5 alimentos que podem arruinar a dieta low carb

Especialista da área:
atualizado em 17/06/2021

Uma pessoa pode seguir uma dieta low carb, aquela que restringe o consumo de carboidratos, para emagrecer ou por questões de saúde. Independente do motivo, quem segue o método certamente sabe que precisa ter cuidado com suas refeições.

  Continua Depois da Publicidade  

Por um lado, há os alimentos que obviamente não cabem na dieta por serem ricos em carboidratos, como pão, macarrão, massas e outros à base de farinha branca. Por outro lado, há outros que, embora não pareçam, também são perigosos para a low carb e podem sabotá-la!

Isso porque eles carregam carboidratos escondidos. Assim, ao consumir esses alimentos a pessoa nem percebe que está ingerindo mais carboidratos e prejudica sem querer os resultados do regime. Conheça alguns deles:

1. Molhos prontos

Não é porque a embalagem de um molho pronto informa que ele é light que o produto é necessariamente low carb. O teor de carboidratos varia de marca para marca, mas um molho pronto pode ter até 15 gramas de carboidratos em três colheres de sopa.

Isso pode equivaler a uma ou duas fatias de pão de forma. Ou seja, esses molhos prontos podem colocar a perder aquela salada low carb que você preparou com tanto cuidado e carinho.

Portanto, o ideal é evitar os molhos prontos e preparar os próprios molhos em casa. Conheça receitas de molho low carb para salada e de molhos low carb para carne.

2. Iogurtes light ou sem gordura

Iogurte

O termo light indica que o produto sofreu uma redução de 25% de algum nutriente, não necessariamente de açúcar (que é um tipo de carboidrato). Geralmente, no caso do iogurte, isso está relacionado às gorduras, pois usa-se o leite desnatado para fazer a versão light do produto.

  Continua Depois da Publicidade  

Assim, um iogurte light pode sim conter açúcar ou xarope (um tipo de açúcar) na composição. Portanto, antes de levar um iogurte para casa, é essencial checar a tabela nutricional na embalagem para saber qual o seu teor de carboidratos por porção.

Aliás, o iogurte ideal para a dieta low carb é o mais natural possível, composto apenas por leite e fermento lácteo, com o mínimo de ingredientes possíveis. Por isso, ao escolher um iogurte, cheque também a lista de ingredientes.

Aqui, vale destacar que existem diferentes tipos de dieta low carb que permitem consumir diferentes quantidades de carboidratos por dia. Então, pode ser que um iogurte caiba na dieta, mas pode ser que não.

Tudo vai depender da versão que você segue. Em caso de dúvidas, consulte seu nutricionista.

3. Nuggets

Sabe aqueles empanados de frango? Ao contrário do que alguns podem pensar, eles não são apenas frango. A casquinha exterior dos nuggets é feita de farinha de trigo ou de rosca e, portanto, é cheia de carboidratos.

Para você ter uma ideia, em quatro unidades é possível encontrar até 30 gramas de carboidratos, o que varia conforme a marca e a massa. Mas então, remover a casquinha dos franguinhos empanados não resolve o problema?

  Continua Depois da Publicidade  

Não. Isso porque até o recheio desses nuggets costuma conter algum tipo de farinha misturada para dar liga ao produto. Para quem gosta desses frangos empanados, a dica é prepará-los em casa com alguma farinha low carb.

4. Oleaginosas

O grupo das oleaginosas inclui as nozes, castanhas, amêndoas e amendoim, por exemplo. Embora sejam fontes de gorduras boas, elas também contêm carboidratos. No entanto, comer duas ou três unidades por dia no lanchinho não é algo que coloca a low carb em risco.

Por outro lado, comer um pote inteiro de alguma oleaginosa é uma péssima ideia, pois os carboidratos se acumularão, resultando em um teor expressivo do nutriente. Principalmente quando se trata daquele amendoim com casquinha ou algum tipo de cobertura.

Assim, se for usar as oleaginosas na sua dieta low carb, além de moderar na quantidade, opte por aquelas que vêm sem nenhum tipo de casquinha ou cobertura. Sempre cheque a tabela nutricional para saber qual o teor de carboidratos por porção.

5. Leite vegetal

Leite vegetal

Não é todo leite vegetal que é bem-vindo em uma dieta low carb. Por exemplo, o leite de aveia e o leite de arroz não servem porque ambos são ricos em carboidratos. Mas e quanto aos que não são ricos em carboidratos, como leite de amêndoa, de coco ou de soja?

  Continua Depois da Publicidade  

Aí, é preciso ter cuidado. Isso porque alguns desses leites vegetais comprados prontos podem ter açúcar (que é um tipo de carboidrato) na composição.

Além disso, há marcas mais baratas de leite de amêndoa que, na verdade, são uma mistura do leite de amêndoa com o de arroz ou aveia. Isso é feito justamente para diminuir o custo do produto.

Para não consumir um leite vegetal de amêndoa, coco ou soja com muitos carboidratos, leia sempre a tabela nutricional do produto e cheque o seu teor de carboidratos antes de usar. O ideal é que o valor seja próximo a zero/menos de uma grama.

Outra opção é preparar o seu próprio leite vegetal em casa, sem adicionar açúcar ou outros ingredientes ricos em carboidratos. Aprenda como fazer leite de amêndoa e o leite de soja, por exemplo.

Antes de ir, não deixe de conferir o vídeo abaixo, em que a nossa nutricionista também explica sobre os cinco alimentos arriscados para a dieta low carb:

  Continua Depois da Publicidade  

Você consome esses alimentos? Sabia que eles prejudicam a dieta low carb? Então, comenta abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário