6 sinais que sua pressão pode estar alta e o que fazer

Especialista:
atualizado em 08/10/2020

Um problema de saúde que exige a atenção de qualquer um certamente é a pressão alta. Afinal, uma pressão alta sem controle pode gerar complicações sérias como aterosclerose, ataque cardíaco, insuficiência cardíaca e acidente vascular cerebral (AVC).

Além disso, as complicações da doença incluem aneurisma, enfraquecimento e estreitamento dos vasos sanguíneos dos rins, engrossamento, rompimento ou estreitamento dos vasos sanguíneos dos olhos, síndrome metabólica, dificuldades de memória e compreensão e demência.

Assim, não é à toa que as consultas médicas de rotina e as triagens nos serviços de emergência costumam envolver a medição da pressão arterial dos pacientes.

Até porque a pressão alta é uma doença silenciosa. Ou seja, que não costuma provocar sintomas antes de atingir um estágio severo ou perigoso.

Apesar disso, existem alguns sinais que podem indicar que a sua pressão arterial pode estar mais alta do que você imagina, como os que vamos conhecer na lista a seguir:

1. Dor de cabeça

Dor de cabeça

A constrição dos vasos sanguíneos que se observa em um quadro de pressão alta e o próprio aumento da pressão dificultam o fluxo de sangue ao cérebro, o que gera dor de cabeça. Principalmente na região da nuca onde estão os vasos sanguíneos que sobem até o cérebro.

2. Zumbido no ouvido

Ter a pressão arterial elevada torna uma pessoa mais propensa a desenvolver o zumbido no ouvido.

Aliás, a hipertensão e outros fatores que aumentam a pressão arterial, como cafeína, estresse e álcool podem tornar o zumbido mais perceptível. Tanto que pessoas que sofrem com o aumento da pressão arterial relatam ter experimentado o problema.

3. Fraqueza

A pessoa que sofre com a pressão alta normalmente sente muito cansaço, pois, devido à condição, o seu coração precisa se esforçar muito para conseguir bombear o sangue para as extremidades.

4. Tontura

Tontura

A tontura também é uma das queixas relatadas por aqueles que apresentam a pressão arterial elevada. Ao levantar da posição sentada ou deitada, quem tem pressão alta pode sentir-se tonto. Às vezes, pode até mesmo ter a sensação de que parece que vai desmaiar.

5. Visão embaçada

A pressão alta também pode afetar os vasos que irrigam os olhos, prejudicando o bom funcionamento e a boa acuidade visual (capacidade funcional de visão).

Aliás, uma das possíveis complicações da hipertensão pode resultar na perda da visão.

6. Sangramento no nariz

Para quem nunca teve sangramento no nariz, observar que o nariz passou a sangrar com muita facilidade, após qualquer mínimo esforço, pode ser um sinal grave e preocupante de pressão alta, que exige procurar o médico.

O que pode ajudar a evitar a pressão alta?

Esta é uma preocupação especialmente importante em tempos de pandemia do novo coronavírus. Não apenas porque quem tem pressão alta faz parte do grupo de risco da COVID-19, a doença provocada pelo vírus.

Mas também porque devido à tensão do momento e à necessidade de ficar muito tempo em casa, algumas pessoas ficam estressadas, comem mal e ficam mais sedentárias, o que pode aumentar a pressão.

No entanto, há uma boa notícia. Existem algumas estratégias que podem ajudar a evitar o desenvolvimento da pressão alta, como:

  1. Manter um peso adequado – o sobrepeso é um dos fatores de risco para o aumento da pressão;
  2. Comer o mais saudável possível, ou seja, evitar a ingestão de gorduras ruins como frituras, açúcar e alimentos ricos em sódio;
  3. Não fumar;
  4. Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;
  5. Controlar o estresse e a ansiedade;
  6. Praticar atividades físicas orientadas por um educador físico.

Para quem já sabe que tem pressão alta, seguir as estratégias da lista acima certamente será muito útil. Entretanto, elas jamais podem substituir os medicamentos e o restante do tratamento indicados pelo médico para lidar com o quadro de hipertensão.

Antes de concluir que tem pressão alta, consulte o médico

Este artigo serve unicamente para informar e jamais pode substituir o diagnóstico de um médico. Portanto, se você percebeu que experimentou um ou mais dos sinais mencionados aqui, antes de concluir que realmente está com pressão alta, precisa consultar um médico.

Os sinais citados servem como um alerta de que a pressão pode ter aumentado, porém é só depois de ser examinado pelo médico que é possível saber se realmente desenvolveu um quadro de pressão alta e se terá que seguir algum tratamento específico.

Aproveite então para conferir um vídeo da nossa nutricionista alertando sobre os cuidados com a pressão:

Fontes e referências adicionais:

Você tem problemas de pressão? Já notou algum desses sinais? Conte para nós nos comentários abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário