Morango prende ou solta o intestino?

Especialista da área:
atualizado em 26/09/2021

O morango é uma fruta muito versátil e está presente em diversas receitas da culinária mundial, como bolos, tortas, trufas, mousses, bombons e até licores. Porém, mais do que isso, essa fruta é muito benéfica para a saúde do nosso organismo.

  Continua Depois da Publicidade  

Ele serve como fonte de diversos nutrientes como, fibras, manganês, potássio, ferro, cobre, fósforo, magnésio, vitaminas do complexo B (B6 e B9), vitaminas C, E e K, e ainda contém propriedades antioxidantes que ajudam na melhoria do sistema imunológico.

Além disso, o morango contribui para a redução da pressão arterial e dos níveis de glicose no sangue, é bom para a saúde do coração, favorece o aumento do colesterol bom (também conhecido como HDL) e também atua na prevenção contra alguns tipos de câncer.

Será que o morango prende ou solta o intestino? 

morangos frescos

O morango é uma excelente fonte de fibras alimentares e este nutriente é fundamental para a saúde do corpo. Elas ajudam a normalizar as funções intestinais, colaborando com a digestão e auxiliando na prevenção da prisão de ventre.

De acordo com uma publicação do Departamento de Microbiologia e Imunologia da Escola de Medicina da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, as fibras aumentam o volume das fezes e contribuem para que elas se movimentem de forma mais suave através do sistema digestivo, facilitando o trânsito intestinal, além de alimentar as bactérias benéficas da flora intestinal.

Os morangos não são as frutas mais ricas em fibras, já que eles são classificados como uma fonte moderada de fibras pelo Stanford Children’s Health, que é o hospital pediátrico da Universidade de Stanford. Isso porque 100 gramas de morangos in natura apresenta aproximadamente 2 gramas de fibras, segundo o Departamento de Agricultura dos EUA. Porém, o seu consumo moderado pode contribuir para que seja atingida a ingestão diária recomendada do nutriente.

Aproveite para conhecer as melhores frutas para combater a prisão de ventre.

  Continua Depois da Publicidade  

No entanto, é bom prestar atenção para não ingerir uma grande quantidade deste nutriente. Quando a fibra é ingerida de maneira excessiva, ela pode provocar fezes moles, movimentos intestinais frequentes e, inclusive, diarreia.

A lista a seguir, feita com informações da Academia Nacional de Medicina dos Estados Unidos, replicadas pelo Instituto Linus Pauling da Universidade Estadual de Oregon, informa qual a quantidade diária de fibras que diferentes grupos e perfis de pessoas devem ingerir diariamente:

FaseIdadeHomens (g/dia)Mulheres (g/dia)
Bebês 0-6 mesesNDND
Bebês7-12 mesesNDND
Crianças1-3 anos1919
Crianças4-8 anos2525
Crianças9-13 anos3126
Adolescentes14-18 anos3826
Adultos19-50 anos3825
Adultos51 anos ou mais3021
Grávidastodas as idades28
Lactantestodas as idades29
NE = Não definido

A importância de ingerir as fibras acompanhadas de água

É fundamental consumir uma boa quantidade de água ao longo do dia para acompanhar a ingestão de alimentos que servem como fonte de fibras.

A fibra necessita de água para passar pelo sistema digestivo e formar as fezes, e quando há o aumento no consumo de fibras, mas não é acompanhado de um aumento no consumo de água, pode ocorrer o agravamento da constipação e das dores abdominais.

Durante o processo de transição para uma alimentação com mais fibras, recomenda-se ingerir em torno de 230 ml a 470 ml de água a cada duas horas durante o dia.

Digestão da frutose

A frutose é o açúcar encontrado nas frutas, como é o caso do morango. As pessoas que sofrem com a síndrome do intestino irritável e outros distúrbios gastrointestinais podem desenvolver uma intolerância à frutose.

  Continua Depois da Publicidade  

Para esses indivíduos, consumir alimentos ricos em frutose pode provocar problemas como diarreia, gases e cólica. Nesses casos, a pessoa não precisa cortar o morango de sua dieta, porém, necessita controlar a sua ingestão, e optar por outras fontes de fibras.

Vídeos

Para você o morango prende ou solta o intestino? Tem costume de consumir esta fruta com frequência? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (9 votos, média 3,78)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

1 comentário em “Morango prende ou solta o intestino?”

  1. tenho disbiose intestinal. Comecei a ingerir morango, um ou dois por dia; guardo preocupações a respeito. um abraço, e obrigado pelas explicações.

    Responder