5 alimentos que fazem mal para a pele

Especialista da área:
atualizado em 26/11/2020

Você sabia que existem alguns alimentos que fazem mal para a pele? A pele é um órgão e assim como ocorre com todo o organismo, precisa receber nutrientes por meio dos alimentos bons para a pele para que ela fique saudável.

  Continua Depois da Publicidade  

Por outro lado, existem comidas compostas por substâncias que prejudicam a pele e de quem precisamos nos manter longe, caso o objetivo seja ter uma pele saudável e bonita e fugir do envelhecimento precoce.

Vamos conhecer cinco destes alimentos na lista a seguir:

1. Comida japonesa

Comida japonesa

O grande problema da comida japonesa que se consome no Brasil (que não é necessariamente igual à do Japão) é que ela pode conter muita fritura e gordura saturada.

Alimentos ricos em gorduras saturadas têm uma relação com uma alta concentração do fator de crescimento da insulina. Isso estimula a produção de hormônios sexuais que aumentam a produção da acne.

Além disso, muitos apreciadores da comida japonesa em nosso país abusam da quantidade de molho shoyu, um ingrediente que é rico em sal.

Esse sal faz com que a pele fique mais murcha e desidrate. Ao mesmo tempo, ele incha a pele ao redor dos olhos, o que gera uma aparência de cansaço e pode deixar as rugas mais evidentes.

  Continua Depois da Publicidade  

2. Produtos laticínios

Eles exigem cautela principalmente das pessoas que já sofrem com acne, têm cravos e apresentam uma pele mais oleosa.

Isso porque podem estimular demais a produção de glândulas sebáceas e fazer com que a pele fique mais oleosa. A saber, a produção excessiva de óleo é um dos fatores principais do desenvolvimento da acne.

3. Carnes processadas

A lista inclui, por exemplo, salsicha, salame, mortadela, presuntos e outros tipos de carnes industrializadas com sal de cura e nitrato.

Elas são alimentos que fazem mal para a pele porque são ricas em sódio (sal), que conforme já vimos, prejudica a pele. Enquanto isso, os nitratos presentes nelas rompem proteínas boas para a sustentação da pele (colágeno e elastina).

Portanto, o ideal é não consumir essas carnes processadas e optar por fontes saudáveis de proteínas como os alimentos com proteínas de alto valor biológico.

Você é daqueles que ama essas carnes? Então, conheça as versões fake e saudáveis desses alimentos como a linguiça caseira de frango light e a mortadela saudável caseira.

  Continua Depois da Publicidade  

4. Suco de fruta

Suco

Devemos incluir as frutas na nossa dieta diariamente. Entretanto, precisamos sempre dar preferência ao consumo de frutas na sua versão natural e inteira.

Até mesmo os sucos naturais de frutas que fazemos em casa sem adicionar açúcar de mesa podem ser prejudiciais. Isso porque na forma de suco, o açúcar natural da fruta pode ficar muito concentrado.

Quando se prepara a bebida na centrífuga ou liquidificador, com uma porção bastante grande da fruta e coa, o resultado é um suco com muitos carboidratos de alto índice glicêmico e bem pouca fibra.

O açúcar consumido em excesso é pró-inflamatório e pode atrapalhar o equilíbrio das proteínas no organismo, o que inclui o colágeno responsável pela elasticidade e força da pele.

Como resultado, a pele não perde somente elasticidade mas também maciez, fica rígida e pode até ganhar rugas.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, estudos preliminares apontam que alimentos com alto índice glicêmico podem causar crises de acne porque ao ingeri-los, organismo produz níveis mais elevados de insulina. Esses picos de insulina podem detonar uma reação que tem ligação com o surgimento de espinhas.

Sem contar que o que inevitavelmente segue um pico de insulina é uma queda nos níveis do hormônio, o que deixa a pele com uma aparência de esgotamento.

Portanto, o ideal é evitar os sucos de frutas. Para quem gosta muito de sucos, a recomendação é tomar sucos à base de legumes e verduras, com pouca fruta e não coar, como os sucos verdes.

5. Bebidas alcoólicas

As bebidas alcoólicas têm relação com o aumento da acne e provocam desidratação, o que piora o aspecto da pele e aumenta o aparecimento de rugas. O álcool também gera um efeito inflamatório, que aparece na pele na forma de vermelhidão e inchaço.

Além disso, as bebidas alcoólicas podem esvaziar os níveis de bactérias benéficas e importantes que habitam no intestino, formando o chamado microbioma intestinal.

  Continua Depois da Publicidade  

O microbioma contribui com a regulação do sistema imunológico, que exerce um papel importante no controle de condições inflamatórias da pele como o eczema.

Ademais, alguns drinks, coqueteis e batidas alcoólicas podem ser cheios de açúcar. Conforme acabamos de aprender, a substância passa longe de ser a melhor amiga da pele!

No vídeo abaixo a nossa nutricionista também fala sobre os alimentos que fazer mal para a pele. Confira!
Fontes e Referências Adicionais

Você tinha o hábito de consumir algum desses alimentos que fazem mal para a pele? Então, conte para nós nos comentários!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário