Benefícios do cará – Para que serve e propriedades

Especialista da área:
atualizado em 22/02/2021

O cará (colocasia esculenta) é uma espécie de tubérculo, assim como o inhame, que traz diversos benefícios para a saúde, que vão desde a prevenção da constipação até a melhora da imunidade.

  Continua Depois da Publicidade  

Mas, o cará ainda é pouco aproveitado, principalmente devido à dificuldade de reconhecer o vegetal, que é comumente confundido com o inhame.

Então, vamos agora conhecer melhor esta raiz e seus benefícios para a saúde, além de descobrir se o cará engorda ou emagrece.

O que é o cará?

cará

O cará é uma raiz tuberosa, como a batata doce, a beterraba e a cenoura, por exemplo. Sua origem vem do sul da Ásia, da região da Indonésia, e é usado desde a antiguidade para diversos fins.

Entretanto, seu consumo não é tão difundido, e ele é bastante confundido com o inhame, já que ambos são muito parecidos, mas pertencem a famílias diferentes.

Mas é possível encontrar algumas diferenças entre os dois vegetais, pois o inhame tem forma mais arredondada e a casca peluda. Já o cará é maior que o inhame e não tem pelos na casca.

Além disso, o cará é conhecido por diversos nomes, já que existem inúmeras variedades do vegetal e isso aumenta ainda mais a confusão na hora de escolher o correto.

Os outros nomes pelos quais o cará é conhecido são:

  • Inhame roxo;
  • Inhame grande;
  • Inhame branco.

Benefícios do Cará

O cará é uma raiz bastante nutritiva, com altos níveis de carboidratos complexos, fibras alimentares, além de vitaminas e minerais, como o potássio.

Veja abaixo a composição de macronutrientes por porção de 100 g de cará cozida e sem sal.

  Continua Depois da Publicidade  

ComponenteValor por 100 g
Calorias77 kcal
Carboidratos18,8 g
Proteína1,52 g
Gorduras0,11 g
Fibra alimentar2,63 g

Os demais nutrientes estão em uma tabela mais detalhada, ao final do artigo.

1. Melhora a saúde do coração

O potássio presente no cará ajuda a manter a elasticidade dos vasos sanguíneos, melhorando assim o controle da pressão arterial.

Além disso, os antioxidantes presentes nesta raiz reduzem a inflamação do organismo, e ajudam a prevenir a formação de placas de gorduras no interior das artérias.

Por isso, pode-se dizer que o consumo de cará contribui tanto para a prevenção quanto para o tratamento de doenças cardiovasculares.

saúde do coração

2. O cará é rico em fibras

A presença de fibras alimentares solúveis e insolúveis traz diversos benefícios para a saúde, como:

  • Melhora e prevenção da constipação: As fibras insolúveis contribuem para a melhora da hidratação e do volume das fezes, o que é essencial para evitar quadros de constipação;
  • Regula a absorção de açúcares, gorduras e colesterol: Esse efeito se deve principalmente às fibras solúveis, como a pectina, que formam um tipo de gel quando entram em contato com a água. Assim, a absorção desses macronutrientes é feita de forma mais lenta, ou mesmo diminuída, o que contribui para a redução de seus níveis sanguíneos.

3. Boa fonte de carboidratos

O cará apresenta grande quantidade de carboidratos, podendo ser um substituto do arroz em algumas refeições.

Mas, diferente de outros alimentos, seus carboidratos complexos são considerados saudáveis, uma vez que são digeridos de forma mais lenta, e assim não causam picos de glicemia.

4. O cará ajuda a manter a saúde da flora intestinal

As fibras do cará também ajudam a manter a saúde da flora intestinal. Isso acontece porque essas fibras não são digeridas, e chegam intactas no intestino grosso, o que favorece o crescimento de bactérias boas que ali vivem.

  Continua Depois da Publicidade  

Essas bactérias benéficas, por sua vez, são responsáveis por uma série de benefícios para a nossa saúde, como:

  • Prevenção de infecções intestinais;
  • Melhora da imunidade;
  • Melhor absorção de nutrientes.
Microbiota intestinal

5. Ajuda a emagrecer

O cará é um alimento pouco calórico, porém rico em fibras alimentares e carboidratos complexos.

Assim, ele ajuda a controlar o apetite e a reduzir a ocorrência de picos de glicemia e de insulina, uma vez que seus carboidratos são absorvidos de forma mais lenta.

6. É rico em antioxidantes

O cará também é rico em antioxidantes, que são essenciais para o combate aos radicais livres.  

Por isso, incluir o cará, assim como outros alimentos ricos em antioxidantes, pode ajudar a prevenir certos problemas que estão ligados ao estresse oxidativo, como:

  • Inflamações, uma vez que os antioxidantes auxiliam no controle das reações imunológicas;
  • Alguns tipos de câncer, pois esses compostos protegem o DNA das células dos danos causados pelo estresse oxidativo;
  • Envelhecimento precoce da pele, pela ajuda na produção de colágeno conferida pelos antioxidantes, além da prevenção dos danos causados pelos radicais livres e pela radiação solar.

