Biotina

Biotina Engorda ou Emagrece? Como Tomar?

A biotina é uma vitamina do complexo B que está envolvida na conversão de alimentos em energia e é encontrada naturalmente em vários alimentos. Essencial para a formação de ácidos graxos e açúcar no sangue (também chamado de glicose), e às vezes chamada de vitamina H, a biotina ajuda no metabolismo de carboidratos, gorduras e proteínas. Mas será que a biotina engorda ou emagrece? Como tomar essa vitamina em forma de suplemento?

Por que as pessoas tomam biotina?

Enquanto a maioria das pessoas obtém a quantia suficiente de biotina através da sua alimentação, ela também é produzida no organismo pelas bactérias em nosso intestino. De acordo com o Instituto de Medicina dos Estados Unidos, a ingestão diária adequada para adultos com 19 anos de idade ou mais é de 30 mcg, o que geralmente pode ser alcançado através dos alimentos.

Embora seja considerada incomum a deficiência de biotina, ela pode ocorrer em pessoas que bebem álcool em excesso ou consomem uma grande quantidade de clara de ovo crua (que contém uma proteína que bloqueia a absorção de biotina). Um distúrbio genético de deficiência de biotina, doença inflamatória intestinal e medicamentos como carbamazepina e outros anticonvulsivantes, antibióticos ou isotretinoína também pode aumentar a sua necessidade de biotina.

Os sintomas da deficiência de biotina incluem o enfraquecimento do cabelo, erupção vermelha escamosa (especialmente ao redor dos olhos, boca e nariz), depressão, cansaço, alucinações e formigamento nos braços e pernas.

Os proponentes afirmam que a obtenção de mais biotina pode ajudar a regular o açúcar no sangue, promover o crescimento do cabelo (incluindo crescimento de sobrancelhas, barba e cílios) e fortalecer as unhas. Esse suplemento também é considerado um nutriente importante durante a gravidez.

Biotina engorda ou emagrece?

A biotina realmente ajuda na perda de peso ou engorda? Estudos realizados em diferentes instituições de pesquisas ainda estão sendo realizados para determinar se de fato a biotina engorda ou emagrece, porém, alguns fabricantes de suplementos também afirmam que suplementos de biotina podem acelerar o metabolismo e, por sua vez, promover a perda de peso.

Biotina para a perda de peso

A biotina funciona como uma coenzima no corpo e é essencial para o metabolismo da glicose, aminoácidos e ácidos graxos, além de ajudar na quebra de alimentos e transformá-los em energia, especialmente os carboidratos.

O metabolismo do corpo controla a velocidade com que os órgãos queimam calorias, e a gestão do peso precisa de um mecanismo corporal que funcione bem, o que significa que a biotina emagrece quando consumida de maneira adequada.

Biotina e o ganho de peso

O excesso de calorias no corpo das pessoas se transforma em gordura com a ajuda de uma enzima chamada ACC ou acetil-CoA carboxilase. Esta proteína depende da biotina e a ação reduzida da proteína acetil-CoA carboxilase contribui para a síntese mínima de gordura e para o seu armazenamento como triglicerídeo.

Portanto, isso significa que uma vitamina do complexo B em baixos níveis pode levar a um metabolismo fraco ou lento. Posteriormente, provoca vários problemas de saúde, como por exemplo, o ganho de peso, mas essa abordagem parece ser um método indireto de ganhar peso.

Mais sintomas de um metabolismo lento são:

  • Mal humor;
  • Provável início de diabetes;
  • Problemas digestivos;
  • Mudanças no apetite.

De fato, o que ocorre na prática demonstra que a falta de vitamina B12 e vitamina D são fatores importantes que levam ao ganho de peso. No entanto, não é a maneira correta de engordar.

Benefícios da biotina para diabetes, sobrepeso e obesidade

Embora haja muito pouca evidência científica que apoia o uso de biotina em pessoas que não sofrem com deficiência da mesma, algumas pesquisas descobriram que ela oferece benefícios para a saúde, como ocorre no caso da diabetes.

Algumas pesquisas sugerem que consumir biotina em combinação com picolinato de cromo pode ser benéfico para as pessoas com diabetes.

Por exemplo, um estudo realizado em 2008 pela Diabetes/Metabolism Research and Reviews descobriu que tomar uma combinação de picolinato de cromo e bitotina além da medicação prescrita para tratar diabetes pode ajudar a melhorar o controle de açúcar no sangue em pessoas com sobrepeso, obesidade ou com diabetes tipo 2.

O estudo foi realizado com 447 pacientes com diabetes que ou tomaram picolinato de cromo com biotina ou um placebo por 90 dias (juntamente com o medicamento para diabetes).

Até o final do estudo, as pessoas que haviam tomado o picolinato de cromo com biotina mostraram uma melhora significativamente maior nos níveis de açúcar no sangue em comparação com as pessoas que tomaram placebo.

Além disso, um estudo realizado em 2006 pela Diabetes Technology & Therapeutics descobriu que quatro semanas de uso de picolinato de cromo com biotina (em combinação com medicamentos para diabetes) ajudaram a melhorar os níveis de açúcar no sangue em pacientes com diabetes.

Envolvendo 43 pessoas com diabetes mal controlada, o estudo também descobriu que os suplementos de picolinato de cromo com biotina ajudaram a reduzir os níveis de colesterol.

Uma vez que ambos os estudos testaram o uso de biotina em combinação com picolinato de cromo, não se sabe se a biotina sozinha poderia produzir resultados semelhantes.

Possíveis efeitos colaterais

Suplementos de biotina podem causar efeitos colaterais como erupções cutâneas, problemas digestivos, problemas com liberação de insulina, acne e problemas renais. De acordo com um relatório, foi dito que o tratamento com biotina pode interferir em testes de laboratórios e imitar doenças graves. Como com qualquer suplemento, ainda não se sabe em relação a segurança do uso a longo prazo ou de altas doses.

Tal como acontece com outros suplementos, os de biotina não foram testados para a segurança em mulheres grávidas, lactantes, crianças e pessoas com condições médicas ou que estejam tomando medicamentos.

Se você deseja obter mais biotina durante suas refeições, inclua alimentos ricos em biotina, como por exemplo, levedura nutricional, levedura de cerveja, couve-flor, fígado, banana, salmão, gema de ovo, cenoura, legumes, sardinha e cogumelos. Se tiver sintomas de deficiência de biotina ou estiver pensando em tomar suplementos, converse com o seu médico antes de iniciar o consumo.

Você conhece alguém que tenha tomado esse suplemento e afirme que a biotina engorda ou emagrece? Tem curiosidade de experimentar essa vitamina? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (22 votos, média: 4,18 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite


ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*