10 Melhores Alimentos Termogênicos Naturais Para Emagrecer

Especialista:
atualizado em 23/03/2020

Alguns alimentos termogênicos naturais, como pimenta e gengibre, devem ser consumidos diariamente para emagrecer, tendo esse efeito potencializado principalmente quando consumidos dentro de uma rotina de vida saudável, com alimentação balanceada e prática frequente de atividade física. Abaixo, você aprenderá mais sobre os 10 melhores alimentos termogênicos naturais para emagrecer, como utilizá-los, onde comprar e etc.

A palavra termogênese significa, literalmente, criação de calor. Ela se refere à produção de calor pelo nosso organismo, para manter estável nossa temperatura corporal. Os seres vivos de “sangue quente” gastam energia para produzir ou dispersar calor, de acordo com as variações do ambiente ao seu redor ou então suprindo suas necessidades internas. Descubra e saiba qual é o melhor termogênico natural para emagrecer.

O resultado do uso de termogênicos é uma diminuição dos níveis de gordura corporal, o que pode resultar em perda de peso se estiver acompanhado de uma dieta equilibrada (não adianta tomar termogênico e continuar comendo mal) e da prática de exercícios físicos. Conheça os 6 melhores termogênicos para a sua saúde.

O efeito termogênico ajuda a liberar hormônios chamados de catecolaminas, que ajudam a acelerar o metabolismo. Além disso, ele atua queimando mais calorias e gorduras ao buscar fontes de gordura armazenada para geração de energia. Devido ao metabolismo acelerado, o corpo acaba queimando gordura ao longo do dia e não apenas no momento do exercício. Saiba e aprenda sobre se o termogênico Kimera ajuda no funcionamento para emagrecer.

Mas o que são alimentos termogênicos?

As substâncias termogênicas contidas em certos alimentos têm a capacidade de aumentar a temperatura corporal, acelerando o metabolismo e aumentando a queima de lipídios. Isto ocorre, pois a termogênese é um processo regulado pelo sistema nervoso e interferências neste sistema podem ajudar no controle do emagrecimento e obesidade.

Vale frisar que todos os alimentos gastam energia para serem metabolizados pelo organismo, porém existem alguns que se destacam mais do que os outros, por induzirem o metabolismo a trabalhar em um ritmo mais acelerado. E todas as atividades realizadas pelo corpo consomem energia, certo? Isso inclui o processo digestivo, que pode ser usado a seu favor para emagrecer quando o que está em questão são os alimentos termogênicos naturais.

Assim, ao consumir algum produto que tenha esta característica, a perda de peso pode ser alcançada, caso seja este o seu objetivo principal. Mas observe que sozinhos eles não têm poderes mágicos! Se não forem associados a atividades físicas frequentes e uma alimentação equilibrada, não têm efeito no seu organismo.

Benefícios destes produtos

Além de propiciar a perda de gordura, os alimentos termogênicos naturais também contribuem para:

  • Ganho muscular: Alguns estudos mostraram ganhos de massa muscular com maior uso dessas substâncias, tanto em homens sedentários, com um programa de exercício frequente por 10 semanas, quanto um aumento na massa muscular em mulheres com excesso de peso, submetidas também a atividades físicas no mesmo período.
  • Desempenho do exercício: Para o exercício de alta intensidade, termogênicos pode melhorar a resistência muscular, não a potência. Isso se traduz em mais contrações musculares, não as mais fortes. Segue-se na teoria de que mais repetições criaria um crescimento muscular avançado.

Os 10 principais alimentos termogênicos

  • Cafeína: Esta é uma substância vegetal estimulante, capaz de atravessar a barreira do nosso cérebro e promover diversos benefícios como o aumento da disposição e energia, diminuição da fadiga, melhora da performance esportiva, além do efeito termogênico.
  • Canela: Ela também aumenta o metabolismo basal e possui alto teor de cálcio mineral, substância importante para o emagrecimento. Polvilhada por cima de frutas (aproximadamente uma colher de chá rasa), contribui com o emagrecimento e ainda torna a refeição deliciosa. Outra alternativa  é em bebidas quentes como leite, café ou chás.
  • Chá de hibisco: Tome um litro por dia, sendo que, para um litro de água, deve-se usar uma colher de sopa da flor.
  • Chá verde: Cinco xícaras de chá por dia durante três meses podem resultar em um resultado muito bom na balança. Mas, cuidado: quem tem insônia não deve ingerir o chá verde na parte da tarde ou noite.
  • Gengibre: Essa raiz pode aumentar o gasto calórico em mais de 10%. Ele pode ser consumido de diversas formas, cru, em marinadas para temperar carnes, aves e peixes, e ainda fica ótimo em molho de tomate, sopas de legumes, sucos e chás, quando misturado com outras ervas.
  • Pimenta vermelha: Esse tipo específico de pimenta é rica em capsaicina, substância que favorece o aumento da quebra de gorduras no tecido adiposo. Ela aumenta em até 20% a atividade metabólica se ingerida na quantidade de três gramas por dia, podendo ser adicionada em saladas e pratos quentes como tempero. Ela pode ser usada com moderação no almoço e deve ser evitada no jantar para não atrapalhar a qualidade do sono. Veja todos os benefícios da pimenta aqui.
  • Óleo de coco: é rico em gorduras saturadas do tipo triglicerídeos de cadeia média (TCM), que são mais facilmente digeridos, absorvidos e transformados em energia, auxiliando assim no emagrecimento. O óleo de coco também é rico em ácido láurico, que auxilia na promoção da saúde cardiovascular e fortalece o sistema imunológico. Além disso, é altamente resistente ao ranço oxidativo, tornando-o um antioxidante natural.
  • Vinagre de Maçã: A acidez do vinagre de maçã parece ter efeito semelhante ao da pimenta, possuindo efeito termogênico quando consumido 1 a 1 ½ colher de chá de vinagre de maçã 2 vezes ao dia. Alguns autores sugerem benefícios na diminuição da circunferência abdominal.
  • Alimentos com Ômega 3: O ômega 3 é encontrado em peixes – como salmão e atum – e em oleaginosas. Ele aumenta o metabolismo basal, melhora a retenção de líquidos e facilita a comunicação entre as células do organismo.
  • Água gelada: A água gelada pode sim te ajudar! Pesquisas mostraram que ao ingeri-la, seu organismo gasta energia para elevar a temperatura até considerada adequada pelo corpo (algo entre 36º e 37ºC). No entanto, o efeito é muito leve. Para melhores resultados, ingira oito copos de água por dia, pois essa medida pode aumentar seu gasto calórico em até 200kcal.

Além dos alimentos termogênicos naturais, também existem suplementos termogênicos que podem ajudar a emagrecer, sendo hoje muito populares na indústria do emagrecimento. Além disso, algumas pesquisas têm apontado que com a variação de doses e combinações de ingredientes nestes produtos industrializados podem ocorrer efeitos colaterais cardiovasculares e do estado de humor.

Restrições para o consumo e efeitos colaterais

  • Pessoas com hipertireoidismo não devem ingerir os alimentos termogênicos naturais, pois seu metabolismo já está muito elevado, propiciando maior risco de perda de massa muscular.
  • Crianças e gestantes, pessoas com cardiopatias, hipertensão, enxaqueca, úlcera e alergias não devem abusar desses alimentos, pois eles podem levar a aumento da pressão arterial, hipoglicemia, insônia, nervosismo e taquicardia.
  • Consumidos em excesso, podem provocar sintomas como tontura, insônia, dor de cabeça e problemas gastrointestinais.

Agora você já sabe quais os principais alimentos termogênicos naturais para emagrecer. Se tiver quaisquer dúvidas, é sempre importante consultar um médico ou nutricionista.

Você tem o costume de consumir algum dos principais alimentos termogênicos naturais? Sabia que ele tinha essa importante função? Comente abaixo qual!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (37 votos, média: 3,70 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

1 comentário em “10 Melhores Alimentos Termogênicos Naturais Para Emagrecer”