Uva faz mal para gastrite?

Especialista da área:
atualizado em 05/11/2021

Cerca de 72 milhões de toneladas de uva são cultivadas todos os anos ao redor do mundo, em grande parte para a produção de vinho.

  Continua Depois da Publicidade  

A uva proporciona diversos benefícios para nossa saúde, sendo fonte de carboidratos e proteínas e contém em sua constituição nutricional, minerais como o cálcio, ferro, potássio e fósforo, além de vitaminas A, B, C e E, além de ser rica em antioxidantes.

Essa fruta contribui para a saúde do coração e dos olhos, na redução da pressão arterial, é muito eficaz no combate a problemas no estômago, ajudando no tratamento de úlceras e gastrites.

Além disso, as uvas também ajudam a melhorar o funcionamento do fígado e dos rins, auxiliando na eliminação de ácido úrico. São uma rica fonte de energia, ajudam a purificar o organismo e estimulam o sistema digestivo, além de frequentemente fazer parte de um programa alimentar voltado para o emagrecimento.

O que é a gastrite?

gastrite

A gastrite é uma doença caracterizada pela inflamação, erosão ou infecção do revestimento do estômago, ocorrendo o enfraquecimento da mucosa que protege a parede estomacal e os próprios sucos digestivos produzidos pelo órgão acabam por causar danos à parede do estômago.

Ela pode ser provocada por vírus, parasitas, fungos, o refluxo da bile para dentro do estômago, estresse, ingestão de esteroides, consumo de alimentos picantes, uso de medicamentos anti-inflamatórios não esteroides, abuso de bebidas alcoólicas e por uma bactéria chamada Helicobater pylori.

A doença pode ser aguda, durando apenas um período curto de tempo, ou crônica, que persiste ao longo de meses, ou até mesmo anos. Os seus sintomas incluem: náusea, vômito, sentir-se empanturrado na parte superior do abdômen (principalmente depois de comer), indigestão, fezes escuras e vômitos que podem vir com sangue ou substâncias similares à borra de café.

  Continua Depois da Publicidade  

O consumo de uva e a gastrite

Uma pesquisa realizada pelo Departamento de Ciências e de Biotecnologia da Universidade da Coreia do Sul, que indicou que as antocianinas presentes nas cascas das uvas protegem o estômago contra a gastrite.

As antocianinas são pigmentos que fazem parte dos grupos dos flavonoides (substâncias com poder antioxidante) e são responsáveis pela coloração de frutas, flores e folhas, especialmente pelo tom bordô do vinho tinto, sendo a uva a fruta que concentra a maior quantidade da substância.

As antocianinas são responsáveis por proteger as plantas, as flores e as frutas contra a ação prejudicial da luz ultravioleta e por evitar a produção de radicais livres, proporcionando o mesmo efeito no corpo humano.

A maior fonte dessa substância é a casca da uva, e a sua quantidade pode variar de acordo com o tipo, o cultivo e a variedade. Entre as uvas com maior teor da substância encontram-se duas variedades cultivadas na Itália: a uva ancellota, que pode ter até 2,3 g de antocianinas por quilo, e a uva lambrusco, que pode carregar até 1,9 g em cada quilo.

As uvas brancas não possuem o mesmo efeito das pretas, pois não contêm flavonoides que atuam como anti-inflamatórios e ajudam a proteger o organismo.

O pH da uva 

Uvas

A uva verde e a uva roxa possuem pH entre 4 e 4,5, em uma escala que vai de 0 a 14, sendo que quanto menor esse número, mais ácido é o alimento.

  Continua Depois da Publicidade  

A gastrite é uma inflamação da parede de estômago que é desenvolvida justamente quando a acidez aumenta ao ponto de agredir o órgão, portanto para pessoas diagnosticadas com úlcera, o consumo de frutas ácidas deve ser evitado.

Entretanto, a uva apesar de ter um pH relativamente ácido, ela tem a capacidade de acalmar a mucosa do estômago, ajudando a reduzir os sintomas da gastrite.

Concluindo

Para ter certeza se a uva faz mal para gastrite, especialmente tendo em vista as particularidades de cada quadro da doença, o ideal é que você converse com o médico responsável pelo seu tratamento para saber como essa fruta pode ser inserida nas suas refeições.

Vídeo

Você acreditava que a uva faz mal para gastrite? Sofre dessa condição e tem o costume de comer ou não a fruta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (24 votos, média 4,46)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário

9 comentários em “Uva faz mal para gastrite?”

  1. Doutora gostei muito da sua aula muito bom obrigado

    Responder
  2. Eu estava tomando muito aquele suco de uva que vem no vidro, daquele delicioso, mais forte e q da vontade de tomar muito. Minha gastrite pioroube quando foi ligar os pontos percebi q era por causa do suco, tinha muito tempo q ñ sentia dor por causa da gatrite, hj descobri q o suco da uva fez ela piorar…

    Responder
  3. Ñ consigo entender,sobre o limão, uns diz q faz bem p gastrite e outros diz ñ, pf mim responda!! Faz bem ou mal

    Responder
  4. Quando como uvas sinto como se ela ficasse parada no meu estômago, começa a doer é horrível mas, não consigo deixar de comer adoro uvas.

    Responder
    • Tenho a mesma sensação. Porém, mesmo sabendo q vou sofrer como. E o Pior, quando como, faço de forma compulsiva e só percebo depois q comi umas três toneladas. RS. Resultado… passo mto mal.

      Responder