Tomar Creatina Antes de Dormir Faz Mal ou é Bom para Hipertrofia?

Muitas pessoas que fazem uso da creatina alegam que tomar creatina antes de dormir faz mal. Essa informação é importante pois é necessário saber como esses produtos devem ser usados para que se tenha os melhores benefícios e não prejudique o seu bem estar.

Afinal de que vai adiantar investir dinheiro no suplemento se o praticante não souber como tomar creatina corretamente, não é mesmo?

  Continua Depois da Publicidade  

Sobre a creatina

A creatina é um aminoácido que fica localizado principalmente nos músculos, mas que também pode ser encontrado no cérebro. O fígado, o pâncreas e os rins produzem creatina, mas ela ainda pode ser obtida sinteticamente ou por meio de alimentos ricos em creatina como os frutos do mar e a carne vermelha.

O organismo converte a creatina em fosfocreatina e armazena a substância nos músculos, onde ela é usada como energia. É justamente por isso que algumas pessoas utilizam os suplementos de creatina para melhorar a performance atlética e aumentar a massa muscular.

Embora o corpo de pesquisas a respeito da creatina em relação aos exercícios físicos tenha produzido resultados mistos, acredita-se que o aminoácido pode beneficiar os atletas que necessitam de explosões curtas de energia como os praticantes do levantamento de peso e os corredores velocistas.

E então, será que tomar creatina antes de dormir faz bem ou faz mal?

Por se tratar de uma fonte de energia, é questionado se tomar creatina antes de dormir realmente é uma boa ideia. Entretanto, por não se tratar de um estimulante, não existem razões que impeçam a utilização para não usar o suplemento antes de dormir quando se trata da fase de carga ou saturação da creatina.

Essa fase envolve a ingestão de dosagens relativamente elevadas do suplemento (aproximadamente 20 gramas) com o objetivo de aumentar o teor de creatina nos músculos por vários dias, esclareceu o mestre em ciências biomédicas e PhD em cinesiologia (ciência do movimento) e nutrição do exercício Grant Tinsley.

A questão é que o momento antes de deitar-se para dormir pode não ser o horário mais vantajoso para ingerir a creatina durante a sua fase de manutenção, quando a dosagem do suplemento é diminuída para três gramas a cinco gramas.

De acordo com uma pesquisa de porte pequeno, conduzida em 19 fisiculturistas saudáveis do sexo masculino, o pós-treino pode ser o melhor período para tomar a creatina. O PhD em cinesiologia (ciência do movimento) explicou o estudo em questão testou a efetividade da administração de cinco gramas de creatina antes ou depois do exercício para esses homens.

“Ao final do estudo, foram vistos maiores aumentos em massa magra e maiores perdas em massa de gordura no grupo que tomou creatina depois do exercício. Entretanto, outra pesquisa não relatou nenhuma diferença entre tomá-la antes ou depois do exercício. De modo geral, com base nas pesquisas limitadas disponíveis, não está claro se existem quaisquer diferenças confiáveis entre tomar a creatina antes ou depois do exercício”, detalhou o mestre em ciências biomédicas.

Segundo Tinsley, aparentemente, o melhor é tomar o suplemento logo antes ou depois do treinamento. O PhD em cinesiologia e nutrição do exercício falou isso com base em um estudo de 10 semanas que administrou um suplemento à base de creatina, carboidratos e proteínas a homens que treinavam com pesos.

Eles foram divididos em dois grupos: enquanto os integrantes de um grupo tomaram o suplemento logo antes e depois dos exercícios, os participantes do segundo grupo usaram o produto no período da manhã e da noite, relatou o mestre em ciências biomédicas.

  Continua Depois da Publicidade  

“Com base nessa pesquisa, pode ser melhor tomar a creatina perto do exercício em vez de em alguma outra hora do dia. Por exemplo, você pode tomar a dose inteira depois do exercício ou dividir a dose, tomando metade antes do exercício e a outra metade depois”, completou Tinsley.

Cuidados com a creatina

O uso adequado, conforme as instruções e com duração de até cinco anos da creatina é geralmente considerado saudável. No entanto, as pessoas que sofrem com problemas nos rins precisam consultar o médico antes de iniciar o uso do suplemento, pois existem preocupações de que ele pode provocar dano renal.

Quem tem histórico de doença renal como a insuficiência renal ou sofre com condições que aumentam o risco de ter doença renal, como a diabetes, não devem fazer uso do suplemento. Outra preocupação é que as doses elevadas da creatina possam causar danos ao fígado e ao coração. Existe ainda a suspeita de que ela pode aumentar a mania nas pessoas que sofrem com o transtorno bipolar.

Além disso, a creatina pode causar reações como náusea, cãibra muscular, diarreia, tontura, dor gastrointestinal, desidratação, ganho de peso, retenção de líquido, intolerância ao calor e febre.

Quem faz uso de algum medicamento, suplemento ou planta precisa consultar o médico para saber se não pode ser perigoso usar a creatina ao mesmo tempo em que o produto em questão. Por exemplo, a cafeína e pode diminuir a eficiência da creatina e a combinação do aminoácido com a efedrina pode aumentar o risco de desenvolvimento de efeitos colaterais graves como o acidente vascular cerebral (AVC).

Devido ao perigo das doses altas de creatina poderem fazer mal aos rins, há uma preocupação quanto ao uso simultâneo do suplemento com as chamadas drogas nefrotóxicas, ou seja, que podem causar danos aos rins. A lista de possíveis nefrotóxicos inclui ibuprofeno, naproxeno sódico, ciclosporina, entre outros.

Referências Adicionais:

Você já se perguntou se tomar creatina antes de dormir faz mal ou é bom para hipertrofia? Costuma tomar antes? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Felipe Santos e Dra. Patrícia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário