Anticoncepcional Mesigyna Engorda?

Especialista:
atualizado em 03/06/2016

O Mesigyna é um popular anticoncepcional injetável, usado uma vez ao mês para reduzir as chances de gravidez a algo muito próximo de zero. Frente aos comprimidos de consumo diário, a principal vantagem do Mesigyna é a comodidade e a segurança ampliadas, uma vez que não é necessário usar um medicamento todos os dias e, portanto, há um risco menor de esquecer da precaução.

Como todos os anticoncepcionais, o Mesigyna é acompanhado de efeitos colaterais razoavelmente numerosos, sobre os quais há frequentes discussões entre as mulheres. Dentre os possíveis efeitos, fala-se muito na possibilidade de ganho de peso. Mas o anticoncepcional Mesigyna engorda mesmo?

Como Funciona o Mesigyna?

O Mesigyna é composto por uma combinação entre formas sintéticas dos hormônios estrogênio e progesterona. A carga de hormônios contida no Mesigyna influencia a glândula pituitária, causando uma reação em cadeia que bloqueia a ovulação. Uma vez que não há ovulação, a gravidez torna-se impossível.

Sua ação traz, porém, benefícios que vão além da contracepção. O uso do Mesigyna contribui para a prevenção do câncer do endométrio e dos ovários, além de evitar miomas e cistos. A frequência e a intensidade das cólicas menstruais também são diminuídas pelo Mesigyna.

Efeitos Colaterais do Mesigyna

Os efeitos colaterais do Mesigyna são muito variados, algo que sempre se dá com os anticoncepcionais hormonais. O Mesigyna pode provocar sobretudo alterações no ciclo menstrual, como sangramentos nos intervalos entre as menstruações, sangramentos prolongados ou até mesmo a ausência da menstruação.

Dores de cabeça e dores nos seios também são possíveis, bem como aumentos nos níveis de nervosismo. Muito mais raro, porém possível e perigoso, é o desenvolvimento de coágulos sanguíneos.

O Anticoncepcional Mesigyna Engorda?

Entre os efeitos colaterais do Mesigyna, a possibilidade de ganhar peso é um dos mais discutidos entre as mulheres. A verdade é que o ganho de peso pode ocorrer, mas não tão frequentemente nem tão intensamente quanto se imagina.

O principal motivo da crença de que o anticoncepcional Mesigyna engorda é a retenção de líquidos. A carga hormonal estimula o corpo a reter uma maior quantidade de água no organismo, o que aumenta o peso diretamente. Essa relação foi comprovada por um estudo científico publicado na Contraception em 1999.

Entretanto, a retenção de líquidos não é exatamente uma forma de engordar. Não há aumento na quantidade de gordura corporal, apesar do maior peso poder ser igualmente incômodo.

A verdade, porém, é que o funcionamento hormonal do Mesigyna torna os seus efeitos diferentes para cada mulher. Uma vez que o sistema endócrino possui um funcionamento muito delicado, cada pessoa reage de forma diferente ao medicamento, de modo que a solução para quaisquer problemas é a procura de um anticoncepcional que se adapte ao organismo.

Conclusões

Uma vez que as reações a um medicamento hormonal variam amplamente de pessoa para pessoa, não é recomendado se deixar impressionar por relatos individuais. É evidente que o Mesigyna pode causar um ganho de peso intenso em certas mulheres, mas não o faz para todas.

Na verdade, um estudo publicado na Contraception em 2000 apontou o quão controversa é a ideia de que o anticoncepcional Mesigyna engorda. Ao acompanhar o uso do remédio por 534 mulheres férteis na América Latina, verificou-se um ganho de peso médio de apenas 1kg, algo que é verdadeiramente pouco.

Por fim, resta sempre o problema de determinar a verdadeira causa de um ganho de peso. Relatos individuais frequentemente ignoram o controle dos demais fatores, de modo que para avaliar as consequências de um medicamento é necessário se apoiar nas conclusões de estudos científicos.

Nesse sentido, é necessário elogiar o Mesigyna: o ganho de peso observado no uso desse anticioncepcional é considerado menor que o provocado por outros anticoncepcionais injetáveis.

Contraindicações do Mesigyna

Apesar de sua eficácia e do pequeno perigo de ganho de peso, o Mesigyna é contraindicado em uma série de circunstâncias. Em primeiro lugar, o Mesigyna não deve ser utilizado por pessoas com histórico ou sintomas de problemas cardiovasculares sérios como trombose, infarto do miocárdio ou acidente vascular cerebral.

Um histórico de enxaquecas é, assim como a diabetes, uma situação na qual o Mesigyna é contraindicado. Doenças hepáticas também devem ser motivo para não utilizar o Mesigyna, sobretudo quando há presença ou histórico de tumores hepáticos.

Sangramentos vaginais não diagnosticados representam uma situação em que o Mesigyna pode ser arriscado. Além disso, em caso de gestação ou de suspeita de gestação, o anticoncepcional Mesigyna não deve ser administrado.

Você já utilizou o anticoncepcional Mesigyna? Sentiu o efeito colateral do ganho de peso com o mesmo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (526 votos, média: 3,99 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário

237 comentários em “Anticoncepcional Mesigyna Engorda?”

  1. Tomo ja dois anos nao tive alteração de peso
    Mas tive alteração na menstruacao
    Tem mes q vem tem.mes q nao vem