5 Tipos de Leite Sem Lactose – Benefícios, Diferenças e Dicas

Cada vez mais as pessoas estão se dando conta de que possuem algum tipo de alergia ou intolerância a lactose e por isso já é possível encontrar nos supermercados algumas opções de leite sem lactose para colaborar com quem tem essa condição.

Alguns tipos de leite zero lactose são muito benéficos para a saúde, principalmente quando feitos de forma natural e com produtos orgânicos. Além disso, a maioria destes leites é bem menos gorduroso do que o leite de vaca e consumir menos gordura traz diversos benefícios à nossa saúde.

Outro público consumidor dos leites sem lactose são as pessoas veganas. Elas não consomem nenhum subproduto de origem animal, nem mesmo o leite. Por isso, os veganos recorrem ao consumo de leites vegetais, como a maioria dos leites sem lactose.

Vamos indicar abaixo os melhores tipos de leite sem lactose, quais são as diferenças entre eles e quais são os seus benefícios, tanto para quem tem intolerância à lactose como para quem quer levar uma alimentação mais saudável.

Intolerância a lactose

Primeiramente, devemos entender o que é a intolerância a lactose. A lactose é um tipo de açúcar encontrado naturalmente no leite da vaca e que requer do nosso corpo uma enzima especial para poder ser digerida.

Se o seu organismo conta com pouco ou quase nada dessa enzima chamada lactase, seu sistema digestivo será incapaz de quebrar as moléculas da lactose e a sua digestão será muito prejudicada.

Quando a lactose não digerida passa pelo intestino grosso, ela pode causar alguns sintomas indesejados, como gases, dores de barriga e inchaço.

Existem níveis diferentes de intolerância a lactose. Algumas pessoas não podem consumir nenhum tipo de derivado do leite, enquanto outras conseguem lidar melhor com pequenas quantidades do leite e de seus derivados.

Sintomas de intolerância a lactose

Os sintomas vão variar do nível de intolerância que uma pessoa tem, além, é claro, da quantidade de lactose que essa pessoa ingeriu. Se você ainda não sabe se tem intolerância a lactose, mas está com esta suspeita, é bom saber que os sintomas podem levar de trinta minutos a duas horas para aparecer depois que você consumiu produtos com leite.

Os sintomas mais comuns são:

  • Inchaço;
  • Dores abdominais;
  • Cólicas;
  • Gases;
  • Diarréia;
  • Vômito;
  • Barulhos excessivos na barriga.

Benefícios de tomar leite sem lactose

1. Melhor digestão

Os leites sem lactose são melhores digeridos até mesmo por quem não tem intolerância a lactose. Isso porque eles são, em geral, menos gordurosos e oferecem muitos nutrientes e minerais essenciais para a nossa saúde.

Pessoas que possuem síndrome do intestino irritável e até mesmo pessoas da terceira idade podem se beneficiar do leite zero lactose, já que sua digestão é mais fácil.

2. Fonte de nutrientes

Diferente do que muitos pensam, o leite sem lactose também possui muitos nutrientes e minerais dos quais o nosso corpo precisa, incluindo o cálcio, fósforo, zinco, potássio e vitaminas A e C.

A quantidade e quais são os nutrientes vão variar de acordo com o tipo de leite sem lactose que você escolher ingerir, já que existem muitas opções.

3. Não dá cólicas

Apesar de o consumo de leite de vaca ser muito popular, ele é o maior causador de cólicas em adultos e crianças. Por isso, consumir leites sem lactose pode evitar que você tenha este desconfortável sintoma.

4. Coração mais saudável

A grande quantidade de minerais contidos nos leites zero lactose podem ajudar a regular a pressão arterial. A vitamina B, presente na maioria desses leites, também é benéfica, já que colabora com a produção dos glóbulos vermelhos.

5. Pele mais saudável

A presença de vitamina A e C são muito benéficas também para a saúde da pele. Enquanto a vitamina A é essencial para manter a pele hidratada, a vitamina C ajuda na regeneração celular.

Tipos de leite sem lactose

1. Leite comum sem lactose

Este é o único leite sem lactose não vegano, já que se trata do leite normal de vaca sem a presença do açúcar lactose. Ele é rico em cálcio, potássio, zinco magnésio, além de vitamina A, K e do complexo B. Nos supermercados, você vai encontrar este leite perto do leite desnatado, normalmente em uma embalagem laranja.

2. Leite de amêndoas

A textura do leite de amêndoas é a mais parecida com a do leite de vaca, apesar de sua coloração ser mais puxada para o bege. Em 250 ml do leite de amêndoas, você vai encontrar 30 calorias e 2 gramas de gordura, além de maiores quantidades de cálcio, vitamina D e E do que o leite de vaca. O único ponto negativo é que este leite contém pouca proteína, apenas 1 grama nesta porção.

3. Leite de arroz

O leite de arroz é feito a partir dos grãos processador do arroz e pode ser encontrado em sua versão neutra ou saborizada, normalmente de baunilha ou chocolate.

Este leite zero lactose também tem zero colesterol e em uma porção de 250 ml estão 110 calorias, 1 grama de gordura e 2 gramas de proteína.

4. Leite de soja

Este é provavelmente o leite sem lactose mais conhecido, mas é necessário tomar alguns cuidados na hora da compra. Escolha sempre produtos feitos de soja orgânica, já que a soja transgênica pode ser prejudicial à nossa saúde.

No leite de soja encontramos potássio, flavonóides, que são ótimos antioxidantes, e estrogênio. Este último pode ser prejudicial à saúde, por isso é bom regular a quantidade de leite de soja.

Em uma porção de 250 ml estão 80 calorias, 7 gramas de proteína e 4 gramas de gordura, sendo que apenas 0,5 gramas são de gordura saturada.

5. Leite de coco

O leite de coco é raramente utilizado no dia-a-dia, a não ser para uma receita mais elaborada. Mas a verdade é que o leite de coco é muito saudável e até mesmo fácil de fazer, caso você more em uma região abundante de coqueiros.

Apesar de ter gordura, a gordura do coco é saudável e dá uma cremosidade boa ao leite de coco. Além disso, contém triglicerídeos de cadeia média, um tipo de gordura que pode ajudar a acelerar o metabolismo, ajudando na perda de peso.

Em que alimentos podemos encontrar os mesmos nutrientes do leite?

Se você descobriu que tem intolerância a lactose mas ainda não se adaptou aos leites sem lactose, uma boa opção é incluir em sua dieta alguns alimentos que vão oferecer os mesmos nutrientes do leite.

Além de minerais, como cálcio e o potássio, o leite também é muito rico em proteína e todos estes nutrientes são facilmente encontrados em outros produtos naturais. Por isso, criamos esta lista para te ajudar a escolher alimentos que vão te ajudar a deixar o leite de lado.

Feijão: uma xícara de feijão contém praticamente os mesmos nutrientes de meia xícara de leite.

Cereais integrais: os cereais integrais, como a aveia, são muito ricos em cálcio.

Damasco e uva passa: outra ótima fonte de cálcio são os damascos desidratados e as uvas passas.

Peixes: até os peixes enlatados, como a sardinha, possuem altas doses de vitamina D e cálcio, assim como os peixes frescos.

Castanhas: amendoim, castanha-do-pará e amêndoas são ótimas fontes de cálcio e proteína.

Suco de laranja: ótima pedida para o café da manhã, o suco de laranja também possui bastante cálcio e vitamina C.

Você já experimentou algum destes tipos de leite sem lactose? Por que motivo? O que acha de aproveitar os benefícios deles? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (42 votos, média: 4,07 de 5)
Loading...

12 comentários em “5 Tipos de Leite Sem Lactose – Benefícios, Diferenças e Dicas”

  1. Começei a tomar hoje o zero lactose normal e não estou me sentindo mal até agora. Quando tomava o integral, eu virava uma bomba de gases e o desnatado, tomava mas chegava no meio do copo já tinha que ir ao banheiro. Gosto de um mingau, mas quando fazia com o desnatado, chegava no meio do prato, me dava um desconforto, só comia para não jogar fora. Agora fiz o mesmo mingau com o zero e comi o prato inteiro sem nenhum incômodo. Obrigada a quem inventou o leite sem lactose.

  2. Eu, deixei o leite desnatado e passei para o leite zero lactose. Só o ano passado fui diagnosticada mais de 10 vezes com virose, e fiquei internada por 2 vezes, este ano desde de janeiro mudei minha alimentação, e agora tomo leite zero lactose.
    Não tive mais problemas de dores abdominais, nem vômitos e este ano não precisei ir nenhuma vez para o hospital com diagnostico de virose.
    Estou muito feliz.

  3. Gostaria de saber se leite ou outros produtos enzimados fazem mal a saúde sendo consumidos todos os dias,posso tomar o leite de vaca zero llactose todos os dias ou não é aconselhado porque com o tempo meu organismo pode acostumar e não tolerar mais.

  4. Comecei a fazer uso de leite comum com zero lactose devido a uma crise de diverticulite e achei que funcionou pra mim pois não tive mais problemas de gases….

  5. Me mostra qual comprovante científico que diz que transgênicos fazem mal a saude humana??? Isso não passa de uma falácia da mídia orgânica e de quem nao entende nada de plantas, muito menos de transgênia!! E inclusive não existe nada que comprova o mal aos humanos!!

    • Se não faz mal pelo consumo de alimentos transgênicos, por que então é feito anúncios nos rótulos de tais produtos em geral, que dizem: Este produto contem semente transgênica.

      Caixa preta ninguém avisa, só depois do acidente.

    • Será que não éo tipo de leite? Por exemplo: o leite de aveia pode servir para uma pessoa mas fazer mal para a outra. Tem que encontrar o leite que se ajuste bem a você.
      Obs:. Não me leve tão a sério, isso estou apenas opinando, mas também tenho dúvida disso.
      Qualquer dúvida fale com o nutricionista.

Deixe um comentário