Uva engorda ou emagrece?

Especialista da área:
atualizado em 29/03/2022

A uva emagrece ou engorda? Essa dúvida atormenta muitas pessoas na hora de montar um cardápio saudável.

Mas saiba que as uvas contêm uma série de nutrientes que contribuem para manter a saúde do organismo e pode, de acordo com alguns relatos, atuar também na perda de peso.

  Continua Depois da Publicidade  

Então, no decorrer do artigo vamos conhecer melhor as propriedades e benefícios da uva, além de descobrir se ela engorda ou emagrece.

Veja também: Benefícios da uva – Para que serve e propriedades

As uvas

Uvas
Existem algumas formas que você pode consumir uva na dieta

As uvas são frutas extremamente versáteis, e podem ser consumidas in natura, na forma de sucos ou como ingrediente de uma série de receitas.

Por isso, saber se a uva engorda ou emagrece é importante, uma vez que ela pode ser uma ótima aliada da perda de peso, quando usada de forma estratégica.

Uma dessas formas é usar a fruta para substituir alimentos menos saudáveis, como doces:

  Continua Depois da Publicidade  

  • Uvas geladas podem ser uma ótima sobremesa, e saciar o desejo por doces que aparece normalmente após o almoço.
  • Você pode ainda substituir o açúcar em vitaminas e smoothies por uvas, uma vez que elas são frutas muito doces.

Então, a uva engorda ou emagrece?

A perda de peso ocorre como um resultado de criar um déficit entre calorias ingeridas e calorias queimadas. 

Além disso, é importante ressaltar que a uva é uma fruta com baixa caloria e com apenas 17 gramas de carboidratos para cada 100 gramas do alimento.

Por isso, podemos dizer que a uva, quando inserida em uma dieta equilibrada e saudável, não engorda, e pode inclusive ajudar na perda de peso.

Entretanto, outros fatores podem afetar a relação de um alimento com o emagrecimento, como veremos a seguir:

1. Índice glicêmico

O índice glicêmico é uma ferramenta usada para estimar o efeito de um alimento que contém carboidratos nos seus níveis de açúcar no sangue, e podemos interpretá-los da seguinte forma:

  • IG abaixo de 55: É considerado baixo
  • IG entre 56 e 79: Índice glicêmico moderado
  • IG acima de 70: É considerado alto.

Assim, como a uva possui um índice glicêmico de 40, o que é um valor baixo, significa que a fruta não aumenta muito os níveis de açúcar no sangue.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, é possível minimizar o Índice glicêmico de um alimento, misturando-o com outros que possuam grandes quantidades de proteínas, gorduras saudáveis ou fibras alimentares.

Isso acontece porque fibras, proteína e gordura fazem com que seu corpo demore mais para digerir seus alimentos, desacelerando assim a liberação de açúcar na corrente sanguínea.

Veja também: Suco de uva integral emagrece mesmo? Benefícios e dicas

2. Quantidade de fibras

As fibras alimentares, além de ajudarem a diminuir o índice glicêmico de uma refeição, também contribuem para a sensação de saciedade e para a saúde do sistema digestivo.

Isso se deve ao fato de as fibras não serem digeridas durante a digestão, o que faz com que elas cheguem praticamente intactas ao intestino.

Assim, elas aumentam a sensação de “estômago cheio” (saciedade), além de combater e prevenir a constipação intestinal.

  Continua Depois da Publicidade  

3. Antioxidantes

As uvas, principalmente as de coloração roxa e vermelha, são ricas em compostos antioxidantes, dentre os quais se destaca o resveratrol, além de vitamina C, K e A.

Assim, as uvas podem ter um papel anti-inflamatório no organismo, além de ajudar a combater os efeitos danosos dos radicais livres.

E, justamente por combater a inflamação, os antioxidantes podem ser úteis no combate à resistência à insulina, ajudando a evitar os picos desse hormônio e a fome que esse aumento causa. 

Outros benefícios da uva

Uva verde
Todos os tipos de uvas trazem benefícios para a saúde

Além dos benefícios para a saúde que citamos acima, a uva, quando parte de um plano alimentar adequado, pode contribuir para a saúde como um todo, como veremos a seguir:

1. É fonte de potássio

A fruta, assim como o suco de uva integral, possui uma grande quantidade de potássio. 

Esse mineral é importantíssimo para a saúde dos vasos sanguíneos, e ajuda a mantê-los flexíveis. Assim, ele contribui para o tratamento e a prevenção de problemas como a hipertensão arterial.

2. Ajuda a proteger os ossos

Os minerais presentes na uva, assim como a vitamina K, podem ser excelentes aliados da saúde óssea, ajudando assim a prevenir problemas como a osteoporose.

Isso acontece porque esses nutrientes participam da fixação do cálcio nos ossos. Mas, para que isso ocorra, é importante ter uma dieta rica em nutrientes e, se possível, praticar atividades físicas regularmente.

3. Ajuda a reduzir o colesterol

Outro benefício da uva é o de ajudar na redução dos níveis de colesterol, devido principalmente à quantidade de fibras alimentares presentes na fruta.

Isso ocorre porque as fibras diminuem a absorção do colesterol e de gorduras durante a digestão, o que acaba reduzindo os seus níveis sanguíneos.

Vídeo

Você costuma comer uvas mais para substituir lanches e refeições que não são saudáveis? Você acha que a uva engorda ou emagrece? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (59 votos, média 4,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário

5 comentários em “Uva engorda ou emagrece?”

    • Como é q comer carboidrato diminui a taxa glicêmica? Se ele ao ser ingerido se transforma imediatamente em glicose!? Dieta cetogênica neles!

      Responder
      • Quando se trata de saúde, de fato, é preciso selecionar bem os alimentos mas sinceramente, sendo politicamente incorreta, (rs) posso dizer por experiência própria que o que emagrece ou engorda é simplesmente a quantidade de calorias ingeridas. Consumir 800 a 1200 calorias/dia emagrece independente de ser 1000 calorias em frutas e legumes ou você comer as 1000 todas em chocolate.
        Eu perdi 21kg em 4 meses, comendo 1200 calorias contadinhas às vezes até administrando 4 fatias de pizza e refrigerante zero ou 1 barra de 100 gr. de chocolate + 2 copos de leite desnatado pra compensar. O importante é no final a conta fechar no limite calórico estipulado.
        Aconselho ? Não. A saúde sofre. Tive queda de cabelo, fiquei parecendo debilitada , fraca mas logo estabilizou.
        Mas eu vi na prática que emagrecer é contar calorias e ponto final. Façam escolhendo alimentos saudáveis mas se quiser fazer com pizza vai emagrecer do mesmo jeito.

        Responder