Especialista da Área:

5 Benefícios da Fruta Jamelão – Para Que Serve e Propriedades

Quando conhecemos ou alguém nos oferece alguma fruta com a qual não estamos muito acostumados, a nossa primeira reação pode ser virar a cara e recusar o alimento. Entretanto, ao fazermos isso, podemos perder a chance de oferecer benefícios à nossa própria saúde.

Por isso, antes de recusar uma fruta desconhecida, vale a pena conhecermos melhor o alimento e as vantagens que ela pode trazer. Pensando nisso, iremos falar a respeito da fruta jamelão e de alguns benefícios que já foram atribuídos a ela.

  Continua Depois da Publicidade  

Pois bem, o jamelão – Syzygium cumini – é uma fruta que também pode ser conhecida pelos nomes de jambolão, jalão, kambol, jambú, azeitona-do-nordeste, ameixa roxa, murta, baga de freira, guapê, jambuí, azeitona-da-terra, entre outros.

Ainda que a árvore do jamelão, que pode chegar a atingir até 10 metros de altura, seja originária da Indonésia, das Antilhas e da China, ela cresce bem em diferentes tipos de solo, é cultivada em outros países e é bem adaptada às condições brasileiras.

A frutificação do jamelão acontece entre os meses de janeiro a maio. Seus frutos, que são do tipo baga e semelhantes a uma azeitona, começam com uma coloração inicialmente branca, que se torna vermelha e então, preta, quando os mesmos já encontram-se maduros.

Por aqui no Brasil, a fruta costuma ser consumida in natura, entretanto, ela também pode ser utilizada em receitas de compotas, licores, vinhos, vinagre, geleias, tortas e doces, por exemplo.

Para que serve – 5 benefícios da fruta jamelão

1. As propriedades da fruta jamelão

O jamelão é composto por nutrientes importantes para o nosso organismo funcionar direitinho como: carboidratos, fibras, cálcio, fósforo e vitamina C.

2. Fonte de fósforo

O fósforo é o principal mineral encontrado na composição do jamelão, podemos encontrar cerca de 4 mg de fósforo em uma porção de 100 g da fruta.

Mas você sabe por quais motivos é importante que nós obtenhamos o fósforo por meio da alimentação? Bem, o nutriente é importante para a formação dos ossos e dentes e atua no modo de uso de carboidratos e gorduras por parte do corpo.

Além disso, o mineral é necessário para que o organismo forme proteínas para o crescimento, manutenção e reparação de células e tecidos.

  Continua Depois da Publicidade  

O fósforo também auxilia o corpo a produzir ATP, uma molécula utilizada pelo organismo para o armazenamento de energia, trabalha ao lado das vitaminas do complexo B e ajuda em relação à função renal, às contrações musculares, ao batimento cardíaco normal e à sinalização nervosa.

3. Fonte de vitamina C

A vitamina encontrada em maior abundância na composição do jamelão é a vitamina C. De acordo com especialistas, a vitamina C é classificada como um antioxidante, ao mesmo tempo em que é importante para a pele, os ossos e o tecido conjuntivo.

O nutriente também auxilia no processo de cura/cicatrização e contribui com a absorção de ferro por parte do organismo.

Especialistas alertam que mulheres que estejam grávidas ou no período do aleitamento, fumantes, pessoas em recuperação de cirurgias e vítimas de queimaduras podem necessitar de doses extras de vitamina C.

Para quem faz parte desses grupos, é importante consultar o médico para saber o quanto a mais de vitamina C deve ser consumida ou se há a necessidade de um suplemento, para que não sejam cometidos exageros e uma hipervitaminose (excesso de vitamina que faz mal ao organismo) não seja desenvolvida.

4. Fonte de antioxidantes

Conforme estudos, os frutos do jamelão apresentam uma atividade antioxidante elevada. A semente do jamelão possui uma atividade antioxidante superior àquela que é encontrada em sua casca e polpa e, portanto, pode ser utilizada na formulação de extratos antioxidantes.

Os antioxidantes são substâncias que podem prevenir ou atrasar alguns tipos de danos celulares.

Juntos, os diferentes tipos antioxidantes são conhecidos por combaterem os radicais livres, compostos maléficos ao organismo, que provocam justamente danos às células e ao material genético.

5. Auxílio à prevenção de doenças

O consumo do jamelão, desde que associado a uma dieta equilibrada e à prática de exercícios físicos, pode contribuir com a prevenção de doenças crônicas não transmissíveis.

  Continua Depois da Publicidade  

Ou seja, embora sozinho o jamelão não opere milagres ou cure doenças, ele é um alimento nutritivo e, ao ser utilizado dentro de um contexto de estilo de vida saudável – que conte com uma dieta nutritiva, composta por uma diversidade de nutrientes e alimentos saudáveis, e com a prática de atividades físicas, a fruta pode ajudar a beneficiar a saúde.

Dica: o fruto possui uma tinta forte na sua casca, que pode deixar manchas nas mãos e nos tecidos das roupas, portanto, vale ficar atento ao consumi-lo com roupas claras.

Fontes e Referências Adicionais:

Você costuma consumir o jamelão? Pretende aumentar a ingestão para aproveitar os benefícios da fruta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média: 4,80 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo muito solicitada para palestras, consultoria a empresas e atendimento personalizado para atletas, pessoas com condições especiais de saúde e pessoas que desejam melhorar a forma física de forma saudável. É a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España). É também membro da International Society of Sports Nutrition. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma. Dra. Patricia Leite é uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário