O Whey Protein Feminino é Diferente?

Especialista:
atualizado em 07/10/2015

Voltado para as praticantes de atividade física que estão em busca de definição muscular ou emagrecimento, o whey protein feminino foi lançado há algum tempo com a promessa de uma formulação que atende as necessidades específicas das mulheres.

Mas será que o whey protein feminino é diferente mesmo? E seriam essas diferenças suficientes para compensar optar pela versão para mulheres ao invés do whey tradicional?

O que é whey protein?

Antes de sabermos mais sobre o whey feminino, vamos primeiramente entender o que é e para que serve o whey protein.

Extraído do soro do leite, o whey protein é uma proteína concentrada de alto valor biológico, ou seja, de fácil assimilação e utilização pelo tecido muscular. Isso significa que, ao se exercitar, você terá aminoácidos (os pequenos “blocos” que compõem as proteínas) suficientes para reconstruir sua musculatura que foi lesionada durante treino, resultando em fortalecimento ou crescimento muscular.

Outra vantagem do whey em relação às outras fontes de proteína é que o suplemento praticamente não contém gorduras e carboidratos, o que o torna uma excelente opção para quem precisa de aminoácidos mas não quer exagerar nas calorias nem aumentar a taxa de gordura corporal.

O whey protein ainda é fonte de glutamina e BCAA, aminoácidos indispensáveis para a recuperação e o crescimento da musculatura.

O que tem no whey feminino?

Além dos aminoácidos leucina, isoleucina, valina (esses três conhecidos como BCAAs), arginina e glutamina, que estão presentes no whey convencional, o suplemento feminino contém ingredientes como o colágeno hidrolisado, elastina, proteína isolada da soja e até mesmo óleo de semente de uva.

Para que serve o Whey feminino?

Os aminoácidos encontrados no whey protein atuam na regeneração das microlesões sofridas pela musculatura durante os treinos. Isso permite não só a recuperação para a próxima atividade como também o crescimento muscular, ou a famosa hipertrofia.

Para quem está de olho na balança, o whey feminino pode ser utilizado como fonte de proteínas com baixo teor de gordura e carboidratos. Ou seja, o whey pode ser um substituto para fontes de proteínas que são ricas em gordura, como a carne vermelha e os laticínios. E como as proteínas possuem digestão mais lenta, o uso do whey protein pode ajudar a regular o apetite e diminuir a vontade de comer o tempo todo.

Já o colágeno e a elastina são responsáveis pela sustentação e manutenção da firmeza da pele, enquanto o óleo de uva hidrata e fornece antioxidantes que combatem os efeitos nocivos dos radicais livres (muitos deles gerados durante a atividade física) sobre todo o organismo.

Como o corpo tende a reduzir a síntese de colágeno com o passar da idade, consumir a proteína através de suplementos hidrolisados poderia, em tese, ajudar a afastar as rugas e melhorar a saúde do sistema circulatório (a elastina atua na formação da parede dos vasos sanguíneos), das unhas e cabelos.

A proteína da soja por sua vez é rica em isoflavonas, compostos orgânicos que ajudam a atenuar os sintomas da TPM e da menopausa, reduzindo os desconfortos causados pelo inchaço e a variação do humor.

Tipos de whey protein feminino

Saiba um pouco mais sobre os principais tipos e marcas de whey protein feminino encontrados à venda nas lojas de suplementos esportivos:

– Iso Woman Protein AGE

download (6)

O suplemento proteico da Nutrilatina contém 10 gramas de colágeno hidrolisado por porção (de 38g), 26 gramas de proteína, 4,1 gramas de BCAAs e 7 gramas de carboidratos.

E assim como os demais whey protein para mulheres, o ISO da Nutrilatina contém cromo, mineral que, entre outras propriedades, pode ajudar a diminuir a vontade de comer doces e outros carboidratos refinados.

– Whey Pro-F

download (4)

O Whey Pro-F contém em sua fórmula vitaminas e sais minerais específicos para a saúde da pele, unha e cabelos femininos, além de colágeno hidrolisado, fibras e proteína isolada da soja.

Apesar disso, com 6 gramas de carboidratos por scoop (de 33 g), e um teor de aproximadamente 73% de proteína, o Whey Pro-F deixa a desejar quando comparado ao whey convencional.

– Femini Whey

download (5)

Formulado com um mix de proteínas da soja e do soro de leite, o Femini Whey fornece 6,2 g de BCAAs por porção (2 scoops de 20 g cada), 4,9 g de carboidratos e 2,1 g de gordura.

O suplemento também é fonte de colágeno hidrolisado e um complexo multivitamínico voltado para o fortalecimento das unhas e cabelos femininos, e ao combate da TPM.

Com um teor proteico de 70% (28 gramas de proteína por porção de 40g de whey), o Femini whey possui uma concentração de aminoácidos (aminograma) bastante semelhante aos demais whey protein para mulheres.

O whey protein feminino é diferente?

Se formos analisar os rótulos da maioria dos suplementos à base de whey para mulheres, o diferencial se dá, como acabamos de analisar, por conta da presença de colágeno, elastina e soja. O restante dos ingredientes – aminoácidos – costuma ser bastante semelhante ao whey tradicional.

Portanto, embora não seja exatamente o mesmo produto, o whey protein feminino não é tão diferente assim do ponto de vista nutricional e funcional. Vamos entender exatamente porque logo abaixo.

Não tão diferente assim

Muitos especialistas em nutrição acreditam que o whey protein feminino não seja tão melhor que o whey tradicional no quesito ganho de massa magra. E, segundo eles, o motivo é simples.

Ainda que a formulação contenha colágeno e elastina, esses dois nutrientes não seriam suficientes por si só para explicar a compra de um produto que pode ter um teor proteico menor ou até mesmo custar mais caro que o whey protein convencional. Menos proteína significa menos aminoácidos e consequentemente menor ganho de massa muscular- e menos facilidade para diminuir a taxa de gordura corporal.

E, de acordo com esses mesmos profissionais, o whey protein já contém naturalmente colágeno e elastina, o que não justificaria adquirir o whey feminino só por esses nutrientes. Além disso, o BCAA divulgado com alarde pelos fabricantes de whey protein feminino também pode ser obtido em boas concentrações a partir do uso do whey protein normal.

Levando tudo isso em consideração, é importante que você procure por suplementos com pelo menos 80% de proteína, e com baixo teor de gorduras e carboidratos. Quanto maior a quantidade de aminoácidos na fórmula, maior o poder de saciedade e menor tende a ser o aporte calórico do suplemento.

Marketing

Para muitos nutricionistas, uma das principais diferenças entre o whey feminino e o whey convencional está na embalagem, e não no conteúdo. Tradicionalmente comercializado em potes grandes e escuros, o whey tradicional pode parecer um pouco “intimidante” para as mulheres, que associam o produto a físicos exageradamente musculosos.

Como grande parte das mulheres que utilizam suplementos está procurando queimar gordura a e melhorar a definição muscular sem muita hipertrofia, os fabricantes de whey tiveram a ideia de lançar um produto literalmente mais feminino, comercializado em embalagens menores e em cores mais associadas às mulheres, como o rosa.

Assim, com medo de utilizar o whey e ficarem “muito musculosas”, as mulheres têm maior tendência a aceitar o whey feminino porque o associam a um produto mais suave e menos imponente.

É claro que a fórmula tem, como já vimos, o acréscimo de elastina, colágeno e cálcio, mas eles não tornam o produto tão diferente assim a ponto de merecerem uma nova rotulação e uma diferenciação no preço. Podemos portanto dizer que se trata de um whey com menos proteína e mais voltado para o lado estético.

Ou seja: caso seu objetivo seja mais estético e sua intenção seja melhorar a aparência da pele, cabelo e combater a flacidez da pele, o whey feminino pode ser uma opção se você não for tão exigente quanto ao teor de proteínas do produto.

Whey feminino engorda?

Esse questionamento vale na verdade para ambos tipos de whey: quando consumidos da maneira adequada, e como parte integrante de um plano alimentar com menos calorias do que o necessário para manter o metabolismo, o whey não engorda.

Agora, simplesmente acrescentar o whey feminino à dieta e não se exercitar, ou então continuar com maus hábitos alimentares, poderá sim fazer com que você ganhe peso tomando whey. Mas para isso acontecer você teria que tomar uma alta quantidade, já que um shake de whey em si não é muito calórico.

Como Tomar

Você pode tomar o whey protein feminino da mesma maneira que já utiliza o whey tradicional: com água ou leite desnatado, logo após o treino.

Caso seu objetivo seja perder peso, opte por um whey com baixo teor de carboidratos e sem açúcar, já que o nutriente poderá estimular o acúmulo de gordura na região abdominal.

Preço

Os diferentes tipos de whey para mulheres podem ser encontrados em lojas de suplementos online por valores similares àqueles praticados para o whey tradicional: cerca de R$110,00 por pote de 900g.

Você já tinha ouvido falar do whey protein feminino? Escolheria esta versão por que motivo em especial? Conhece alguma amiga que tome? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (112 votos, média: 3,94 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário