Home » Dieta » Alimentos Para Dieta » 9 Alimentos Bons para Próstata

9 Alimentos Bons para Próstata

Alimentos bons para próstata

O câncer de próstata é algo que afeta milhões de homens em todo o mundo. No Brasil, ele é o segundo mais comum entre os homens, ficando atrás apenas do câncer de pele não melanoma, e é considerado um câncer de terceira idade, pois três quartos dos casos em todo o mundo ocorrem a partir dos 65 anos de idade.

  Continua Depois da Publicidade  

De acordo com o INCA – Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva, a estimativa de novos casos para 2018 foi de 68.220.

Se você está preocupado com a saúde da próstata, há uma boa notícia: o que você come pode fazer muita diferença, ou seja, há alimentos bons para próstata que são recomendados para prevenir o câncer.

“Há uma abundância de fortes evidências de que uma boa nutrição e um estilo de vida ativo podem reduzir a probabilidade de câncer de próstata e retardar a sua progressão”, disse Mitchell Sokoloff, presidente de urologia da Universidade de Medicina de Massachusetts, EUA.

“Uma dieta saudável da próstata se parece muito com uma dieta saudável para o coração”, disse Stephen Scionti, urologista oncologista e diretor médico da Vituro Health, EUA.

  Continua Depois da Publicidade  

“Se você tivesse que dar um nome, nós chamaríamos de Dieta Mediterrânea. Isso inclui muitas frutas, legumes, gorduras saudáveis, proteínas magras e cereais integrais”, continuou o especialista.

Veja agora 9 alimentos bons para próstata que ajudam evitar o câncer, bem como próstata inflamada e próstata aumentada:

1. Castanha-do-Pará

Entre todos os diferentes tipos de castanhas, essa castanha nativa da América do Sul é uma fonte especialmente rica do mineral selênio, que é importante para a saúde da próstata.

Na verdade, apenas cerca de 30 gramas de castanha-do-Pará podem conter até 10 vezes mais de IDR (Ingestão Diária Recomendada) de selênio.

Elas também são uma fonte muito boa de zinco, outro mineral que desempenha um papel importante na manutenção de uma próstata saudável, e além disso, contêm todos os aminoácidos necessários para se qualificar como uma proteína completa.

Seu alto teor de gordura saturada (25%) sugere que você limite o consumo deste alimento a apenas alguns gramas por semana, mas essa quantidade já é tudo o que você precisa para cuidar da saúde da sua próstata.

  Continua Depois da Publicidade  

2. Brócolis

O brócolis é fonte de alguns benefícios nutricionais muito importantes que não estão listados nos rótulos nutricionais. Como membro da família dos vegetais crucíferos, que também é composta pela couve-de-Bruxelas, couve-flor, repolho, entre muitos outros, o brócolis contém altas quantidade de fitonutrientes sulforafano e indóis, ambos com propriedades anticancerígenas.

O sulforafano aumenta a atividade das enzimas de desintoxicação do corpo, o que ajuda a eliminar mais rapidamente elementos potencialmente causadores de câncer. Um estudo publicado na revista acadêmica Cancer descobriu que o indol-3-carbinol, presente naturalmente neste vegetal, assim como os outros alimentos desta família, suprimiu o crescimento de células de câncer de próstata e também inibiu a produção de PSA, um antígeno específico da próstata.

Pesquisadores do Ensaio de Rastreio do Câncer de Próstata, Pulmão, Colorectal e Ovariano descobriram que comer brócolis mais de uma vez por semana pode reduzir em 45% a probabilidade de desenvolver câncer de próstata em estágio III e IV. A maneira mais saudável de apreciar o brócolis é levemente cozido ou refogado por não mais do que cinco minutos. Se o vegetal é cozido por mais tempo, as propriedades anticâncer dos seus fitonutrientes desaparecem.

  Continua Depois da Publicidade  

3. Tomates

Os tomates são um alimento bastante popular, e são uma ótima fonte de licopeno, um fitonutriente, ou mais especificamente um carotenoide que faz parte de um grupo de pigmentos amarelos, alaranjados e vermelhos encontrados em plantas. O licopeno é um antioxidante que foi comprovado cientificamente ter propriedades que melhoram a saúde da próstata.

Embora os tomates frescos sejam nutritivos, a potência antioxidante do licopeno aumenta quando são processados. O processamento quebra as paredes celulares dos tomates, o que torna o licopeno mais acessível ao corpo; assim, a pasta de tomate, molho, sopa e suco são alimentos bons para próstata e ainda melhores que os tomates frescos.

Um estudo realizado no Brasil, por exemplo, descobriu que homens com hiperplasia prostática benigna, popularmente conhecida como próstata aumentada, que consumiam 50 gramas de extrato de tomate diariamente por 10 semanas tinham um declínio maior que 10% em seus níveis de PSA em comparação com os níveis anteriores ao estudo.

Outro estudo avaliou cerca de 48.000 homens e descobriu que os que comiam muito tomate, molho de tomate, suco de tomate e pizza tinham 35% menos risco de desenvolver câncer de próstata e 53% menos risco de contrair câncer de próstata agressivo.

Pesquisadores da Universidade de Bonn, na Alemanha, disseram que apenas uma porção de tomate ou um produto de tomate todos os dias pode proteger contra danos do DNA que podem preparar o terreno para o câncer de próstata.

Os tomates também são bons para controlar a hipertrofia prostática e manter baixos os níveis de PSA.

Como os produtos de tomate estão disponíveis o ano todo, é fácil mantê-los em sua dieta diariamente, o que pode ser muito útil para a saúde da sua próstata.

4. Romãs

As romãs têm sido recentemente objeto de muita pesquisa e discussão, já que os cientistas descobrem cada vez mais benefícios para a saúde das pessoas. Em particular, elas são ricas em antioxidantes e um fitonutriente chamado elagitanino, que é especialmente útil para colocá-las como um bons alimentos bons para próstata. Estudos realizados em tubos de ensaio mostraram que extratos de romã podem retardar a reprodução de células cancerígenas e fazer com que essas células cometam suicídio.

Em outros estudos, os elagitaninos demonstram que podem interferir no crescimento de novos vasos sanguíneos, que são necessários para nutrir os tumores da próstata. Na Universidade de Califórnia, em Los Angeles, os pesquisadores descobriram que o suco de romã diminuiu significativamente a progressão do câncer de próstata em homens que passaram por cirurgia ou radiação devido a doença, mas cujos níveis de PSA subiram, indicando um possível retorno da doença.

5. Pimenta Caiena

A pimenta Caiena (capsicum annuum), obtém a sua picância devido à alta concentração de uma substância chamada capsaicina, que embora seja amplamente conhecida por sua capacidade de reduzir a dor, estudos também mostraram que ela pode ajudar a matar as células cancerígenas, incluindo as células do câncer de próstata.

A capsaicina demonstrou uma capacidade de fazer com que as células do câncer de próstata “cometam suicídio” (um processo chamado apoptose). A capsaicina faz isso ao atacar a porção de energia das células, chamada mitocôndria, e é capaz de fazer isso sem prejudicar as células saudáveis que cercam as células cancerígenas.

6. Chá verde

Os poderes medicinais do chá verde são atribuídos aos seus compostos antioxidantes chamados de catequinas, um tipo de polifenol que destrói certos vírus e bactérias, estimula o sistema imunológico e combate várias formas de câncer, incluindo o câncer de próstata. Embora existam vários tipos diferentes de catequinas, os especialistas identificaram o galato de epigalocatequina, EGCG, como o mais potente.

A pesquisa mostrou que os polifenóis do chá verde, principalmente o EGCG, podem reduzir significativamente os níveis de PSA e dois biomarcadores de câncer de próstata, fator de crescimento de hepatócitos e endotelial vascular.

As catequinas presentes no chá verde também podem ajudar homens com lesões pré-cancerosas na próstata, também conhecidas como beoplasia intra-epitelial da próstata, uma condição que sinaliza um alto risco de desenvolver câncer de próstata.

Estudos mostram que homens com essa condição que tomaram diariamente catequinas tiveram um risco significativamente menor de desenvolver câncer de próstata e também um risco reduzido de sintomas do trato urinário inferior, o que torna as catequinas úteis no tratamento de sintomas da próstata inflamada.

Vários estudos demonstraram que os homens que bebem pelo menos três xícaras de chá verde por dia têm um risco reduzido de câncer de próstata.

As catequinas também trabalham reparando o DNA danificado que poderia desencadear o crescimento do câncer, assim como impedir as ações de uma enzima chamada COX-2, que está envolvida no processo deste tipo de câncer.

7. Sementes de abóbora

As sementes de abóbora também são alimentos bons para próstata, especialmente para os homens que têm hipertrofia prostática benigna (BPH) – próstata aumentada, condição que envolve o alargamento da próstata, que afeta comumente homens com 50 anos ou mais.

Uma das coisas que contribui para esta condição é a hiperestimulação das células da próstata pela testosterona e outro hormônio, a di-hidrotestosterona (DHT).

O óleo de sementes de abóbora pode ajudar a impedir que os hormônios desencadeiem a multiplicação das células da próstata, e também contém carotenoides e ácidos graxos ômega-3.

Outro nutriente encontrado nas sementes de abóbora é o zinco, também associado à saúde da próstata. Um estudo realizado no Instituto Linus Pauling, da Universidade do Estado de Oregon, EUA, sugere que o zinco pode ajudar a proteger contra o desenvolvimento do câncer de próstata.

8. Peixes

Os ácidos graxos ômega-3 são um nutriente importante para a saúde da próstata e o salmão é um exemplo de peixe muito rico em ômega-3. Especialistas descobriram que esses ácidos graxos presentes nos peixes podem retardar o desenvolvimento e a progressão do tumor na próstata, inclusive em homens que já sofrem com esta doença, além de ajudar a prevenir o seu desenvolvimento em quem não os tem.

Os resultados do estudo publicado em abril de 2009 na Clinical Cancer Research relataram que comer peixes como o salmão pelo menos uma vez por semana pode reduzir o risco de desenvolver câncer de próstata avançado, mesmo se o homem for predisposto a contrair a doença.

Um estudo britânico publicado em 2009 relatou que os ácidos graxos ômega-3 e especialmente o ácido eicosapentaenoico (EPA) e docosaexaenoico (DHA), os dois principais ômega-3, têm poderosos efeitos antiangiogênicos, o que significa que lutam contra o desenvolvimento dos vasos que nutrem os tumores.

9. Açafrão-da-terra/Cúrcuma

O açafrão-da-terra é uma planta perene cujas raízes são moídas, e seu ingrediente ativo é a curcumina, que dá o gosto amargo e apimentado deste tempero.

Ele tem sido tradicionalmente usado para combater inflamações, asma e resfriados, porém os cientistas também descobriram suas propriedades anticâncer, como a sua capacidade de ser um dos alimentos bons para próstata.

Um grupo de cientistas da Universidade Rutgers, EUA, descobriu que tanto sozinha como combinada com um fitonutriente derivado de vegetais crucíferos, como por exemplo o brócolis e repolho, a cúrcuma pode ser eficaz na prevenção e no tratamento do câncer de próstata, e que essa combinação reduziu significativamente o crescimento tumoral.

Um estudo realizado em 2009 na Oregon Health and Science University, EUA, relatou que a cúrcuma tem “potenciais efeitos anti-metastáticos em células de câncer de próstata derivadas dos ossos”. Outra pesquisa, desta vez da Universidade de Columbia, EUA, descobriu que ela tem a capacidade de fazer com que as células deste tipo de câncer “cometam suicídio”, a apoptose.

Ao consumir frequentemente esses alimentos bons para próstata, você estará evitando o câncer de próstata bem como a próstata inflamada e aumentada, além de cuidar da sua saúde em geral.

Vídeo:

Gostou das dicas?

Referências adicionais:

Você costuma consumir estes alimentos bons para próstata em sua dieta? Pretende incluir agora para ajudar a prevenir este tipo de câncer? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite
  Continua Depois da Publicidade  


ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*