Zeaxantina: o que é, para que serve e fontes

Especialista:
atualizado em 21/01/2021

Muito se ouve falar hoje em dia sobre os benefícios da zeaxantina, embora poucos saibam o que ela é e para que serve exatamente.

  Continua Depois da Publicidade  

A zeaxantina, assim como a luteína, é um pigmento natural com ação antioxidante encontrado em diversos vegetais, e suas ações incluem a proteção dos olhos e da pele contra a ação dos radicais livres e do tempo.

Então, a seguir vamos entender melhor o que é a zeaxantina, quais suas ações no corpo e quais os alimentos que são ricos neste antioxidante.

O que é a zeaxantina?

A zeaxantina é um antioxidante carotenoide que age na prevenção do estresse oxidativo, que por sua vez é causado pelos radicais livres.

Nos seres humanos, a zeaxantina é encontrada principalmente nos olhos, em uma região chamada de mácula, que é responsável pela visão central.

Mas como o nosso corpo não produz esta substância, é necessário obtê-la através da alimentação. Por isso, a inclusão de fontes desse carotenoide na dieta é essencial para a manutenção da saúde, principalmente a dos olhos.

Benefícios da zeaxantina para a saúde

zeaxantina protege contra doenças oculares
A zeaxantina protege contra doenças oculares

1. Protege contra a degeneração macular

De acordo com um estudo publicado no periódico Antioxidants, a zeaxantina, juntamente com a luteína, são essenciais para a manutenção da saúde dos olhos, especialmente da mácula.

Isso acontece porque essa região é rica nesses pigmentos antioxidantes, que protegem os olhos da ação dos radicais livres, da radiação solar e da inflamação.

Assim, a inclusão de alimentos ricos em zeaxantina contribui para a manutenção da saúde ocular, principalmente na terceira idade, que é quando os problemas degenerativos aparecem com maior frequência.

2. Previne a incidência de catarata

A catarata ocorre quando a lente transparente do olho fica opaca, causando visão turva ou fraca, sensibilidade à luz, visão dupla e visão noturna deficiente.

  Continua Depois da Publicidade  

Essa degeneração da lente é mais comum em fases mais avançadas da vida, e tem como principal causa a ação dos radicais livres, que com o passar dos anos oxida os tecidos do corpo.

Assim, a catarata é outra doença ocular que pode ser prevenida com o consumo regular de zeaxantina, luteína e outros carotenoides, uma vez que elas agem exatamente na proteção contra o estresse oxidativo nos olhos.

3. Protege a retina contra a retinopatia diabética

Uma das complicações da diabetes descontrolada é a chamada retinopatia diabética. Nesta doença, o excesso de açúcar no sangue acaba danificando a retina, e pode, inclusive, levar a cegueira.

Um estudo americano avaliou o efeito da zeaxantina na prevenção dessa retinopatia, e os resultados, publicados no periódico Archives of biochemistry and biophysics, foram bastante promissores.

Mas ainda é necessária a realização de estudos maiores, para avaliar a dose ideal do antioxidante, assim como para entender o seu mecanismo de ação.

4. Protege a saúde da pele

Da mesma forma que a zeaxantina traz benefícios para os olhos, ela também protege a pele contra as agressões da radiação solar e dos radicais livres.

Assim, o seu consumo ajuda a desacelerar o envelhecimento da pele, desde que seja associado ao uso de protetores solares e de hábitos de vidas saudáveis.

Alimentos ricos em zeaxantina 

vegetais verde-escuros
As folhas verde-escuras são ricas em zeaxantina

Este fitoquímico está presente em uma grande variedade de alimentos, que pesquisadores costumam distribuir em três grupos:

  Continua Depois da Publicidade  

1. Vegetais verdes folhosos

As folhas verde-escuras são uma fonte naturalmente rica de luteína e zeaxantina, e os vegetais que melhor representam este grupo são:

Mas é importante lembrar que estes vegetais têm a sua quantidade de zeaxantina aumentada depois de levemente cozidos.

2. Outros vegetais coloridos

Outros vegetais verdes, amarelos e alaranjados também são ricos em zeaxantina.

Alguns deles são:

3. Frutas e gemas de ovos

As gemas de ovos e algumas frutas também contêm zeaxantina, especialmente frutas com tonalidade amarela e laranja, como

Os suplementos de zeaxantina

Devido aos possíveis benefícios da zeaxantina para a saúde dos olhos, muitos fabricantes de suplementos têm adicionado este carotenoide às suas várias formulações vitamínicas.

Mas não existe ainda uma dosagem exata recomendada de zeaxantina, uma vez que as características pessoais afetam as necessidades diárias deste nutriente.

Entretanto, a maioria dos estudos utiliza uma dose de 2 mg ao dia, e essa quantidade já é o suficiente para ajudar na redução do risco de problemas oculares.

