Xilitol engorda? Tem carboidrato? Calorias, como usar e dicas

Especialista da área:
atualizado em 03/02/2022

O xilitol é um adoçante que tem menos calorias do que o açúcar, mas isso não significa que ele não engorda.

Apesar de ser até 40% menos calórico do que o açúcar de mesa, o xilitol também tem calorias e é importante usá-lo com moderação. 

  Continua Depois da Publicidade  

Saiba então como usar o xilitol corretamente para não ter problemas com a balança. 

Xilitol engorda? Tem carboidrato?

Tudo vai depender do seu consumo diário e do restante da sua dieta. Mas de forma geral, nenhum alimento sozinho é responsável pelo aumento ou perda de peso.

Extraído de fibras vegetais, o xilitol é um substituto do açúcar de origem natural. Ele é derivado da xilose, um monossacarídeo presente em várias frutas e legumes, como por exemplo no milho. Apesar de ser natural, na prática, o xilitol passa por vários processos químicos antes de chegar à mesa do consumidor. 

Ele é conhecido como um álcool de açúcar, já que a molécula de xilitol tem traços de ambos. Assim, tecnicamente ele é um carboidrato, mas não se comporta como um. Isso pode ser explicado pelo fato de o xilitol não aumentar os níveis de açúcar no sangue de forma significativa. 

De fato, o xilitol tem um índice glicêmico muito baixo, o que é ótimo para quem tem diabetes, obesidade ou síndrome metabólica, por exemplo. Para fins de comparação, o índice glicêmico do açúcar é de cerca de 70, enquanto que o do xilitol é de apenas 7. Aliás, essa característica permite que o xilitol seja usado em produtos low carb.

  Continua Depois da Publicidade  

Quanto ao teor calórico, o xilitol tem 2,4 calorias por grama enquanto que o açúcar branco tem 4 calorias por grama. Ainda assim, o poder adoçante dos dois é bem similar. A saber, o xilitol é apenas cerca de 5% menos doce do que o açúcar.

Como usar o xilitol

Segundo uma pesquisa publicada em 2016 na revista científica International Journal of Dentistry, a maioria dos adultos se sente bem usando de 10 a 30 g de xilitol por dia. Após o período de adaptação ao novo açúcar, os adultos podem consumir até 70 g por dia sem se sentir mal.

Adoçar o café
Você pode utilizar o xilitol para adoçar o café e outras bebidas

Além de adoçar bebidas, o xilitol pode ser usado no preparo de sobremesas e até em preparações que vão ao fogo e no forno, já que ele é resistente a altas temperaturas.

Para substituir o açúcar das receitas por xilitol, basta usar a proporção de 1:1. Ou seja, 100 g de açúcar equivale a 100 g de xilitol.

Efeitos colaterais do xilitol

Em altas quantidades, o xilitol pode causar desconfortos gastrointestinais como inchaço, gases, distensão abdominal e diarreia.

Isso acontece porque ele é fermentado por bactérias intestinais que podem liberar gases durante esse processo. Além disso, a molécula de xilitol tem a capacidade de atrair água para o intestino, causando certo mal estar.

  Continua Depois da Publicidade  

Para evitar esse tipo de incômodo, é indicado não usar mais do que 15 mg de xilitol por kg de peso corporal por dia. 

Dicas

xilitol na panqueca
Não exagere no consumo de xilitol, só por não ser açúcar

Mesmo os adoçantes naturais devem ser consumidos com moderação. Isso é recomendado não só pelo risco de engordar, mas também por conta da saúde.

Vale lembrar que adoçantes em geral não contém nutrientes como vitaminas e minerais. Por isso, são calorias vazias que servem apenas para adoçar e não para nutrir.

Além disso, há o risco de o paladar se acostumar com o sabor doce de adoçantes como o xilitol e buscar cada vez mais alimentos doces no dia a dia. Inclusive, isso pode prejudicar o paladar em relação aos alimentos naturalmente doces, como as frutas, por exemplo.

Dessa forma, seria mais benéfico para sua saúde e sua dieta deixar o açúcar adicionado e o adoçante de lado e reaprender a apreciar o sabor natural dos alimentos. 

Alguns estudos também indicam que os adoçantes não estimulam a liberação de hormônios relacionados à saciedade. Assim, é possível que você demore mais para sentir saciedade e consuma mais calorias.

  Continua Depois da Publicidade  

Por último, cuidado ao usar o xilitol se você sofre de doenças como a síndrome do intestino irritável ou intolerância aos FODMAPs, pois o adoçante pode causar ainda mais desconfortos gastrointestinais.

Se mesmo sabendo de tudo isso, você precisar ou optar por usar o xilitol, procure consumir o adoçante sem exageros.

Fontes e referências adicionais

Você já utilizou o xilitol? Consegue substituir o açúcar por ele? Sentiu algum dos efeitos colaterais do xilitol? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário