Quanto Tempo Para Começar a Ter Benefícios Após Cortar o Açúcar da Dieta?

Especialista:
atualizado em 02/03/2020

Que o açúcar não é exatamente o amigo da saúde e da boa forma, você provavelmente deve saber. A ingestão elevada de açúcar já foi associada ao desenvolvimento da diabetes e pode prejudicar também a saúde do coração, segundo a Harvard Health Publishing (Publicação de Saúde de Harvard, tradução livre).

O consumo de muitos açúcares adicionados também pode favorecer o desenvolvimento da doença hepática gordurosa, aumentar a pressão arterial e a inflamação crônica, completou a publicação de Harvard. Isso sem contar que ingerir muito açúcar estimula o aumento de peso – e um dos meios pelos quais ele pode fazer isso é desacelerando o metabolismo, quando os níveis de glicose encontram-se muito elevados.

A saída, então, parece ser cortar o açúcar. Algo que não é exatamente fácil, mas que traz benefícios. Mas por que isso acontece?

Quando uma pessoa fornece muito açúcar ao corpo, ocorrem picos nas taxas de glicose no sangue. O resultado disso é a secreção de insulina para armazenar o açúcar excedente na forma de gordura, o que faz com a energia seja muito reduzida, gerando fraqueza, mal-estar e cansaço. Com isso, o cérebro sinaliza a necessidade de mais açúcar, causando um ciclo infinito de picos e quedas de energia.

Por outro lado, manter níveis controlados de glicose no sangue provoca uma diminuição na vontade de comer doces. Além das vantagens em relação ao peso e à manutenção de uma energia constante, tirar o açúcar pode melhorar o humor, auxiliar a regular os hormônios, diminuir a inflamação e reduzir o risco de desenvolver diabetes do tipo 2.

Quanto tempo para obter os benefícios?

Uma pesquisa apontou que são necessários nove dias para começar a experimentar os benefícios de cortar o açúcar na dieta. Para quem está de olho em melhorar o metabolismo, além de abandonar o açúcar, vale a pena aderir as formas comprovadas cientificamente de acelerar o metabolismo.

Mas há um problema: algumas pessoas podem ser viciadas no açúcar, uma vez que a substância tem a capacidade de ativar a mesma área do cérebro que algumas drogas ativam, trazendo aquela sensação de prazer, bem-estar e excitação.

Por isso, no início a retirada do açúcar, algumas pessoas podem sentir-se deprimidas e cansadas e até com uma espécie de sensação de abstinência. Mas, passados os primeiros nove dias, espera-se que esses sintomas passem e que o paladar se acostume com o doce natural dos alimentos.

Dicas de como abandonar o açúcar na dieta

  1. Não acrescentar açúcar às comidas e bebidas – quando der vontade, buscar alternativas naturais e mais saudáveis como canela, leite de coco e essência de baunilha sem açúcar, por exemplo;
  2. Evitar sucos ácidos como limonada e suco de maracujá que exigem ser adoçado;
  3. Gosta muito de limonada? A solução é colocar umas rodelinhas de limão na água com gás para ter o aroma e o gostinho da fruta;
  4. Ler os rótulos de todos os alimentos industrializados. E atenção: o açúcar pode estar escondido na lista de ingredientes sob outro nome – existem mais de 60 nomes que também podem se referir ao açúcar. Alguns exemplos são: xarope de glicose, xarope de frutose, xarope de milho e demais xaropes, mel, palavras com a terminação “ose” e outros tipos de açúcar como açúcar invertido, açúcar mascavo e açúcar demerara. Se encontrar algum nome estranho na lista de ingredientes, pesquise na internet para checar se não se trata de algum tipo de açúcar;
  5. Evitar, pelo menos em um primeiro momento, os alimentos que contêm muitos carboidratos e poucas fibras, pois assim como o açúcar, eles provocam oscilações nos níveis de glicose no sangue. A lista inclui: macarrão branco, arroz branco, sucos coados, pão branco e outros produtos à base de farinha de trigo branca. A recomendação é consumir esses alimentos nas suas versões integrais e com mais fibras adicionadas;
  6. Planejar as refeições e montá-las com antecedência: levar as marmitinhas e lanchinhos prontos de casa para quando precisar comer fora. Ao deixar para comer na rua é quase inevitável ser levado a consumir os alimentos industrializados cheios de açúcar ou os pratos prontos de padaria e lanchonete que recebem a adição de açúcar para melhorar o sabor.

Vídeo:

Gostou das dicas?

Fontes e Referências Adicionais:

Você já tentou excluir o açúcar da dieta alguma vez e encontrou dificuldades? Pretende tentar de novo para uma melhor saúde? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário