10 Benefícios de Leite de Castanha e Como Fazer Em Casa

Especialista:
atualizado em 16/12/2019

Uma vez um pediatra disse: o leite da vaca é bom para o bezerro! Essa é uma informação que não é levada a sério, porém, o alto teor de gordura presente no leite de vaca seguramente não é indicado para os padrões nutricionais de uma criança, principalmente um recém-nascido.

Atualmente, vêm aparecendo mais e mais pessoas com sintomas de intolerância à lactose, outras com alergias. Essa intolerância pode ser mínima, ou atingir graus bastante significativos, mas, será mesmo que o leite da vaca é para qualquer pessoa tomar?

Não estaria na hora de revermos esses conceitos? Afinal, por que tantos intolerantes à lactose e alérgicos se o leite é considerado tão saudável? Estaria certo o pediatra? Há algumas outras opções, como o leite de castanha, por exemplo, o leite de arroz e o de soja. Vamos saber um pouco mais sobre o primeiro mais abaixo, seus benefícios e como fazer em casa.

Leite x Hormônios

Talvez o que esteja tornando as pessoas tão sensíveis ao leite de origem animal seja a enorme porcentagem de hormônios que os animais recebem.

Um deles, o HBG, faz com que as vacas produzam muito mais leite. O interesse da indústria é ganhar dinheiro, independente dos consumidores estarem consumindo esse hormônio, a cada vez que tomam seu leite diariamente.

Além disso, muita coisa vai sendo adicionada ao leite para que tenha maior rendimento. Recentemente ouvimos falar de soda cáustica e até mesmo formol.

Será mesmo que uma mudança de hábitos não seria uma escolha saudável? Que tal experimentar outros tipos de leite, como o leite de castanha?

Leites diversos

Além do leite tradicional, presente na mesa de milhares de pessoas mundo afora, também vem se popularizando o leite de soja.

Muitas pessoas já trocaram o pesado leite de origem animal pelo leite mais leve, mais delicado e suave de origem vegetal, mas a soja não é a única opção. Estamos diante de novas possibilidades, e uma delas é o leite de castanhas.

Ainda pouquíssimo divulgado, porém, com valores nutricionais riquíssimos e uma vantagem adicional: facílimo de ser preparado em casa!

Posso Fazer Leite a Partir de Outros Grãos?

Sim. Assim como a soja, há outros tipos de grãos que podem originar leites vegetais. Entre as oleaginosas, podemos fazer o leite de amêndoas, de castanha do pará, nozes e amendoim.

Algumas sementes também dão bons resultados, como a semente de abóbora. Também o arroz, a quinoa e a aveia serão bons ingredientes para desenvolver leite vegetal.

Dessa forma, pode-se variar o sabor, provando um tipo a cada dia, o que além de tudo trará vantagens nutricionais fabulosas, visto que cada tipo de leite apresentará benefícios individuais ligados ao seu componente principal.

Benefícios do Leite de Castanha

  1. Ideal para dietas de redução calórica. Por ter origem vegetal, o leite de castanha ajuda a controlar o peso, além de levar ao organismo uma gordura saudável;
  2. Baixo índice glicêmico. A presença de carboidratos no leite de castanhas é mínima, o que significa que não haverá picos de açúcar no sangue, ou seja, ajudará a reduzir os riscos do diabetes;
  3. Zero lactose;
  4. Zero aditivos industriais e hormônios. Nesse caso, nos referimos ao leite de castanha feito em casa;
  5. Pele bonita e viçosa. As castanhas, de um modo geral, apresentam boas quantidades de vitamina E, fundamental para a saúde da pele, devido ao seu poder antioxidante;
  6. Zero colesterol. Não há gordura saturada em nenhum leite de castanhas, ao contrário, a gordura desse alimento é totalmente saudável, como por exemplo, ácidos graxos ou os famosos ômegas, que além de tudo ajudam a prevenir doenças cardíacas e hipertensão;
  7. Excelente fonte de vitaminas do complexo B, ferro e riboflavina;
  8. Não exige refrigeração. Ao contrário do leite tradicional, o leite de castanha se mantém muito bem à temperatura ambiente, podendo ser transportado para o trabalho, academia e passeios. Obviamente, nada impede de ser servido gelado nos dias de calor;
  9. Zero glúten. Exceção feita ao leite de arroz;
  10. Fácil de fazer. Acompanhe algumas receitas a seguir.

Como Fazer Leite de Castanhas em Casa 

Antes de mais nada, não perca tempo tentando retirar a pele das castanhas. Elas ficarão 90% retidas durante o processo de coagem, portanto, é uma tarefa desnecessária. Se coar mais vezes, menos resíduos das peles restarão.

– Leite de Amêndoas

Talvez seja esse o favorito entre os leites vegetais. Seu sabor delicado agrada bastante.

