Comer Só Salada Emagrece? Faz Mal?

Especialista:
atualizado em 27/12/2019

A salada é uma combinação de diferentes hortaliças, legumes cozidos ou crus, à qual se podem adicionar ovos cozidos, carnes, frios, etc. e que geralmente se tempera com sal, azeite, vinagre, pimenta e outros condimentos para ser servida fria.

O prato é considerado saudável – já que costuma trazer uma gama de alimentos que fornecem nutrientes importantes para o funcionamento do nosso organismo como vitaminas, minerais e fibras – e é bem-vindo dentro de programas alimentares com foco na diminuição ou na manutenção do peso corporal.

No entanto, você já parou para pensar no que pode acontecer com o organismo de uma pessoa que se alimenta de maneira desequilibrada, consumindo somente saladas no seu dia a dia?

Comer só salada emagrece?

As saladas verdes são uma adição saudável para qualquer dieta, já que a maioria dos vegetais folhosos fornece muitos nutrientes em uma porção com poucas calorias.

Adicionar um mix de verduras como acompanhamento ou uma salada como prato principal na sua dieta diária no lugar de alimentos mais calóricos pode ajudar a perder peso. Mas não seja enganado em pensar que todas as saladas são criadas de maneira igual ou que comer um alimento como a salada todo dia te libera para desfrutar de alimentos não saudáveis.

Saladas e frutas não devem constituir todo o plano alimentar de uma pessoa. Provavelmente podemos dizer que comer só salada emagrece mesmo, mas assim você também estaria privando o seu corpo de nutrientes essenciais que necessita para se sentir e aparentar o seu melhor.

Se você se encontra sempre testando dietas de perda de peso altamente restritivas – como aquelas compostas inteiramente de saladas e frutas, consulte um profissional para te ajudar a encontrar uma maneira mais saudável para perder peso.

Em outras palavras, comer só salada emagrece, mas também pode ser algo destrutivo para a sua saúde. Ou seja, comer só salada faz mal, o que faz com que esse método de emagrecimento não valha a pena, combinado?

Portanto, muito melhor do que seguir esse conceito de comer só salada é encontrar uma dieta mais ampla, que seja saudável, controlada, nutritiva e equilibrada, sendo composta por toda uma variedade de pratos e alimentos necessários para a saúde.

Se você tem dificuldade em seguir esse tipo de alimentação, procure o auxílio de um bom nutricionista, que poderá indicar um regime que te ajude a atingir os seus objetivos, ao mesmo tempo em que fornece todos os nutrientes e a energia que o seu organismo necessita para funcionar apropriadamente.

Os perigos e prejuízos de comer só salada – inclusive para o emagrecimento

Um dos grandes problemas de comer somente salada o dia todo com o objetivo de emagrecer é que isso resulta em um fornecimento pobre de proteínas ao organismo.

Você precisa de proteínas na sua dieta para fornecer aminoácidos, que o seu corpo usa para manter os tecidos saudáveis, para estimular o seu sistema imunológico e para ajudar a transportar oxigênio através do sangue.

A Harvard Health Publications (Publicações de Saúde de Harvard, tradução livre) destacou que aumentar a ingestão de proteínas pode ajudar a emagrecer.

Comer apenas saladas e frutas significa que você vai perder os benefícios de perda de peso associados a uma dieta mais rica em proteínas e o seu corpo vai começar a decompor o tecido muscular para conseguir os aminoácidos que conseguiria normalmente através da sua dieta. Ironicamente, isso pode tornar mais difícil a perda de peso, já que o tecido muscular é tão metabolicamente ativo que a perda de tecido muscular reduz o número de calorias que você queima todos os dias.

Entretanto, esses não são os únicos prejuízos nutricionais trazidos pelo consumo exclusivo de salada – isso também pode resultar em deficiência de ômega-3, cálcio, zinco, vitamina B12 e vitamina D.

Essas deficiências podem ter sérios efeitos negativos na sua saúde. Uma baixa ingestão de cálcio pode aumentar o seu risco de doenças ósseas como a osteoporose, enquanto ter poucos ácidos graxos ômega-3 pode fazer com que você se sinta deprimido, o que pode fazer com que seja mais difícil de motivar para se manter ativo.

Consumir saladas diariamente também exige alguns cuidados. As pessoas que utilizam um anticoagulante como a varfarina devem informar ao médico se decidirem aumentar o seu consumo de alimentos ricos em vitamina K como a couve, brócolis e outras folhas de coloração verde-escura.

Além disso, os vegetais verdes folhosos podem desencadear os sintomas da síndrome do intestino irritável em algumas pessoas.

Mas então como utilizar a salada para auxiliar o processo de emagrecimento?

Melhor do que entrar nessa onda de que comer só salada emagrece é entender como ela pode ser utilizada dentro de uma alimentação saudável, equilibrada, nutritiva e controlada para estimular a diminuição do peso.

Uma pesquisa publicada no Journal of the American Dietetic Association (Jornal da Sociedade Dietética Americana, tradução livre) indicou que o consumo de uma porção grande de uma salada de baixa caloria como entrada no almoço diminuiu a ingestão de calorias em uma refeição à base de massa que seguiu o consumo da salada.

Por outro lado, a ingestão de uma salada grande com queijo adicionado e molho aumentou o consumo geral de calorias das mulheres.

Ao construir a sua salada, opte por vegetais e proteína magra no lugar de coberturas ricas em calorias como croutons (pedacinhos de pão tostado) e queijo. Adicione um pouco de suco de limão ou vinagre para um sabor adicional com poucas calorias.

Na montagem da salada, recomenda-se deixar a alface americana de lado e dar preferência a folhas mais nutritivas como a couve, a alface romana, o espinafre e a rúcula. Use duas a três xícaras das folhas verdes quando a salada for um prato principal e a utilize uma xícara quando ela for um acompanhamento.

Como as folhas verdes não contêm muitas fibras ou proteínas – dois nutrientes fortemente associados à saciedade -, é aconselhado incrementar as saladas de folhas com ingredientes como peito de frango grelhado, queijo cottage ou grão de bico para ter mais proteínas e vegetais crus como brócolis, aspargos, cenouras e tomates fatiados ou ¼ de abacate em fatias para ter mais fibras.

Converse com o seu nutricionista para saber qual é a melhor forma de incluir a salada nas suas refeições para favorecer a diminuição do seu peso, levando em consideração as particularidades da sua dieta e do seu organismo, assim como as suas preferências alimentares.

Você já imaginava que comer só salada emagrece, mas ao mesmo tempo pode fazer mal do ponto de vista nutricional? Consome saladas no seu dia a dia? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário