestão que deixamos para quem é fã do requeijão cremoso e o consome com certa regularidade, mas deseja perder peso, é substituí-lo pela versão tradicional. São quase 30 calorias a menos entre um produto para outro, que a longo prazo podem fazer diferença na silhueta.

Assim, com os devidos cuidados tomados, o uso do requeijão tradicional pode não ser tão prejudicial assim à dieta. Suponhamos que em vez de usar o pão francês e uma colher e meia de sopa da versão cremosa, a pessoa resolva passar somente uma colher de sopa em uma fatia de pão de forma integral, que contém 50 calorias. Desse modo, o valor calórico será bem mais baixo que no primeiro caso apresentado: terá somente por volta de 100 calorias.

O requeijão light engorda?

Para fugir ainda mais dessa história que comer requeijão engorda existe outra saída: o requeijão em sua versão light. Com apenas 35 calorias a cada porção equivalente a uma colher de sopa, ele também possui uma consistência encorpada, o que lhe dá uma vantagem em relação a outros ingredientes light, tendo em vista que isso faz com que seja necessário usar uma menor quantidade do produto para preencher o pão.

Desse modo, é possível recusar a ideia de que comer requeijão light engorda. A versão cremosa do requeijão também possui a sua variação light, entretanto, o número de calorias também é maior que a tradicional light: por volta de 45.

A composição

Nós vimos aqui a diferença que a quantidade de calorias que uma variação do requeijão pode possuir em relação a outra e que se for escolhida a versão adequada, no caso a light, é possível controlar as calorias.

Entretanto, quando estamos falando de alimentação não podemos nos ater somente às calorias. É preciso prestar atenção à composição dos itens.

As três versões do produto que apresentamos aqui possuem taxa de gordura: o cremoso contém 7,4 g por colher de sopa, o tradicional 5,06 g e o light 2,9 g. Nos três casos, a maior parte de gorduras são saturadas. Assim, o alerta que deixamos aqui é em relação ao limite recomendado de ingestão dessas gorduras a cada dia, que é de 7% das calorias consumidas em um dia.

Isso quer dizer que uma pessoa que ingere 2 mil calorias por dia não deve consumir mais do que 140 calorias ou de 15 a 16 g de gorduras saturadas diariamente. Quando esse tipo de gordura é ingerida em excesso, o nível do colesterol no sangue é elevado e a saúde cardiovascular pode ser prejudicada.

Outro nutriente presente no requeijão que merece a nossa atenção é o sódio. Na versão tradicional, o número de sódio não é tão elevado assim – são 43 mg a cada colher de sopa. No entanto, as outras versões possuem um valor mais alto, especialmente se levarmos em consideração o limite do nutriente que pode ser consumido por dia, que é de 2.300 mg.

Enquanto o requeijão light contém 144 mg de sódio por colher de sopa, o cremoso tem 151 mg na mesma proporção. Quando encontrado em excesso no organismo, essa substância pode prejudicar à saúde causando hipertensão, problemas no coração, perda de densidade óssea, desidratação, pedras nos rins e insuficiência renal, por exemplo. E para quem faz dieta pode ser muito ruim por provocar inchaço e acumulo de líquidos. Isso pode ser uma das causas da fama de que o requeijão engorda mesmo nas versões light.

Por outro lado, é possível encontrar um teor de proteínas no requeijão. O tradicional contém 1,09 g por colher de sopa, o cremoso tem 3 g e o light possui 1,7 g. Esse nutriente é importante para a construção e reparação de tecidos, por participar da criação de enzimas, hormônios, além de ser um componente essencial dos ossos, músculos, cartilagem, pele e sangue.

A quantidade de carboidratos, substância importante para a obtenção de energia no corpo, mas que também podem ser armazenada como gordura no corpo, encontrada no requeijão não é muito excessiva. São 0,7 g por porção no cremoso, 0,39 g no tradicional e 0 no light

A palavra é moderação 

Depois de todas as informações referentes às calorias e a composição nutricional do requeijão que acabamos de ver, a lição que fica é que precisamos saber moderar nosso consumo do produto para não engordar e não prejudicar a saúde. Até porque se exageros forem cometidos, inevitavelmente o consumo do requeijão refletirá em quilinhos a mais.

Como mesmo a versão menos calórica possui o seu teor de gordura saturada e de sódio, é importante ter sabedoria na hora de utilizá-la. Além de não extrapolar o tamanho da porção – que é de uma colher de sopa – vale procurar passar o requeijão em alimentos mais saudáveis como o pão de forma integral, pão de centeio ou pão de linhaça.

Vídeo:

Gostou das dicas?

Você acredita que, na sua frequência e modo de consumo, o requeijão engorda? Qual é sua versão preferida e mais consumida? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (16 votos, média: 3,94 de 5)
Loading...

Deixe um comentário