Frutas

9 Frutas Calóricas Que Podem Atrapalhar Sua Dieta

Quando nos dispomos a adotar uma dieta, imaginamos que devemos optar pelos alimentos mais saudáveis e nutritivos. As primeiras opções sempre são as verduras e frutas, certo? Principalmente as frutas, pois podem ser consumidas nas refeições intermediárias e são muito utilizadas nos momentos de desejo por doces. O que não refletimos é que algumas alternativas saudáveis também podem comprometer os resultados de sua dieta. Agora nós iremos conhecer um pouco mais sobre as frutas calóricas, e utilizaremos elas a favor de nosso corpo.

Funcionalidades nutricionais

Não é porque estas são frutas calóricas que você deve evitá-las em sua dieta. A característica principal de uma dieta eficiente é ser equilibrada, ou seja, você não deve restringir nutrientes, pois seu corpo reagirá perante a deficiência de determinada substência.

As suas refeições devem conter combinações saudáveis de diversas vitaminas, então não acredite que as frutas calóricas mereçam ser exterminadas do seu cardápio. Elas possuem alto teor calórico, mas oferecem benefícios para sua dieta. É importante parar de analisar dietas pela calorias, mas deve-se analisar os nutrientes e qualidades funcionais que essas frutas calóricas podem oferecer.

Quando ingeri-las

É importante que você consuma de três a cinco porções com frutas e nutrientes funcionais durante o dia, isso auxiliará no funcionamento bem sucedido de seu metabolismo. Utilize as frutas calóricas em suas refeições intermediárias ou desjejum. É importante atentar para os horários de consumo; evite ingeri-las no período noturno, pois a noite seu metabolismo estará mais lento, e a queima de gorduras será menos eficiente.

Como consumir

As frutas podem ser consumidas em vitaminas, smoothies ou puras. É imprescindível atentar para os acompanhamentos dessas frutas calóricas. Como se não bastasse o alto valor calórico delas, você escolhe consumi-las com açúcar e alimentos que possuem alto índice calórico? Não faça isso com o seu corpo, escolha alimentos saudáveis, funcionais, ricos em vitaminas e fibras, para que ele se mantenha saudável e você usufrua dos benefícios reais dessas frutas calóricas.

1. Açaí

Ele contém gorduras poli-insaturadas e monoinsaturadas, Pode ser utilizado como fonte energética e 100 gramas da polpa da fruta pura contêm 70 calorias. O açaí contém vitamina C e vitaminas de complexo B, como B1 e B2. Ainda pode oferecer Fósforo e Cálcio.

Seu consumo deve ser avaliado, pois os acompanhamentos podem elevar surpreendentemente os valores nutricionais de sua refeição. O açaí é frequentemente combinado com xarope de guaraná, e 200 gramas dessa mistura pode somar 320 calorias em uma única refeição. Nós podemos encontrar lanchonetes que oferecem a combinação de açaí com xarope de guaraná e frutas, como a banana (outra fruta calórica).

Muitas pessoas escolhem essas refeições pela dificuldade de manterem uma rotina com alimentação adequada, e essa opção é facilmente encontrada, mas o que não sabemos é que esse comodismo pode conter 430 calorias em uma pequena tigela. Como se não bastasse, ainda há estabelecimentos que utilizam acompanhamentos com cereais e mais doces para incrementar a refeição. Se você busca emagrecer, fuja da combinação de açaí com xarope de guaraná, banana e granola. Essa porção de 200 gramas em uma tigela pequena pode somar 570 calorias em sua dieta. Podemos concluir que o beneficio da fruta está apenas em sua versão natural.

2. Abacate 

Fonte rica de vitaminas A, C e E. A gordura contida na fruta é boa e pode combater o colesterol ruim. Pode ser uma alternativa para diabéticos, pois pode reduzir os altos níveis glicêmicos, além de oferecer efeito anti-inflamatório. O abacate evita o envelhecimento precoce e auxilia no processo de queima de gorduras, ou seja, um os principais benefícios buscados por você. Pode ser consumido em vitaminas e sucos funcionais. 100g de abacate têm cerca de 160 calorias. Uma unidade média de abacate pode ter até 340 calorias, enquanto uma unidade grande pode ter o dobro disso!

Se você possui o costume de consumi-lo em vitaminas, deve avaliar o preparo e principalmente o uso de acompanhamentos que elevam o valor calórico. Busque unir a fruta a leite desnatado ou bebidas de baixo valor calórico. Referindo-se à dosagem do abacate, não abuse, consuma moderadamente e combine com alimentos que beneficiam a sua redução de medidas. Você pode fazer a vitamina de abacate com outras frutas que auxiliem no funcionamento ativo de seu metabolismo, como o limão, assim, reduzindo a porção de abacate utilizada para um copo, logo, proporcionando uma menor ingestão de calorias.

3. Jaca

Pode ser utilizada como fonte energética. Não contém colesterol e gorduras saturadas. A jaca auxilia no emagrecimento, se consumida de forma controlada, além de proporcionar efeito antioxidante e prevenir o câncer. No entanto, assim como outras frutas calóricas, degustação em gomos pode induzir ao consumo acima do necessário para a refeição.

A baixa frequência de consumo da fruta também induz ao consumo excessivo eventualmente, o que gera ocasionais desequilíbrios em uma dieta para emagrecimento. A fruta é fonte rica de Potássio e auxilia na prevenção de cataratas, proporcionando benefícios à visão. Os benefícios dela também oferecem mais saúde à sua pele e seus ossos. 100g de jaca contêm aproximadamente 90 calorias.

4. Caqui

Os nutrientes do caqui podem auxiliar na neutralização de radicais livres e proporcionar um efeito antioxidante. Mesmo o caqui sendo calórico, por ser ótima fonte de fibras, pode até auxiliar no processo de emagrecimento, mas o seu sabor adocicado induz ao consumo de mais de uma unidade, o que transforma o benefício em erro para uma dieta de redução de peso.

O consumo excessivo do caqui também refletem no mal funcionamento da flora intestinal, o que proporciona sensação de inchaço e desconforto. Ele contém vitamina A, K e C, e diversos sais minerais fundamentais para a saúde de seus olhos. É fonte de Potássio e Cálcio. O caqui também pode ser utilizado para a desintoxicação de seu organismo. Uma unidade de caqui contém em média 71 calorias.

5. Banana Ouro

A banana mais calórica é de tamanho inferior às outras. 100g de banana ouro contém 158 calorias. Auxilia no funcionamento da flora intestinal e pode diminuir os efeitos causados pela TPM. A banana é muito utilizada por atletas como fonte energética, uma ótima recomendação de refeição para seu pré-treino.

A ingestão de uma banana pode não comprometer os resultados de sua dieta, nutricionistas afirmam que o ideal é consumir uma ou duas bananas diariamente, se você incluir mais unidades estará prejudicando sua perda de peso. A fruta possui vitamina A, C e vitaminas de complexo B. Ela possui alta concentração de Potássio, Ferro e Magnésio.

6. Cerejas em calda

Fonte rica de vitaminas A, B e C, além de oferecer Ferro, Cálcio, Fósforo e muitas proteínas. Elas oferecem efeito laxativo e diurético. Essa fruta pode ser utilizada no tratamento de reumatismo e artrite, mas também pode enganar com as funcionalidades.

A versão em calda é mais comum e cômoda de ser encontrada, o que torna uma das frutas calóricas vilãs para sua dieta. São utilizados conservantes e químicas para manter a cereja com aquele gosto adocicado e aparência irresistível. A cereja pode ser utilizada para aliviar dores no corpo. Deliciosa e muito utilizada como sobremesa, 100g de cereja contêm em média 97 calorias.

7. Coco

É um alimento gorduroso, mas pode ser utilizado para a redução de percentual de gordura corpórea. Ele pode auxiliar no combate ao colesterol ruim e pode prevenir crises de tireoide, ansiedade e nervosismo. Uma unidade do coco seco pode conter até 600 calorias, 100 gramas contêm em média 354 calorias, então mesmo que ele possua gorduras insaturadas, controle a ingestão.

O coco pode ser utilizado como fonte energética para um melhor rendimento em seus treinos, portanto a ingestão 30 minutos antes do início das atividades físicas pode otimizar sua resistência física em até 30%. O benefício é o ganho energético. Recomenda-se o uso em refeições pré-treino apenas para pessoas que buscam hipertrofia e já possuem controle sobre o percentual de gordura. Os valores calóricos são variáveis de acordo com os acompanhamentos e modos de consumo.

8. Figo seco

Ele possui alto teor calórico e uma quantidade significativa de açúcar, o que pode gerar o desequilíbrio no funcionamento do metabolismo basal. Ele possui frutose, é rico em Ferro, Magnésio e Cálcio, além de conter vitaminas de complexo B e Folato.

Não só a versão do figo seco, quanto a fresca, auxiliam na redução do colesterol do sangue. A fruta pode ser utilizada pelo seu efeito anti-inflamatório e poder efetivo contra prisão de ventre, por conter fibras, mas o consumo de 100 gramas de figo seco contém nada mais que 255 calorias, e por isso ele deve estar na nossa lista de frutas calóricas. Você pode optar pelo figo fresco, que reduz o valor calórico para 70 calorias a cada 100 gramas.

9. Pêssegos em calda

O pêssego em calda é vendido em latas e seu paladar adocicado induz a uma ingestão além da necessária em uma única refeição. Ele é fonte de diversos nutrientes, mas como todo produto oferecido pelas grandes empresas, o pêssego em calda sofre diversas adições de conservantes para aprimorar o gosto irresistível.

Como ocorre com diversas frutas calóricas de baixa frequência de consumo, quando consumidas são ingeridas em quantidades maiores que as recomendadas para as necessidades diárias. Preste atenção, pois ao comer metade de um pêssego em calda, você estará ingerindo nada mais que 50 calorias e 12 gramas de açúcar.

10. Uvas

As frutas calóricas podem enganar os consumidores. O gosto delicioso das uvas e seu tamanho reduzido podem levar ao consumo impensado e irregular. Ela é fonte de diversos sais minerais, como Ferro, Magnésio, Sódio, Fósforo e Potássio, vitaminas de complexo B e C, mas é rica em carboidratos. Em 100 gramas contém 69 calorias, uma xícara de uvas contém 17 gramas de carboidratos e 16 gramas de açúcar, excesso completamente dispensável para a sua dieta de redução de peso. Tudo depende da quantidade consumida. O grande problema é que as pessoas acabam comendo grandes quantidades e diversas vezes.

A maior parte dos especialistas concorda que todas, inclusive as frutas calóricas, são muito importantes para uma dieta saudável e elas podem fazer parte de um programa de emagrecimento. O grande problema é quando a pessoa não se dá conta da quantidade de fruta que está comendo na refeição ou ao longo do dia. Então, o que era para ser um complemento nutricional fantástico, acaba sendo uma bomba calórica. Tomando cuidado você poderá disfrutar de qualquer fruta em sua dieta e ainda ter resultados.

Você tem o costume de consumir alguma dessas frutas calóricas em excesso? Acredita que isso pode estar atrapalhando sua dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

Um comentário

  1. Boa Noite- É apenas curiosidade queria saber quais frutas são as mais calóricas, porque eu sou um pouco exagerada no consumo de laranjas, banana prata e mangas, más não vi a laranja e mangas logo acima.
    Eu gostei muitos da Nutrição Esportiva Suplementos,vou voltar mais vezes visitar.
    Também fiquei preocupada porque faço dieta, isso pode estar me prejudicando mesmo.
    Vou tomar mais cuidado de hoje em diante.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*