Especialista da Área:

5 Melhores Adoçantes para Diabéticos

Veja quais são os 5 melhores adoçantes para diabéticos e por que eles são recomendados para pessoas com esta condição de saúde.

Alguns adoçantes com baixas calorias ou substitutos do açúcar permitem que as pessoas com diabetes desfrutem de alimentos e bebidas doces sem que afetem seus níveis de açúcar no sangue.

  Continua Depois da Publicidade  

O controle do açúcar no sangue é importante para evitar as complicações mais graves do diabetes, como por exemplo danos nos nervos e doenças cardiovasculares.

É por isso que as pessoas diabéticas devem tomar um cuidado ainda mais especial para evitar picos de açúcar no sangue.

Embora os adoçantes sejam uma maneira de manter a doçura nos alimentos e nas bebidas, nem todos são boas opções para pessoas com essa condição de saúde.

Como atualmente existe uma variedade de adoçantes no mercado, cada um com diferentes prós e contras, é comum que as pessoas se percam na hora de fazer a melhor escolha. Conheça os melhores adoçantes para diabéticos e saiba fazer uma escolha correta para você.

Diabéticos e o consumo de adoçantes artificiais

Com uma contagem baixa de açúcar e nenhuma caloria, os adoçantes artificiais podem parecer a melhor opção para as pessoas com diabetes, porém, pesquisas recentes indicam que os adoçantes artificiais podem ser completamente o oposto, principalmente se você deseja gerenciar ou prevenir a diabetes.

De fato, o aumento do consumo desses substitutos artificiais do açúcar pode estar relacionado ao aumento de casos de obesidade e diabetes.

A boa notícia é que existem outras alternativas ao açúcar que são muito boas. Veja agora quais são os 5 melhores adoçantes para diabéticos.

Melhores adoçantes para diabéticos

1. Stevia

A Stevia é um adoçante natural proveniente da planta Stevia rebaudiana, e para produzir essa ótima opção de adoçante para diabéticos os fabricantes extraem compostos químicos chamados glicosídeos de esteviol das folhas da planta.

Trata-se de um produto altamente processado e purificado que é cerca de 300 vezes mais doce que a sacarose ou o açúcar de mesa e muito fácil de ser encontrado no mercado.

Você irá encontrar este produto tanto em pó como em sua versão líquida e ele tem vários prós e contras que as pessoas com diabetes terão que pesar.

  Continua Depois da Publicidade  

Embora este adoçante seja livre de calorias e não aumente os níveis de açúcar no sangue, ele é geralmente mais caro do que outros substitutos do açúcar.

Este adoçante também tem um sabor um pouco amargo que muitas pessoas podem achar desagradável, por isso alguns fabricantes adicionam outros açúcares e ingredientes para poder equilibrar seu sabor – porém, isso pode reduzir o benefício nutricional da estévia pura.

Algumas pessoas relatam náusea, inchaço e dor de estômago depois de consumir estévia.

A Stevia também tem a capacidade de:

  • Aumentar o efeito da insulina nas membranas celulares;
  • Aumentar a produção de insulina;
  • Combater a maneira como o diabetes tipo 2 age bem como suas complicações;
  • Estabilizar os níveis de açúcar no sangue.

2. Xilitol

O xilitol está presente em várias frutas e legumes e trata-se de um composto de álcool de açúcar com uma doçura semelhante ao açúcar.

Os álcoois de açúcar são encontrados naturalmente em plantas e frutas e os tipos mais usados na indústria alimentícia são criados sinteticamente.

Você poderá encontrá-lo em produtos alimentícios rotulados como “sem açúcar” ou “sem adição de açúcar”.

O xilitol contém 40% menos calorias que o açúcar, cerca de 2,4 calorias por grama, e graças à falta de frutose ele tem efeitos insignificantes nos níveis de açúcar no sangue e na insulina..

3. Xarope de Yacon

Colhido das raízes da planta yacon, que é nativa da Cordilheira dos Andes, o xarope de yacon é um adoçante natural rico em fibras e cheio de frutooligossacarídeos (FOS), uma forma de fibra solúvel que serve como alimento para as bactérias em seu microbioma (conhecido como prebiótico).

O xarope de Yacon começou a ser estudado para perda de peso, mas seu verdadeiro benefício está em seu alto teor de fibras que ajuda a equilibrar os níveis de glicose (açúcar) no sangue.

O seu índice glicêmico é 1. Tanto a sua aparência como o seu sabor parecem com o do melaço com uma doçura que lembra o caramelo. Ele pode ser usado em assados, molhos e sobremesas.

4. Eritritol

Outro álcool de açúcar, o eritritol está entre os melhores adoçantes para diabéticos e tem sido elogiado devido à sua doçura e por ter pouca ou nenhuma caloria.

  Continua Depois da Publicidade  

Ele é obtido a partir de trigo ou amido fermentado e contém 70% da doçura do açúcar e apenas 6% das calorias – 0,24 calorias por grama.

O consumo deste adoçante é muito seguro, mas ainda pode causar algum distúrbio digestivo se consumido em grandes quantidades (como acontece com qualquer outro álcool de açúcar).

Como os seres humanos não possuem as enzimas necessárias para digerir o eritritol, a sua maior parte é absorvida pela corrente sanguínea e depois excretada através da urina de forma inalterada. Isso significa que ele não aumentará os níveis de açúcar no sangue.

5. Adoçante de fruta-dos-monges

Popular na Medicina Tradicional Chinesa, a fruta-dos-monges ou o luo han guo é uma alternativa açucarada para diabéticos.

Ela é extraída de um melão seco e contém zero calorias, zero carboidratos e é 150 vezes mais doce que o açúcar de mesa.

Além disso, ele não aumenta os níveis de glicose no sangue e por isso é um dos melhores adoçantes para diabéticos.

A FDA (Food and Drug Administration) reconheceu que a fruta-dos-monges é segura para o uso em todas as populações e não apresenta efeitos colaterais.

Embora tenha sido utilizada há milhares de anos na Medicina Tradicional Chinesa como anti-inflamatório e no combate à dor de garganta, ainda não existem estudos científicos de longo prazo que comprove a sua eficácia nesses tratamentos.

Mesmo que o adoçante da fruta-dos-monges tenha um leve sabor residual, esse pequeno inconveniente pode ser totalmente superado devido a todos os seus benefícios.

Esses sãos os 5 melhores adoçantes para diabéticos. Escolha qual é o melhor para o seu paladar e adicione um toque doce em sua dieta com total segurança.

Referências Adicionais:

Você já conhecia todos os melhores adoçantes para diabéticos? Pretende experimentar algum? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo muito solicitada para palestras, consultoria a empresas e atendimento personalizado para atletas, pessoas com condições especiais de saúde e pessoas que desejam melhorar a forma física de forma saudável. É a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España). É também membro da International Society of Sports Nutrition. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma. Dra. Patricia Leite é uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário