Anticoncepcional Dá Celulite?

O anticoncepcional é um medicamento à base de hormônios que impedem a ovulação que costuma ser usado como um método para impedir uma gravidez não desejada. O remédio também pode ser utilizado para regularizar a menstruação.

Porém, em ambos os casos, o anticoncepcional deve ser usado somente sob a recomendação médica. Até porque os anticoncepcionais já foram alvo de polêmica em virtude de seus potenciais efeitos colaterais que podem provocar ao organismo da mulher. A internet abriga relatos de pacientes que sofreram trombose venosa profunda (TVP), embolia pulmonar, acidente vascular cerebral (AVC) e até a morte depois de fazerem uso do medicamento.

O anticoncepcional dá celulite?

Mas será que além desses problemas de maior gravidade mencionados acima, o método contraceptivo também pode prejudicar a aparência da mulher? Será que é verdade que o anticoncepcional dá celulite?

Bem, para entendermos se o anticoncepcional causa celulite, é importante que entendamos antes o que é a celulite, não é mesmo?

Pois bem, a celulite é descrita como uma gordura que é formada embaixo da pele e que resulta no aparecimento de irregularidades em regiões como os glúteos, o abdômen e as coxas. Ela atinge principalmente as mulheres, embora também possa ser observada nos homens.

O surgimento da celulite está associado ao acúmulo de células de gordura e aspectos como envelhecimento, ganho de peso, fatores genéticos, um estilo de vida inativo e uma gestação são apontados como fatores de risco para o seu desenvolvimento.

Afirmar que o anticoncepcional dá celulite consiste em um mito. Conforme encontramos, alguns especialistas até acreditam que a celulite está de alguma maneira ligada ao estrogênio (um hormônio feminino).

Isso porque muitas mulheres apresentam o problema, começando a desenvolver a celulite depois da puberdade quando os níveis de estrogênio começam a aumentar, ao mesmo tempo em que ele é bastante raro nos homens.

Vale registrar que o estrogênio costuma aparecer – em forma sintética – na composição dos anticoncepcionais (contraceptivos hormonais).

Entretanto, a médica dermatologista Robyn Gmyrek esclareceu que não existem evidências científicas que comprovem que tomar as pílulas anticoncepcionais pode desencadear o aparecimento da celulite ou aumentar a severidade do problema.

De acordo com ela, os especialistas não sabem por qual motivo a celulite é desenvolvida; no entanto, entende-se que o indesejável problema dá as caras quando as células de gordura empurram ou pressionam contra a rede de bandas fibrosas que conectam a pele aos músculos localizados debaixo da gordura, resultando em uma aparência irregular ou com espécies de covinhas na pele.

Por outro lado: existem opiniões contrárias

Já para alguns profissionais, fatores como a baixa ingestão de água, o consumo exagerado de sal e de açúcar (inclusive por meio de refrigerantes), a ingestão de bebidas alcoólicas, a má alimentação e o sedentarismo estão associados ao aparecimento da celulite.

O uso do anticoncepcional seria um dos fatores que podem estimular o aparecimento da celulite. Acredita-se que justamente por conter os hormônios estrogênio e progesterona, a pílula anticoncepcional provoca alterações no metabolismo e promove a retenção de líquidos, o que favorece ou agrava um quadro de celulite.

Entretanto, vale a pena ponderar e alertar que não se deve colocar a culpa pelo aparecimento da celulite somente no uso do anticoncepcional. Se a paciente utiliza a pílula, porém, possui hábitos saudáveis, as chances de sofrer com o problema (ou o agravamento dele) diminuem bastante.

Ou seja, de fato aparecimento da celulite está intimamente relacionado com a retenção de líquidos, uma condição que pode ser provocada pelos usos de anticoncepcionais com progesterona, aqueles em que a mulher não menstrua.

No entanto, a culpa pela ocorrência da celulite não pode ser creditada somente ao uso dos anticoncepcionais, na maioria dos casos. A variação do peso, os hábitos alimentares de baixa qualidade, o sedentarismo e, principalmente, os fatores hereditários podem provocar ou tornar mais grave o aspecto de casca de laranja decorrente da celulite.

Por sua vez, uma reportagem apontou que o anticoncepcional pode provocar a celulite, porém, não de maneira direta. A ginecologista Rosa Maria Neme explicou que o medicamento pode provocar o inchaço (sintoma associado à retenção de líquidos) e, por conta disso, causar a celulite em mulheres sedentárias, que também seguem uma alimentação de baixa qualidade.

A celulite é provocada por fatores que atuam concomitantemente, ou seja, que agem juntos ao mesmo tempo.

A questão hereditária é importante neste sentido, ao ponto de vermos famílias em que a maioria das mulheres sofrem com a celulite.

A respeito do fator genético, enquanto as mulheres com corpos mais arredondados, curvilíneos e femininos têm mais chances de apresentar a celulite, aquelas que possuem corpos mais retos e mais masculinos possuem menos chances de sofrer com o problema.

Ou seja, por mais que alguns especialistas defendam que o anticoncepcional dá celulite, não dá para colocar o medicamento como o único culpado para o surgimento ou piora do problema, já que há uma série de diferentes outros fatores também que estão por trás do aparecimento da celulite.

Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar que anticoncepcional dá celulite? Conhece alguém que sofra por isso? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

1 comentário em “Anticoncepcional Dá Celulite?”

Deixe um comentário