Os suplementos de zeaxantina mais populares incluem:

  • EyePromise Zeaxanthin (Zeavision);
  • ICaps Eye Vitamin Lutein & Zeaxanthin Formula (Alcon);
  • Macula Complete (Biosyntrx);
  • MacularProtect Complete (ScienceBased Health);
  • MaxiVision Ocular Formula (MedOp);
  • OcuGuard Plus (TwinLab);
  • PreserVision (Bausch + Lomb)

É seguro tomar suplemento de zeaxantina?  

O uso de Zeaxantina tem se mostrado seguro nos estudos realizados, com praticamente nenhum feito colateral apresentado. Além do mais, ela é aprovada por diversos órgãos regulatórios.

Mas é consenso que o uso de suplementos não substitui a necessidade de uma alimentação saudável, e que a melhor fonte de nutrientes é sempre a natural.

Durante quanto tempo se deve tomar zeaxantina?

O aumento dos níveis de zeaxantina nos olhos é um processo gradual, e a melhor forma de garantir uma quantidade adequada é manter uma alimentação saudável ao longo da vida.

E o mesmo mecanismo é válido para a suplementação, embora os estudos ainda não demonstrem um consenso sobre o tempo ideal de uso.

Fontes e Referências adicionais
Sobre Marcela Gottschald

Marcela Gottschald é Farmacêutica Clinica - CRF-BA 8022. Graduada em farmácia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2013. Residência em Saúde mental pela Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Experiência em pediatria e nefrologia, com ênfase em unidade de terapia intensiva. Ela faz parte da equipe de redatores do MundoBoaForma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

15 comentários em “Zeaxantina: o que é, para que serve e fontes”

  1. TENHO PROBLEMA DE EDEMA MACULA APOS CIRURGIA DE CATARATA REALIZADA EM 2005.NOS UTIMOS ANOS TIVE A RECOMENDAÇAO DE OFTALMO DE APLCAÇÃO DE OZURDEX. NAO MELHORA A VISAO MAS, PELO OCT INDICA REDUÇÃO DO EDEMA ;NÃO O EXTINGUE E A CADAMEIO ANO RETOMA O VOLUME DE LIQUIDO PREJUDICANDO A RETINA.VOCES TEM ALGUMA INDICAÇÃO.tive recomendação de vision RX20.

  2. Existem um suplemento chamado AREDS da Latinofarma e um outro chamado DOIS do mesmo laboratorio. Ao pesquisar para comprar encontrei um suplemento da BaushLomb chamado AREDS2.
    Qual a diferenca, posso substituit o Areds + DOIS da Latino pela AREDS2 da BL ?

  3. Tenho catarata e fiz avaliação para operar. O medico disse que posso esperar e faser outra avaliação em Junho. Receitou Neivite Max (luteína, zeaxantina,vit C,E e zinco ) o preço 109.50 uso continuo .
    Vou fazer uso desses vejetais acho que vai ser melhor pra mim. Obrigada

    • Alguém poderia me indicar um fornecedor de confianca para comprar o Neivit Max? Surtiu efeito realmente a sua segunda avaliação? Qual o modo de tomar ele ? Agradeco desde já!

  4. me interessei muito pois tenho problemas sérios no olho….mas fiquei em dúvida pois tem o produto a ser vendido em torno de 30,,00 e por 180,00….e agora???

    • Vale a pena consultar um oftalmologista ou um nutricionista e relatos de pessoas que já consumiram as marcas.

  5. Excelente e e Esclarecedor.
    Uma dúvida.
    Você falou a couve cozida.
    E o suco da folha apenas com água, também tem a mesma porcentagem, como citado?

      • Tomo Neovit da Bausch Lomb que contem Luteina , Zeoxantina , vitamina E , C e Cobre para tratar DMRI e os resultados tem sido otimos ! Estou felz com os resultados !

        • oi Marta! notaste resultados ? quais resultados foram ? quanto tempo estás tomando ? eu estou tomando ha 3 ou 4 meses e nao percebo nenhuma diferença ainda, fora o fato de que alterei bastante a minha alimentaçao já ha alguns quantos anos, como uma media de 3 kg de cenouras por mes – ja estou cor de cenoura hahahahahahahaha, muita alface, couve e outras folhas assim como mamão e outras frutas como bergamota e laranja. tenho DMRI nos dois olhos.

  6. O uso desse complemento realmente é muito necessário, mas confiar no produto neste Brasil de fraudes é complicado. Eu tomo de uma marca fabricada aqui, mas você pode notar que na relação de suplementos não tem nenhum fabricado aqui. Nos EUA existe a FDA(Food and Drug Administration) que é um órgão muito exigente na qualidade dos medicamentos e produtos. Aqui é Deus e mais ninguém, pois o cara só pensa em levar vantagem e a fiscalização também.

  7. eu preciso aumentar o consumo de alimentos ricos em luteina e zeaxantina, pois tenho degeneração da retina.

  8. Com certeza eu preciso aumentar a minha injesta de ovos,brócolis,espinafres e outros também ricos em luteina e zeaxantina pra uma melhor prevenção.