Luteína: o que é, para que serve e benefícios

Especialista da área:
atualizado em 06/04/2021

A luteína é um antioxidante carotenoide muito importante para a saúde, e por isso é essencial sabermos exatamente o que ela é e para que serve.

  Continua Depois da Publicidade  

Esse nutriente pode ser encontrado em uma série de alimentos, e contribui para a prevenção de doenças, e principalmente para a manutenção da saúde dos olhos.

E, além de estar presente nos olhos, a luteína, juntamente com outro carotenoide chamado zeaxantina, também é encontrada na pele, no colo do útero, no cérebro, na mama e no sangue.

Então, vamos conhecer um pouco mais sobre a luteína e seus benefícios para a saúde, além de descobrir quais os alimentos ricos neste antioxidante.

Mas o que é um carotenoide?

Chamamos de carotenoides os pigmentos que ocorrem naturalmente nos vegetais, que geralmente possuem coloração vermelha, laranja ou amarela.

Eles possuem uma ação antioxidante potente, e seu consumo, a partir de alimentos ricos no nutriente, é indicado para pessoas de todas as idades.

Na natureza, eles são essenciais para o crescimento da planta e o processo da fotossíntese, e são uma das fontes principais de vitamina A na dieta nos seres humanos.

Além disso, por serem seguros, eles são muito usados​ como corantes para alimentos e cosméticos.

A importância da luteína

suplemento de luteína

A luteína não é produzida pelo nosso organismo, e por isso deve ser ingerida através dos alimentos ou na forma de suplementos.

Ela é altamente concentrada na mácula do olho, e também é encontrada em quantidades menores na retina e no nervo ótico, o que a leva a ser considerada como “a vitamina dos olhos”.

  Continua Depois da Publicidade  

Assim, ela ajuda a evitar o desenvolvimento de algumas doenças oculares, incluindo a degeneração macular relacionada à idade, a catarata e a retinite pigmentosa, que é um distúrbio hereditário que causa a degeneração da retina.

Benefícios da luteína no organismo

Agora que você já sabe o que é a luteína, é hora de conhecer os seus benefícios para a saúde:

1. Diminui o risco de desenvolvimento de catarata

Alguns estudos mostram que altos níveis de luteína, associada a zeaxantina, diminuem o risco de desenvolvimento da catarata, quando comparamos com pessoas com níveis mais baixos da substância.

Isso se deve à sua capacidade de prevenir a degeneração das estruturas internas do olho, que são responsáveis por uma série de problemas na visão.

2. Previne a degeneração macular

Como a luteína é encontrada em quantidades bastante altas nos olhos, ela desempenha um papel importante na manutenção da saúde.

Mas, à medida que envelhecemos, os níveis de luteína nos olhos tendem a diminuir, especificamente em uma parte conhecida como mácula.

Por isso, de acordo com a American Macular Degeneration Foundation, fundação americana que estuda a degeneração macular, aumentar os níveis de ingestão de luteína ou tomar suplementos deste carotenoide pode ajudar a prevenir e tratar o problema.

3. Protege a saúde da pele

Os olhos e a pele humana são os únicos órgãos expostos diretamente ao ambiente externo, e por isso sofrem bastante com a ação dos radicais livres e da radiação solar.

  Continua Depois da Publicidade  

Por isso, consumir alimentos ricos em luteína pode ajudar a prevenir o envelhecimento precoce da pele, além de melhorar a produção de colágeno.

4. Benefícios cardiovasculares

A luteína também está presente no sangue, e desempenha função antioxidante, que ajuda a manter a saúde do coração e dos vasos sanguíneos.

Assim, ela ajuda no combate à formação de placas nas artérias, e contribui para a prevenção de uma série de doenças cardiovasculares.

Alimentos ricos em luteína

alimentos ricos em luteína

Devido a sua importância para a saúde, incluir alimentos ricos em luteína na dieta é essencial para a manutenção da saúde. Por isso, preparamos uma lista dos principais alimentos ricos neste antioxidante. Confira abaixo:

Mas, apesar de sabermos quais os alimentos ricos em luteína, definir a quantidade do nutriente em cada um é difícil, uma vez que alguns fatores podem afetar a sua produção no vegetal, como:

  • Forma de cultivo;
  • Período de coleta;
  • Nutrição a que a planta foi submetida.

E ainda existe a possibilidade de obter a luteína através de suplementos, que são facilmente encontrados em farmácias.

Efeitos colaterais e contraindicações

Não há registros de efeitos colaterais pela ingestão de carotenoides, como luteína e zeaxantina, quando feita na dose correta.

Mas, existem casos de pessoas que consomem grandes quantidades de alimentos ricos nesses pigmentos, como cenouras ou frutas cítricas amarelas e verdes. Nesses caso, pode ocorrer o desenvolvimento de uma coloração amarela mais forte da pele chamada carotenemia.

Além disso, mulheres grávidas ou que estejam amamentando, assim como crianças com menos de 3 anos de idade, devem consultar um médico antes de iniciar o uso de suplementos de luteína. Mas, essas contraindicações não existem para o nutriente obtido através da alimentação.

Fontes e referências adicionais

O que achou dos benefícios da luteína? Você já recorreu a algum suplemento de luteína para cuidar da visão? Deu resultado? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (310 votos, média 4,01)
Loading...
Sobre Marcela Gottschald

Marcela Gottschald é Farmacêutica Clinica - CRF-BA 8022. Graduada em farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2013. Residência em Saúde mental pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Experiência em pediatria e nefrologia, com ênfase em unidade de terapia intensiva. Ela faz parte da equipe de redatores do MundoBoaForma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

34 comentários em “Luteína: o que é, para que serve e benefícios”

  1. gostei muito do efeito latrina p visão vou usar luteina logo vou contar meu depoimento de curada dos meus olhos em nome de JESUS CRISTO

    Responder
    • Faço uso da Luteina ha três meses indicação da minha oftalmologista….muito interessante esse artigo amei ….parabens

      Responder
  2. não exatamente, porque não vai resolver pois no seu caso é um dano causado pelo glaucoma, que inclusive pode levar a cegueira… neste caso a Luteina resolve para proteção da mácula, retina e outros benefícios para pele.

    Responder
  3. não exatamente, porque não vai resolver né num dano causado pelo glaucoma que inclusive pode levar a cegueira… neste caso a Luteina resolve para proteção da mácula retina e outros benefícios para pele.

    Responder