Anticoncepcional dá celulite? Como tratar?

Especialista da área:
atualizado em 09/03/2021

O anticoncepcional é um dos métodos contraceptivos mais usados, mas uma das dúvidas que sempre surgem é: Ele causa celulite?

  Continua Depois da Publicidade  

E essa dúvida tem fundamento, uma vez que os hormônios podem tanto causar como piorar as celulites, embora não sejam os únicos a fazer isso.

Então, a seguir vamos entender melhor o que é a celulite, quais suas causas e tratamentos, além de descobrir se o uso de anticoncepcional causa ou não esse problema.

O que é a celulite?

De acordo com a sociedade brasileira de dermatologia (SBD), a celulite, ou lipodistrofia ginoide, é um depósito de gordura sob a pele, que dá um aspecto ondulado a ela.

E, ainda de acordo com a SBD, o problema atinge a grande maioria das mulheres após a puberdade. Além disso, as celulites afetam todas a etnias, embora sejam mais comuns em mulheres de pele clara.

camadas da pele - derme epiderme gordura e celulite

Quais as causas da celulite?

As causas da celulite ainda não são completamente entendidas pela ciência. Mas existem alguns fatores que estão ligados ao seu aparecimento, como:

  • Predisposição genética;
  • Sexo;
  • Etnia;
  • Biotipo corporal;
  • Distribuição de gordura;
  • Sedentarismo;
  • Níveis de estrogênio.

Tipos de anticoncepcional

As pílulas anticoncepcionais podem conter diferentes hormônios, em doses maiores ou menores. Por isso, não se pode classificar todos como um medicamento só.

Normalmente eles são uma combinação de progestina e estrogênio ou uma progestina sozinha.

Mas, quando falamos de celulite, o principal hormônio envolvido é o estrogênio. Então anticoncepcionais que não tenham em sua composição este hormônio não aumentam o risco de aparecimento da celulite.

O anticoncepcional dá celulite?

mulher segurando a cartela de pílula

Antes de respondermos a essa pergunta, é importante entender o que é o anticoncepcional.

  Continua Depois da Publicidade  

Também chamado de “pílula”, os anticoncepcionais são medicamentos que contêm um ou mais hormônios femininos, e que tem o objetivo de evitar a gravidez.

E o principal hormônio utilizado, presente na maioria desses medicamentos, é o estrogênio, ou estradiol.

Como dito anteriormente, os níveis de estrogênio, quando estão muito altos, podem ser uma das causas do aparecimento da celulite.

Por isso muitos especialistas afirmam que os anticoncepcionais que contém este hormônio podem desencadear ou mesmo agravar o problema. Isso ocorre porque é adicionado mais uma dose de hormônio em seu organismo.

Mas não existe ainda um consenso sobre o assunto, uma vez que muitas mulheres não utilizam este tipo de medicamento e ainda assim têm celulites.

Além disso, a falta de estudos sobre o tema dificulta muito a identificação das suas causas.

Retenção de líquidos e celulite

Existe um outro efeito do uso de anticoncepcionais que pode levar ao agravamento das celulites: a retenção de líquidos. Esse problema leva ao acúmulo de líquidos no organismo, e causa inchaços em várias partes do corpo.

E, além disso, a retenção de líquidos é um efeito colateral de boa parte dos anticoncepcionais. Por isso, mesmo que seu corpo tolere bem a dose extra de estrogênio, pode ser que o uso desses medicamentos ainda assim agrave o problema das celulites.

  Continua Depois da Publicidade  

celulite

Tratamento da celulite

Existem diversos tratamentos que prometem eliminar as celulites. Mas boa parte deles não tem comprovação de eficácia.

Alguns dos tratamentos disponíveis são:

  • Mesoterapia, que envolve a aplicação de compostos que irão “dissolver a celulite”. Mas a técnica pode causar efeitos colaterais, e não existem estudos que comprovem a sua eficácia;
  • Aplicação de laser, que apesar de ter ganhado os holofotes recentemente, ainda precisa de estudos que comprovem seus efeitos;
  • Cremes anticelulite, um dos tratamentos mais facilmente encontrados, mas que devem sempre ser recomendados por um profissional habilitado, uma vez que boa parte deles não funciona;
  • Massagens e drenagem linfática, que ajudam na melhora da retenção hídrica.

Por isso, o ideal é procurar um dermatologista, que irá avaliar o seu caso e indicar o tratamento mais adequado.

Formas de prevenção

Apesar de não existirem muitos estudos sobre a celulite, alguns fatores de risco para o aparecimento do problema já foram identificados, e a maioria deles podem ser evitados com mudanças simples de hábitos, como:

  • Prática de exercícios físicos;
  • Alimentação balanceada, evitando o excesso de alimentos gordurosos e doces;
  • Evitar estar acima do seu peso ideal;
  • Não fumar;
  • Tentar evitar o estresse, quando possível;
  • Manter uma boa hidratação.

Essas dicas irão ajudar a reduzir o acúmulo de gordura e melhorar a circulação sanguínea, e assim contribuir para o tratamento e a prevenção da celulite.

Fontes e referências adicionais

Você já tinha ouvido falar que anticoncepcional dá celulite? Conhece alguém que sofra por isso? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Marcela Gottschald

Marcela Gottschald é Farmacêutica Clinica - CRF-BA 8022. Graduada em farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2013. Residência em Saúde mental pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Experiência em pediatria e nefrologia, com ênfase em unidade de terapia intensiva. Ela faz parte da equipe de redatores do MundoBoaForma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário