Purê de batata engorda?

Especialista da área:
atualizado em 12/11/2021

Normalmente quando as pessoas pensam em purê de batata, já associam ao ganho de peso, por considerarem a batata um alimento calórico e rico em carboidratos, e na forma de purê, mais calorias ainda seriam adicionadas.

Mas o fato é que além de deliciosas, as batatas são extremamente versáteis, fazendo parte de uma infinidade de pratos dentro da culinária mundial. 

  Continua Depois da Publicidade  

Existem diversos tipos de batata e cada uma delas é mais apropriada para determinados pratos. Algumas, por exemplo, são mais sequinhas, ótimas para nhoque, outras possuem mais água e acabam sendo mais interessantes cozidas com carne de panela.

O purê de batata é uma das preparações mais democráticas e simples deste tubérculo, que frequentemente é utilizado como acompanhamento de alguma proteína, como carne, frango e peixe.

O purê é um fonte de carboidrato e se destaca pelo alto teor de cálcio. No entanto, apesar de possuir um alto índice glicêmico, existem diversas receitas light de purê de batata que podem transformá-lo em um alimento menos calórico.

Calorias reais e consumo controlado

Purê de batata

É importante lembrar dois aspectos importantes para analisar de forma prática se purê de batata realmente engorda.

  • Calorias reais: Uma receita padrão de purê de batata não é tão calórica assim. Uma porção de 100g contém cerca de 80 calorias e se combinado com alguma proteína magra na refeição, o índice glicêmico ainda será reduzido. O grande problema é que a maior parte das receitas de purê de batata usa muita manteiga ou cremes para dar mais sabor a este alimento. Dessa forma, ele pode alcançar até 200 calorias nessa mesma porção de 100g.
  • Quantidade consumida: O consumo do purê deve ser moderado. Apenas 4 colheres de sopa contém aproximadamente 200g. Dessa forma, ele engorda sem nem você perceber.

Valor nutricional do purê de batata

Os valores nutricionais abaixo correspondem a um purê com 84% de batata, 15% de leite integral e 1% de sal.

  Continua Depois da Publicidade  

Em receitas mais calóricas, onde adiciona-se, por exemplo, manteiga, creme de leite, requeijão cremoso ou cream cheese, esses valores serão consideravelmente alterados, principalmente em relação a calorias.

Principais componentes Em 100 gramas Em uma xícara
Água78,98 g164,81 g
Energia100 kcal210 kcal
Proteínas1,8 g3,78 g
Gorduras totais3,54 g7,43 g
Carboidratos15,72 g33,01 g
Fibras totais 1,3 g2,7 g
Açúcares1,38 g2,9 g
Colesterol 1 mg2 mg
Fonte: The National Agricultural Library 1

Batatas x Celíacos

Outro aspecto importante em relação à ingestão de purê de batata é sobre o consumo por celíacos.

A doença celíaca é caracterizada pela intolerância permanente ao glúten e a única forma de tratá-la é através de uma dieta onde o glúten é totalmente excluído.

Segundo a Associação dos Celíacos do Brasil (ACELBRA), a batata faz parte dos alimentos permitidos que podem ser consumidos por quem possui intolerância a esta substância.

Purê de batata x intolerância à lactose (IL)

Intolerância a Lactose

As receitas tradicionais de purê de batatas levam leite, portanto, quem possui intolerância à lactose, deve optar por receitas isentas desse ingrediente.

Para esses casos, sugerimos uma receita de purê sem leite, que resolverá essa situação:

  Continua Depois da Publicidade  

Você vai precisar de:

  • 4 batatas médias cozidas;
  • ½ xícara de água;
  • ½ xícara de leite de coco;
  • 1 colher de sopa de margarina sem lactose;
  • Pouco sal.

Esprema a batata ainda quente, e a seguir leve ao fogo juntamente com a margarina. Então junte o leite de coco diluído na água e agregue às batatas, misturando bem até obter a consistência tradicional de purê. Adicione sal aos poucos e vá provando até chegar ao sabor desejado.

O ponto do purê varia de acordo com preferências individuais, portanto, purês mais encorpados deverão levar menor quantidade de líquido, enquanto purês mais moles precisarão de mais líquido.

Purê de batatas vegano

Outra proposta interessante, é o purê de batata vegano. Nesta receita, ficarão de fora todos os produtos derivados de animais, como leite e manteiga, por exemplo. Essa receita também poderá ser consumida por celíacos.

Algumas pessoas substituem o leite de vaca por leite de soja, mantendo a linha vegana da receita.

Você vai precisar de meio quilo de batatas e 4 colheres de sopa de azeite, e bem pouco sal.

  Continua Depois da Publicidade  

Comece cozinhando as batatas em água. Assim que estiverem cozidas, vá amassando as batatas ainda quentes e adicionando a água de seu cozimento (aproximadamente meia xícara, aos poucos, até obter a consistência preferida). Adicione o azeite e mexa bem. Por fim, adicione sal aos poucos e vá provando até que fique no sabor desejado, e sirva em seguida.

Tipos de batatas

Batatas

Há muitos tipos de batata pelo mundo, mas as mais vendidas no Brasil, especialmente na região Sudeste, são:

  • Batata-inglesa: Tipo mais consumido no país. Bem seca e boa para fritar e para fazer nhoque;
  • Asterix: Bem sequinha, ideal para frituras e fazer nhoque;
  • Baraka: Ótima para qualquer receita, sendo a melhor batata para fritar, por ter menos água e mais amido;
  • Batata-doce: Possui alta quantidade de fibras e um sabor mais adocicado;
  • Monalisa: Apresenta muita água e é boa para cozinhar, assar, usar em suflês e saladas;
  • Batata-baroa: Muito indicada para fazer purês e sopas, por possuir menos amido. Apenas cozida também é uma delícia.

A batata deve ser cozida com a casca, para evitar a perda de parte de seus nutrientes. Porém, se cozidas no vapor, as propriedades serão mais conservadas.

Benefícios da batata para a saúde

  • É rica em fitonutrientes, tais como carotenoides e flavonoides;
  • Possui antioxidantes devido à vitamina C;
  • Ajuda a baixar a pressão arterial devido ao potássio, que é um vasodilatador;
  • Pode favorecer o controle do colesterol;
  • A vitamina B6 favorece as funções cerebrais, incluindo a produção de dopamina, serotonina e noradrenalina;
  • A boa quantidade de vitamina C ajuda a prevenir escorbuto;
  • Alguns estudos da Arthritis Foundation sugerem que as batatas podem ajudar a reduzir os sintomas da artrite;
  • Excelente para a digestão;
  • O alto teor de sódio e potássio encontrado na casca são eletrólitos importantes, que se perdem durante a transpiração, por esse motivo, principalmente os atletas, devem abusar da batata em sua dieta;

Como fazer com que a batata engorde menos

Apesar da batata possuir um alto índice glicêmico, podemos baixá-lo um pouco, seguindo algumas dicas:

  • Ao utilizar a batata no purê, ou outros preparos, não se esqueça de incluir muitas fibras, dessa forma, haverá uma absorção bem mais lenta. Conheça os 20 alimentos mais ricos em fibras para você agregar ao preparo do purê de batata, ou simplesmente consumi-los juntos do purê;
  • Outro agente que retarda a absorção dos carboidratos presentes na batata é o azeite, porém utilize com moderação por conta do seu alto valor calórico;
  • Evite consumir um carboidrato com outro, por exemplo, arroz e batata na mesma refeição. Essas misturas elevam o índice glicêmico das refeições.

Você tem costume de comer purê de batata em suas refeições durante a semana? Acha que ele pode estar atrapalhando seu peso? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (14 votos, média 4,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário

2 comentários em “Purê de batata engorda?”