6 Benefícios da Fruta Jambo – Para Que Serve e Propriedades

Especialista:
atualizado em 20/02/2020

Os benefícios da fruta jambo são tão incríveis que você irá se perguntar como ficou tanto tempo sem conhecer essa fruta. O jambo é uma fruta proveniente de uma árvore tropical conhecida como jambeiro. Você aprenderá a seguir os maiores benefícios dessa fruta, algumas receitas para que você o inclua de vez na sua dieta e, de quebra, ainda descobrirá se o jambo engorda.

Uma das formas mais fáceis e deliciosas de ingerir e potencializar os benefícios desse fruto maravilhoso é fazendo um suco maravilhoso. Seus benefícios são inegáveis e podem até prevenir a diabetes do tipo 2. Aprenda como fazer o suco de jambo e seus benefícios para saúde e boa forma.

Outra fruta que também é extremamente saudável e que não estamos acostumados a consumir é o jamelão. Também conhecida pelos nomes de jambolão, jalão, kambol, azeitona-do-nordeste, ameixa roxa, murta, baga de freira e muito mais. Você vai gostar de conhecer os maiores benefícios do jamelão e para que serve.

Os benefícios do jamelão podem ser extrapolados para além da fruta. Isto porque é possível fazer chá das suas folhas e suas propriedades são incríveis. O médico Rodrigo Moreira, que tem doutorado em endocrinologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), escreveu que existem relatos que atribuem a propriedade antialérgica às folhas de jamelão – e isso é só o início. Você vai gostar de conhecer os maiores benefícios do chá da folha de jamelão.

A fruta conta com algumas variedades como o jambo-rosa, o jambo-amarelo, o jambo-vermelho e o jambo-branco, ainda que essa última seja bastante rara de ser encontrada em nosso país.

Para que serve – 6 benefícios da fruta jambo

1. Variedade de nutrientes

O jambo possui uma série de nutrientes que são importantes para o funcionamento apropriado do organismo humano, como fibras, cálcio, ferro, fósforo, vitamina A, vitamina B3 (niacina) e vitamina C. As informações são do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Frutos Tropicais.

As variedades mais comuns de jambo são o jambo-rosa e o jambo-vermelho. De acordo com o United States Department of Agriculture (USDA), uma porção de 100 g de jambo-rosa oferece um alto teor de água além de nutrientes como: várias vitaminas do complexo B, potássio, zinco e magnésio. Em apenas 25 calorias por porção, também é possível encontrar 5,6 gramas de carboidratos, 0,3 gramas de gordura e 0,6 gramas de proteínas além de fibras dietéticas. 

Uma publicação científica de 2013 do Journal of the Science of Food and Agriculture atestou que o jambo também contém compostos orgânicos importantes para a saúde como a jambosina, o ácido betulínico e a friedelolactona – todos com ótimas propriedades antioxidantes.

2. Auxílio à prevenção da diabetes do tipo 2

De acordo com o Jornal da Unicamp, uma pesquisa de doutorado realizada pela nutricionista Ângela Giovana Batista na Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA) da instituição e feita com camundongos sugeriu que a prevenção da diabetes pode ser um dos benefícios da fruta jambo.

A nutricionista contou à publicação que a fruta possui quantidades expressivas de polifenóis, compostos que estão associados a benefícios contra doenças metabólicas, como é o caso da diabetes.

Ela também explicou que durante os seus experimentos alimentou camundongos com dietas de baixa e alta concentração de gordura, suplementadas com a casca da jabuticaba e a polpa do jambo-vermelho por 10 semanas.

Segundo Ângela, após o tratamento os animais apresentaram melhoras em marcadores da obesidade como a diminuição da massa corporal gorda, maior resistência à insulina periférica, redução de marcadores anti-inflamatórios e a elevação da defesa antioxidante. A nutricionista esclareceu que todos esses fatores estão associados com a prevenção da diabetes do tipo 2.

Entretanto, como o experimento foi realizado com camundongos, não podemos ter certeza que o mesmo efeito pode ser observado em seres humanos, sendo concretamente um dos benefícios da fruta jambo. Veja ainda que a ação listada do jambo-vermelho refere-se à prevenção e não ao tratamento ou cura da diabetes.

Além disso, uma pesquisa bem antiga publicada em 1990 na revista Diabetes Care da American Diabetes Association mostrou que a jambosina encontrada no jambo-rosa é um alcaloide com propriedades promissoras quanto à regulação do metabolismo da glicose em pessoas não diabéticas. Mais estudos sobre o tema estão sendo conduzidos para entender melhor o impacto da fruta jambo na prevenção da diabetes.

3. Contribuição com a melhoria da memória

O mesmo estudo também investigou como a jabuticaba e o jambo podem influenciar a questão da memória, revelou o Jornal da Unicamp. A nutricionista contou ao site que no começo das pesquisas, ela e seus colegas observaram que o hipocampo que comanda a memória e o aprendizado sofria danos oxidativos por conta da alta produção de radicais livres em decorrência de uma dieta rica em gorduras.

Para verificar como a suplementação com o jambo-vermelho e a jabuticaba dada aos camundongos poderia afetar a memória, Ângela e seus colegas executaram um teste chamado de labirinto aquático de Morris, em que durante cinco dias os bichinhos foram treinados a achar uma plataforma escondida em uma piscina, informou o Jornal da Unicamp.

A pesquisadora contou que no último dia a plataforma foi removida e os animais que tinham recebido a suplementação das frutas nadavam exatamente até o local onde a plataforma estava, enquanto os outros, que não receberam a mesma suplementação, nadavam perdidos e sem rumo.

Mais uma vez, lembramos a pesquisa foi realizada com camundongos e não seres humanos. Portanto, não podemos bater o martelo e determinar que o mesmo efeito seja experimentado por pessoas.

Ainda assim, foi comprovada a presença de compostos antioxidantes no jambo, que ajudam a evitar o estresse oxidativo e a minimizar os danos causados pelos radicais livres. Dentre esses danos celulares que podem ser minimizados estão a degradação de neurônios envolvidos em funções cognitivas como a memória e o aprendizado.

4. Efeito diurético

A medicina popular brasileira e do sudeste asiático acreditam que o jambo também fornece um efeito diurético ao organismo, ou seja, estimula a eliminação de líquido do corpo por meio da urina.

Esse pode ser um dos benefícios da fruta jambo para as pessoas que sofrem com o inchaço no corpo, que surge justamente em decorrência da retenção de líquido por parte do organismo. Porém, se experimentar a ação diurética com o jambo, vale a pena não exagerar para não perder água demais e correr o risco de sofrer uma desidratação.

Para quem tem retenção de líquido, vale a pena conversar com o médico sobre as formas mais indicadas de lidar com o problema, tendo em vista as particularidades do quadro, e checar se o jambo é realmente um bom aliado neste sentido.

5. Fonte de antioxidantes

Mais um dos benefícios da fruta jambo é ser fonte de antioxidantes, substâncias que ajudam a combater os radicais livres no organismo.

Como já mencionamos, isso é importante porque esses radicais livres são conhecidos por causar danos ao DNA e o seu acúmulo ao longo do tempo pode contribuir com o envelhecimento precoce e com o desenvolvimento de problemas de saúde como doença no coração, artrite e câncer. As informações são do Centro Médico da Universidade de Maryland.

Um estudo de 2012 do periódico Drug Discoveries and Therapeutics atestou o efeito antioxidante de folhas de jambo-rosa. Além das propriedades antioxidantes, as folhas apresentam atividade hepatoprotetora comparável à silimarina – uma substância usada para tratar problemas no fígado. 

Um outro estudo publicado em 2015 no American Journal of Bioscience avaliou as propriedades antioxidantes e antimicrobianos do jambo. Os resultados das análises mostraram que os antioxidantes da fruta ajudam a eliminar os radicais livres e tem um grande potencial terapêutico a ser desvendado em pesquisas futuras.

6. Fonte de vitamina C

Uma porção de 100 g de jambo é composta por 12 mg de vitamina C, segundo dados do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Frutos Tropicais.

De acordo com o Centro Médico da Universidade de Maryland, esse nutriente não pode ser estocado pelo organismo e, portanto, deve ser obtido por meio da alimentação diária.

O órgão também explicou que a vitamina C é necessária para o crescimento e reparação dos tecidos de todo o corpo, para a absorção de ferro, a reparação e manutenção de ossos e dentes, o processo de cura de feridas e a produção de colágeno.

Segundo o centro médico, o colágeno é uma proteína utilizada para a formação de pele, tendões, cartilagem, ligamentos e vasos sanguíneos no organismo.

Além disso, o Centro Médico da Universidade de Maryland informou que a vitamina C também é um antioxidante, ou seja, contribui com o combate dos radicais livres, substâncias maléficas ao organismo que danificam o DNA e cujo acúmulo pode contribuir com o envelhecimento e com o desenvolvimento de doenças como câncer, doença no coração e artrite.

O efeito antioxidante da vitamina C não é o único benefício dessa vitamina. A vitamina C também ajuda a fortalecer o sistema imunológico, deixando o organismo mais bem preparado para combater infecções simples como resfriados e gripes e até doenças mais graves.

Será que o jambo engorda?

Uma unidade da fruta possui 11 calorias, enquanto 100 g do alimento carregam 27 calorias e uma porção correspondente a uma xícara apresente 44 calorias.

Como o jambo não é um alimento calórico, a não ser que a pessoa coma muito de uma vez, não é de se esperar que ele provoque o aumento de peso, não é mesmo?

Entretanto, vale a pena ressaltarmos que o ganho de peso não é fruto da exclusão ou inclusão de um único alimento na dieta, mas sim consequência de como são toda a alimentação e o estilo de vida da pessoa.

Por exemplo, a pessoa pode comer jambo sem exagerar, porém, não perde a oportunidade de comer uma pizza ou fazer uma refeição em um restaurante fast-food toda semana. Ou então, ela tem o hábito de consumir muito açúcar e até mesmo quando come o jambo, coloca bastante açúcar para acompanhar a fruta.

Nesses casos, é provável que o aumento de peso ocorra. No entanto, o culpado não é a fruta jambo, mas outros hábitos não saudáveis que o indivíduo exerce. Assim, se você não quer engordar, tenha em mente que toda a sua alimentação precisa ser controlada, saudável, equilibrada e nutritiva.

Receitas com a fruta jambo

1. Suco natural de jambo

Ingredientes:

  • 4 unidades de jambo;
  • 500 ml de água;
  • Açúcar ou adoçante a gosto.

Modo de preparo:

Lavar bem os jambos e remover as suas sementes; Levar as frutas ao liquidificador com a água e o açúcar ou adoçante a gosto e bater bem. Se quiser uma bebida bem geladinha, adicionar algumas pedrinhas de gelo ao suco batido, e servir-se imediatamente.

Atenção: é importante tomar o suco natural de jambo imediatamente depois do seu preparo porque a bebida pode perder logo as suas propriedades nutricionais e, portanto, os benefícios da fruta jambo. O chamado processo de oxidação acontece por meio do calor e da exposição ao oxigênio e à luz e pode fazer com que certos nutrientes percam a sua eficiência. Por isso, quando não for possível tomar o suco na hora em que ele for feito, a sugestão é armazená-lo em garrafas escuras muito bem vedadas para evitar ou atrasar o processo.

2. Compota de jambo

Ingredientes:

  • 10 jambos;
  • 2 xícaras de água;
  • 2 2/3 de xícaras de açúcar.

Modo de preparo:

Descascar os jambos, reservar a casca e cortar as polpas ao meio no sentido do comprimento; Colocar as cascas da fruta dentro de uma panela juntamente com e levar ao fogo até obter um líquido da coloração rosa; Desligar o fogo, coar o conteúdo da panela e transferir o líquido para outra panela com o açúcar e as polpas do jambo; Na sequência, levar ao fogo e cozinhar até formar uma calda meio grossa. Desligar, esperar esfriar e passar a compota para um potinho apropriado.

Conclusões sobre o jambo

Apesar de muitas pesquisas ainda estarem em andamento, o jambo parece ter um grande potencial para ajudar no tratamento e na prevenção de vários problemas de saúde.

Ao consumir a fruta pela primeira vez, é importante tomar cuidado porque algumas espécies podem conter toxinas em suas hastes, sementes e folhas. Assim, procure um produtor de sua confiança para comprar o jambo e evite comer outras partes da fruta que não sejam a sua polpa.

Vale lembrar também que existem várias espécies diferentes de jambo e que nem todas foram estudadas da mesma forma até o momento. 

Mesmo que alguns estudos ainda precisem ser aprofundados, é fato que o jambo é uma fruta nutritiva que oferece uma boa quantidade de vitamina C, de fibras alimentares, de vitamina A e de minerais importantes como o cálcio e o potássio. Além da nutrição e das propriedades antioxidantes, o jambo também é uma ótima fruta para te manter bem hidratado e saudável.

Fontes consultadas:

Você já tinha ouvido falar dos benefícios da fruta jambo? Pretende aprender como fazer uma dessas receitas para aproveitar suas propriedades? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (16 votos, média: 4,06 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário

3 comentários em “6 Benefícios da Fruta Jambo – Para Que Serve e Propriedades”