Isoflavona Engorda ou Emagrece?

De acordo com informações do Instituto Linus Pauling da Universidade Estadual de Oregon, nos Estados Unidos, as isoflavonas são classificados como fitoestrogênios, ou seja, compostos derivados de plantas que apresentam atividade estrogênica.

Os fitoestrogênios recebem esse nome porque são similares ao hormônio feminino estrogênio em sua estrutura química e na sua funcionalidade.

Conforme o Instituto Linus Pauling, a soja e os produtos à base de soja são as fontes mais ricas de isoflavonas da dieta do ser humano. Pesquisadores descobriram que esses compostos presentes na soja possuem algumas propriedades medicinais, principalmente no que se refere à saúde feminina. Mas será que o consumo da isoflavona engorda ou emagrece?

Benefícios das isoflavonas

– Câncer de mama 

Uma equipe de pesquisadores da China e dos Estados Unidos conduziu um estudo de larga escala para determinar se o consumo de alimentos à base de soja poderia causar algum efeito em relação à recorrência do câncer de mama em sobreviventes da doença.

Os cientistas reuniram um grupo de mais de 9,5 mil mulheres dos dois países que tinham sobrevivido a um câncer de mama invasivo e monitorou a ingestão de isoflavonas de soja por parte dessas mulheres ao longo de sete anos. 

Ao término do período do estudo, eles concluíram que o consumo das isoflavonas de soja diminuiu de maneira significativa a recorrência da doença e diminuiu levemente o risco de mortalidade do câncer de mama, porém, o último foi em uma taxa considerada estatisticamente insignificante.

– Osteoporose

Outro estudo, realizado por pesquisadores da Universidade de Sichuan, na China, analisou dados de pesquisas anteriores para determinar como o consumo regular das isoflavonas de soja poderia ser associado à prevenção da osteoporose em mulheres.

Eles identificaram que as mulheres que tomaram suplementos de isoflavona de soja com regularidade apresentaram um aumento de 54% em sua densidade mineral óssea.

Além disso, os cientistas afirmaram que a ingestão frequente de isoflavonas também estava associado com uma diminuição significativa da reabsorção óssea, um processo pelo qual o osso velho é decomposto e os minerais que o constituem são transportados de volta para a corrente sanguínea.

– Sintomas da menopausa

Pesquisadores da Universidade de Catania, na Itália, também estudaram os efeitos das isoflavonas em relação ao tratamento dos sintomas da menopausa e tiveram resultados ambivalentes.

Isso porque eles perceberam que o uso das isoflavonas provocou uma diminuição de 40% dos sintomas vasomotores como as ondas de calor e uma redução na incidência de depressão e insônia, ao mesmo tempo em que trouxe pouco ou nenhum efeito no que se refere a problemas como as dores musculoesqueléticas da menopausa e a secura vaginal.

A isoflavona engorda ou emagrece? 

Agora que já conhecemos alguns dos benefícios associados à substância, vamos procurar entender se a isoflavona engorda ou emagrece.

De acordo com artigo da nutricionista e bacharela em ciência da nutrição, Jill Corleone, a ideia de que a isoflavona engorda pode estar associada à crença de que os estrogênios das plantas, como as isoflavonas de soja, podem provocar o hipotireoidismo, uma doença ligada ao aumento de peso.

Entretanto, segundo Corleone, o Instituto Linus Pauling da Universidade Estadual de Oregon informou que o consumo das isoflavonas de soja não aumentam o risco de ter hipotireoidismo, ainda que as pessoas que já foram diagnosticadas com a doença precisem eliminar alimentos com soja da dieta para prevenir interações com medicamentos utilizados em seu tratamento.

A nutricionista ainda acrescentou que o estrogênio é armazenado na gordura e que uma gordura corporal mais alta pode provocar o aumento dos níveis de estrogênio. Assim, ela explica que manter um peso saudável ajuda a equilibrar os níveis de estrogênio no organismo.

Não é correto afirmar que a isofavona engorda, assim como também não é um fato que isoflavona emagrece. Observe a sua alimentação para analisar o que está provocando a perda ou ganho de peso.

Cuidados com a isoflavona 

Ainda que a isoflavona da soja tenha sido associada a benefícios referentes ao câncer de mama, como vimos acima, pesquisadores do Instituto Linus Pauling alertam que ingerir quantidades elevadas de isoflavonas de soja pode estimular o crescimento de tumores em casos de câncer de mama sensíveis ao estrogênio em mulheres com histórico da doença.

Por conta disso, os cientistas orientam que essas mulheres não consumam quantidades elevadas de soja, pois alto consumo do alimento também não é indicado para quem tem histórico de outros tipos de câncer sensíveis a hormônio como câncer de ovário e de útero.

Existem ainda preocupações em relação à ingestão das isoflavonas de soja por parte de pessoas que sofrem com outras condições como a endometriose, que são sensíveis a hormônios.

O Instituto Linus Pauling afirmou que em estudos feitos com animais e com culturas celulares, as isoflavonas de soja inibiram a atividade da peroxidase da tireoide, que é uma enzima necessária para a síntese do hormônio tireoide.

No entanto, o consumo apropriado de iodo na alimentação diminui esse efeito.

Segundo informações da Mayo Clinic, a soja também pode afetar os níveis do hormônio tireoide em bebês e fórmulas com soja para bebês já foram apontadas por pesquisas como causadoras de uma diminuição na densidade mineral óssea.

Bebês meninas alimentadas com fórmula à base de soja registram um uso maior de medicamentos para asma ou alergia quando adultas do que aquelas que foram alimentadas com fórmula infantil à base de leite de vaca.

Pesquisadores do Instituto Linus Pauling também alertam que alguns estudos sugerem que uma ingestão alta de isoflavonas de soja podem interferir com os efeitos antitumorais de medicamentos para o câncer.

A soja também pode interferir com remédios anticoagulantes para sobreviventes do câncer de mama assim como com os medicamentos para reposição da tireoide.

Além disso, já foram registrados casos agudos de enxaqueca depois da utilização de produtos com isoflavonas de soja.

Assim, se você já foi diagnosticado com alguma das doenças mencionadas acima ou possui uma condição específica de saúde, converse com o seu médico a respeito dos cuidados que precisa ter em relação ao consumo de soja e outros alimentos que contêm isoflavonas.

E para qualquer pessoa, mesmo as saudáveis e sem essas ou outras doenças, é fundamental consultar o médico antes de tomar um suplemento com isoflavonas para que ele determine se o seu uso é realmente necessário, apropriado e não provocará problemas.

Usar qualquer tipo de suplemento ou medicamento sem o aval do médico pode ser perigoso e provocar prejuízos à saúde.

Caso você já use esse tipo de suplemento e experimente algum efeito inesperado e indesejável, busque imediatamente o auxílio do seu médico.

Você já tinha ouvido falar que a ingestão de isoflavona engorda ou emagrece? Tem receio de consumir soja por conta disso? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (77 votos, média: 3,99 de 5)
Loading...

10 comentários em “Isoflavona Engorda ou Emagrece?”

  1. O médico me passou o isoflavona 60mg , estou tomando a três dias e meus seios estão inchados e muito doloridos … Pode ser por causa do medicamento?

  2. Agora estou com medo de fazer uso da isoflovona de soja e engordar. Mas preciso para poder me livrar dessa quentura da menopausa, preciso usar antes de fazer uma besteira comigo mesmo. Já não aguento mais.

  3. Estou tomando isoflavona 60 MG a 3 dias estou com muita dor de cabeça posso tomar algum alnagesico ? A médica me falou para tomar por 6 meses . Obs. Retirei o útero os ovários e as trompas .

  4. Comecei a tomar Amora e Isoflavona, comprei numa casa de produtos naturais de confiança,estou bem , apenas com muito sono… é normal?

    • Pode ser um efeito sim. Se você não se acostumar com o tempo, vale a pena conversar com um médico ou nutricionista para trocar.

      • Estou tomando isoflavona a um mês e os calores diminuíram bastante ,porém percebi um pouquinho de inchaço ,mas vou observar mais um pouco

    • To tomando já vai fazer 60 dias, ainda To avaliando, posso dizer que estou bem, ainda sinto uns calorzinho, de vez em quando me dá um pouco de dor de cabeça, houve um aumentinho de peso (01 kg) porém não posso afirmar se tem algo a ver com a isoflavona, já que eu frequento academia e malho pesado, pode ser ganho de massa magra.
      Então vou obsevar por mais tempo!
      Mas se eu começar a engordar mais, com certeza pararei de Tomar!
      Preciso de algo que resolva meus problemas, não outro complicador!

  5. Meu médico homeopata passou-me isoflavona de soja de 100mg ao dia.
    Tenho hiporeoidismo e tomo Puran 88.
    É indicado aumentar a dosagem do Levoro tiroxina ?

Deixe um comentário