7. Controla os níveis de açúcar no sangue

O cará é uma fonte de carboidratos de baixo índice glicêmico, o que significa que a conversão dos carboidratos presentes no vegetal, em açúcar, é bem lenta.

Isso ajuda a manter em equilíbrio os níveis de glicose no organismo, e faz do cará um bom alimento para quem sofre de diabetes.

8. O cará ajuda a melhorar os sintomas da menopausa

O cará é rico em substâncias conhecidas como fitoestrogênios, que possuem uma estrutura parecida com o principal hormônio feminino, o estrogênio.

Por isso, o consumo de cará por mulheres que estão passando pela menopausa pode ajudar a aliviar os sintomas típicos desse período, como os suores noturnos e as mudanças de humor.

Efeitos colaterais

A ingestão em excesso de cará através da dieta pode resultar em alguns efeitos colaterais indesejados, como:

  • Diarréia;
  • Dor de cabeça;
  • Vômitos.

Além disso, o cará contém uma boa quantidade de fitoestrogênios, pode desregular os hormônios no organismo quando consumido em excesso.

Dicas e cuidados

  • O cará roxo, em especial, pode ser usado como um corante natural em diversas receitas dando aquele toque especial;
  • Também é possível incluir o cará em diversas receitas, como sopas, purês e pães. Além disso, ele pode ser consumido cozido, seja puro ou como acompanhamento.

Tabela nutricional

Porção de 100 g de cará cozida e sem sal.

ComponenteValor por 100 g
Calorias77 kcal
Carboidratos18,8 g
Proteína1,52 g
Gorduras0,11 g
Fibra alimentar2,63 g
Gorduras saturadas0,03 g
Gorduras monoinsaturadas0,01 g
Gorduras poli-insaturadas0,07 g
Cálcio5,23 mg
Ferro0,31 mg
Sódio1,01 mg
Magnésio14,8 mg
Fósforo27,7 mg
Potássio202 mg
Zinco0,24 mg
Cobre0,11 mg
Selênio0,49 mcg
Vitamina A (RE)13,6 mcg
Vitamina A (RAE)6,82 mcg
Alfa-tocoferol (Vitamina E)0,38 mg
Tiamina0,12 mg
Vitamina B60,12 mg
Equivalente de folato11,3 mcg
Fonte: Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TACO)
Fontes e referências adicionais

Você já imaginava que existiam tantos benefícios do cará para a saúde? Tem costume de consumi-lo em sua região? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (45 votos, média 3,91)
Loading...
Sobre Marcela Gottschald

Marcela Gottschald é Farmacêutica Clinica - CRF-BA 8022. Graduada em farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2013. Residência em Saúde mental pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Experiência em pediatria e nefrologia, com ênfase em unidade de terapia intensiva. Ela faz parte da equipe de redatores do MundoBoaForma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

13 comentários em “Benefícios do cará – Para que serve e propriedades”

  1. Muito interessante, conheço o tubérculo desde criança, no entanto, não sabia que tinha tantos benefícios. Foram bastante úteis, parabéns.

    Responder
  2. Eu e meu marido substituimos o arroz pelo cara, as vezes misturo os 2 com cabotia, abobrinha,repolho entre outros e comemos todos os dias tem algum problema em come-lo todos os dias

    Responder
  3. Amo cará. Obrigada pela matéria. Depois que aprendi uma receita que os japoneses fazem, gostei mais ainda:
    Ralar um cará, cru. Espremer limão ( a gosto e de acordo com o tamanho do cará. Para um cará grande utilizo quase um limao inteiro, para os menores, utilizo metade de um limão). Colocar um pouco de shoyu e misturar. Fica um sabor maravilhoso. E tem pessoas que fazem esta receita acrescentando um pouquinho de hondashi. Dá um sabor ainda mais especial. porém, como o shoyu já é rico em sódio se não quiser colocar nao coloca.
    E um cará ralado rende, a receita dá para 2 ou até 4 pessoas dependendo do tamanho do cará.

    Responder
    • Gostei muito da matéria.
      Consumo cará desde criança e agora à procura de alimentos saudáveis aumentei o consumo.
      Sempre faço tipo um iogurte vegano: depois de cozido bato com banana, mamão e manga por exemplo, fica uma delicia

      Responder
  4. sim gosto muito sempre consumo no meu café da manha gosto de fazer com carne cozida e batido com leite e açucar e tambem faço purê com leite em pó e manteiga deixei de dar ao meu esposo que tem diabete pq dizem nao ser bom o cará e sim o inhame gostaria de tirar esta duvida .

    Responder
  5. consumo 3 vezes por semana um pedaço de cara cru batido com leite, traz algum problema a saúde consumir desta forma?

    Responder