Para desenvolver essa receita, você vai precisar de uma xícara de amêndoas. Elas deverão ficar de molho em água por seis horas. Essa água deverá ultrapassar a superfície das amêndoas em uma polegada, no mínimo.

A seguir, dispense a água do molho e bata as amêndoas no liquidificador com duas xícaras de água filtrada.

Despeje essa massa num guardanapo de louça limpo e esprema bem até extrair todo o leite.

Pode ser consumido geladinho nos dias de verão, ou com mel e canela, bem quentinho, no inverno.

Haverá um resíduo de amêndoas que ficará no guardanapo de louça. Não as despreze.

Esses resíduos farão parte de todas as receitas, e poderão virar outros pratos, ricos e saudáveis.

Faça um queijo, farofa, um patê, recheie doces, enriqueça seus pratos e saladas, coma com iogurtes e frutas. Nada deve ser desperdiçado.

– Leite de Nozes

Siga exatamente a receita anterior, apenas fazendo a substituição das amêndoas pelas nozes.

– Leite de Castanha do Pará

Siga exatamente as mesmas orientações do leite de amêndoas, mas, na hora de batê-lo no liquidificador, utilize 3 xícaras de água.

Esse leite apresenta mais gordura que o anterior, por esse motivo, coe duas ou três vezes.

Dica: substitua a castanha do Pará por amendoim sem sal e sem casca.

– Queijo de amêndoas

Vamos utilizar as sobras para fazer um queijo vegetal natural.

Pegue a sobra das amêndoas, misture com sal e shoyu, salsinha e cebolinha, e outros temperos a seu gosto.

Leve à geladeira e deixe de um dia para o outro.

Poderá ser enformado para ficar com aspecto de queijo comum.

Esses Leites São Veganos?

Leites de castanhas bastante utilizados pelos veganos, porém, independente do hábito nutricional que se queira seguir, são extremamente saudáveis, para veganos ou não.

Obviamente, esse leite não terá gosto de leite de vaca. Tem um sabor próprio, leve e delicado. Contudo, pode ser utilizado em receitas em substituição ao leite comum, porque sua consistência fica bem parecida ao leite que estamos acostumados a consumir. 

Desvantagens

O leite de castanha não consegue competir com o leite de vaca quando a prioridade for uma dieta rica em proteínas. Nesse caso, a troca de um pelo outro não é recomendada.

O mesmo se aplica a pessoas que buscam uma alimentação rica em cálcio.

Exemplificando:

  • Uma xícara de leite de castanha = aproximadamente 1 grama de proteína e 2 miligramas de cálcio.
  • Uma xícara de leite de vaca = aproximadamente 8 gramas de proteína e 300 miligramas de cálcio.

Como vimos, na troca do leite animal pelo leite vegetal, será necessário buscar outras fontes para receber as mesmas quantidades de proteína e cálcio que o leite de vaca oferece.

Valores Nutricionais do leite de amêndoas

Os valores a seguir correspondem ao produto industrializado.

Tabela leite de amêndoas

Considerações Finais

Nada impede que todos os leites façam parte do cardápio, incluindo os de origem animal, desde que não haja problemas de saúde que os contraindiquem, de alguma forma.

Caso se faça a opção por comprar o leite de castanha industrializado, atenção aos rótulos. Certifique-se que não esteja cheio de aditivos, corantes, conservantes, aromatizantes, açúcar e sódio.

Você tem vontade de experimentar algum leite de castanha? Conhece alguém que tome frequentemente, em substituição ao leite animal, por razões de saúde? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (28 votos, média: 4,14 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

4 comentários em “10 Benefícios de Leite de Castanha e Como Fazer Em Casa”

  1. Você falou acima que os leites vegetais não possuem muitas proteínas igual leite de vaca e que não recomenda para quem busca isso no leites vegetais, porém esse tal cálcio , nada vale se o magnésio não estiver presente. na minha opinião não há nenhum leite vegetal ou o de vaquinha que seja melhor que o leite de coco, não é atoa que o coco é comparado ao leite materno no q diz a nutrientes e tals, a gordura do coco é de cadeia media, fácil absorção. e ainda tem o acido láurico, presente somente no leite materno. Bom post! T+

  2. Fiz o leite de amêndoas. Ficou excelente. Tomei com cacau em pó, fiz um doce com adoçante e algumas gotas de essência de cereja e chocolate 75%. Ficou ótimo também. Com o bagaço, fiz farinha mais grossa para substituir a farinha de mandioca/milho. Excelente. Ainda uso para bolos, pães, bolinhos, enfim, substituo a farinha de trigo pela farinha de amêndoa. Estou fazendo hoje com a castanha do pará. Espero que fique bom também.

  3. Eu fiz pela primeira x esse leite com castanhas que minha nutri me recomendou. Achei muito gostoso. Coei e fiz um pate com o farelo que sobrou. Adorei tb, a pasta.